Copa: o Brasil ganhou, a mídia perdeu

Já se tem o resultado parcial da Copa: reconhecimento geral – da imprensa nacional e internacional – que é uma Copa bem organizada, com estádios de futebol excepcionais, aeroportos eficientes, sistemas de segurança adequados, logística bem estruturada e a inigualável hospitalidade do povo brasileiro.

Vários jornais (internacionais) já a reconhecem como a maior Copa da história.

***

Agora, voltem algumas semanas atrás, pouco antes do início da Copa.

A imagem disseminada pela imprensa nacional – era a de um fracasso retumbante. Por uma mera questão política, lançou-se ao mundo a pior imagem possível do Brasil. O maior evento da história do país, aquele que colocou os olhos do mundo sobre o Brasil, que atraiu para cá o turismo do mundo,  foi manchado por uma propaganda negativa absurda. Em vez das belezas do país, da promoção turística, do engrandecimento da alma brasileira, da capacidade de organização do país, os grupos de mídia nacionais espalharam a imagem de um país dominado pelo crime e pela corrupção, sem capacidade de engenharia para construir estádios – justo o país que construiu duas das maiores hidrelétricas do planeta -, com epidemias grassando por todos os poros.

Um dos jornais chegou a afirmar que haveria atentados na Copa, fruto de uma fantasiosa parceria entre os black blocks e o PCC. Outro informou sobre supostas epidemias de dengue em locais de jogo da Copa.

***

O episódio é exemplar para se mostrar a perda de rumo do jornalismo nacional, a incapacidade de separar a disputa política da noção de interesse nacional. E a falta de consideração para com seu principal produto: a notícia.

Leia também:  O jogo dos juros, o impacto na economia e na Globo, por Luis Nassif

Primeiro, cria-se o clima do fracasso.

Criado o consenso, abre-se espaço para toda sorte de oportunismos. É o ex-jogador dizendo-se envergonhado da Copa, é a ex-apresentadora de TV dizendo que viajará na Copa para não passar vergonha.

***

Tome-se o caso da suposta corrupção da Copa. O que define a maior ou menor corrupção é a capacidade de organização dos órgãos de controle. O insuspeito Ministério Público Federal (MPF) montou um Grupo de Trabalho para fiscalizar cada ato da Copa, juntamente com o Tribunal de Contas da União e a Controladoria Geral da União. O GT do MPF tornou-se um case, por ter permitido economia de quase meio bilhão de reais.

***

Antes da hora, é fácil afirmar que um estádio não vai ficar pronto, que um aeroporto não dará conta do movimento, que epidemias de dengue (no inverno) atingirão a todos, que os turistas serão assaltados e mortos. Fácil porque são apostas, que não têm como ser conferidas antecipadamente.

Quando o senhor fato se apresenta, todos esses factóides viram pó.

A boa organização da Copa não é uma vitória individual do governo ou da presidente Dilma Rousseff. É de milhares de pessoas, técnicos federais, estaduais e municipais, consultores, membros dos diversos poderes, especialistas em segurança, trânsito, empresas de engenharia, companhias de turismo, hotelaria.

E tudo isso foi jogado no lixo por grupos de mídia, justamente os maiores beneficiários. Eram eles o foco principal de campanhas publicitárias bilionárias, sem terem investido um centavo nas obras. Pelo contrário, jogando diuturnamente contra o sucesso da competição e contra qualquer sentimento de autoestima nacional.

242 comentários

  1. “O episódio é exemplar para

    “O episódio é exemplar para se mostrar a perda de rumo do jornalismo nacional, a incapacidade de separar a disputa política da noção de interesse nacional”:

    Meu slogan pelos ultimos anos eh…  “Todo meu jornalismo vem de blogs”.

    Juntem se a mim!

    • Junte-se a mim

      Caro colega Ivan, diante da mediocridade das notícias publicadas pela mídia nacional, a mais de dois anos não assito TV (principalmente Globo, Band e SBT) e me informo através de bogs, como você e alguns sites. Leio apenas um semanário, que considero o melhor do país. POrtanto, estou junto com você e apoio a sua idéia.

       

  2. Os verdadeiros CORRUPTOS…

    … sãos os donos da mídia e seus “sistemas” de apoio, incluindo políticos, banqueiros, advogados e juízes e os bandidos, propriamente ditos.

    Nem sempre nessa ordem, mas todos orquestrados e bem remunerados.

  3. O que eles plantaram pode ser

    O que eles plantaram pode ser colhido e o seu maior fruto será o descrédito! Doravante, o mundo dará pouco crédito à imprensa brasileira. Por outro lado, a imprensa internacional bem que poderia ter vindo aqui conferir “in loco” o que se falava. Preferiru “copiar” a brasileira. Ambas falharam. E feio!

  4. Tem gente que acreditou nas 350 pragas agrícolas

    Tem gente q acreditou que a Copa traria pelo menos 350 pragas agrícolas, sites especializados em agriculturam repercutiram isso:

    Copa do Mundo aumenta risco de novas pragas na agricultura, no site Sou Agro, em 11-6-14

    Os 31 países classificados para o torneio abrigam, juntos, mais de 350 pragas ainda inexistentes no Brasil e que podem entrar com os torcedores estrangeiros, informa a pesquisadora Regina Sugayama, autora de estudo sobre o assunto.

    Redação*

    Cartaz informa sobre as pragas

    Cartaz informa sobre as pragas

    Enquanto os brasileiros e os estrangeiros que vieram assistir os jogos da Copa do Mundo 2014 estão vibrando e torcendo, o campo pode estar sendo ameaçado por centenas de novas pragas. Que vieram, justamente, com os estrangeiros, em suas malas e bolsas, ou mesmo nos sapatos e roupas.

    Levantamento encomendado pela Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef) mostra que os 31 países classificados para a Copa do Mundo abrigam, juntos, mais de 350 pragas ainda inexistentes no Brasil. São insetos, ácaros, fungos e vírus que, se introduzidos em nossas lavouras, trarão prejuízos aos agricultores locais e podem causar impacto na produção nacional de alimentos.

    A pesquisadora Regina Sugayama, diretora da consultoria Agropec e autora do estudo, explica que o aumento do trânsito de pessoas entre países nos últimos anos tem ajudado a disseminar as pragas pelo mundo. Entre 1901 e 2014, 68 espécies de pragas exóticas foram detectadas no Brasil – 20 delas somente nos últimos dez anos. “Às vésperas de grandes eventos como a Copa do Mundo e a Olimpíada, é preciso reforçar a atenção em nossas fronteiras e aeroportos”, afirma a pesquisadora.

    O alerta de Sugayama é embasado na experiência: durante a Olimpíada de Pequim, em 2008, foram introduzidas 44 novas pragas na China. Dois anos depois, após os Jogos Asiáticos de Guangdong, foram identificadas mais 32 espécies invasoras.

    O Ministério da Agricultura estima em cerca de 600 mil o número de estrangeiros que virá ao Brasil para os jogos da Copa do Mundo e informou, em nota, que vem promovendo treinamentos e reforçando suas equipes de fiscais agropecuários nos locais de entrada dos estrangeiros no País.

    São Paulo, por exemplo, que abriga o maior parque citrícola do mundo, ameaçado por pragas como greening (HLB) e CVC (“amarelinho”), vai receber as seleções da Holanda, Chile, Bélgica, Uruguai, Croácia, Coreia do Sul e Inglaterra, sendo que alguns desses países são grandes produtores mundiais flores e hortaliças. Devido ao deslocamento de dezenas de milhares de torcedores, as chances de alguma praga da cultura chegar à região aumentam consideravelmente.

    Plano de combate e prevenção

    “É preciso ter um plano efetivo de combate e prevenção antes e durante a Copa do Mundo, pois uma vez que a praga entra, por não ter inimigos naturais nem produtos registrados para o combate, seu controle é muito complicado”, afirma Eduardo Daher, diretor executivo da Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef). “Ninguém imaginava que a Helicoverpa armigera poderia chegar ao Brasil. Pois ela chegou e em um ano já causou um prejuízo bilionário. Precisamos barrar a entrada de novas Helicoverpas”, diz o executivo, referindo-se à lagarta que vem causando grandes prejuízos em várias culturas e pedindo que a vigilância brasileira contra a entrada de alimentos ilegais seja severa.

    Os Estados Unidos, com 225 pragas quarentenárias para o Brasil, lideram o ranking das “nações mais perigosas” para o agro brasileiro. Para agravar a situação, os americanos são também os que mais compraram ingressos para os jogos da Copa: cerca de 187 mil entradas. Turistas vindos da França, Itália, Austrália e Alemanha também preocupam.

    Leia ainda:

    Indústria reforça necessidade de cuidados com entrada de pragas no País

     

     

     

     

    http://souagro.com.br/copa-do-mundo-aumenta-risco-de-novas-pragas-na-agricultura/

  5. Há textos muito engraçados sobre as 350 pragas agrícolas

    Cuidado com a torcida americana!

    “As chances de Brasil e Estados Unidos se enfrentarem nesta Copa do Mundo são muito remotas. Mesmo assim, os norte-americanos continuam sendo os adversários mais perigosos para os brasileiros durante o evento.

    Isso ocorre porque as 31 delegações que virão ao país poderão trazer 350 pragas ainda inexistentes no Brasil.

    A maior ameaça vem dos norte-americanos, com 225 espécies. E pior: além de líder nas pragas, os EUA trazem o maior número de torcedores”

     

     

    http://www.acrimat.org.br/noticia_completa.php?id=3033

  6. JORNAIS SÓ QUEREM SANGUE

    JORNAIS SÓ QUEREM NOTÍCIAS NEGATIVAS..MAS TÁ TUDO MARAVILHOSO

     

    Trecho da entrevista com José Luis Pérez, fotógrafo que cobre a copa para a Fifa e agências para o Globo, 24jun14

     

    “Que tipo de fotos os jornais e sites estão querendo?

     

    A Copa está dando certo, quase tudo está funcionando, mas os veículos, principalmente os espanhóis, só querem fotos de protesto, de confusão, ou que mostrem o Rio como uma cidade violentíssima.

     

    Acontece que não consegui ver violência no Rio até agora.

     

     É sua estreia no Brasil. Quais as impressões do marinheiro de primeira viagem?

     

    Estou achando tudo maravilhoso, o Rio de fato é um estouro, mas o que me impactou

    mesmo foi o período em Salvador. Que cidade! E foi ali que senti realmente um espírito deanimação com a Copa e com o Brasil, as ruas todas decoradas, festa o tempo todo, a população fora de suas casas torcendo e curtindo e dançando.”

  7. Excelente

    Irretocável, nada a acrescentar.

    Muito a refletir sobre o Brasil, a incapacidade de discernimento de parte da nossa população que embarcou no negativismo da grande mídia, a falta de instituições democráticas que equilibrem os poderes (a mídia como quarto poder).

    O que ocorreu na Copa com as notícias enviesadas, falsas e manipuladoras, jogando o Brasil para trás, serve de baliza para a constatação que a nossa imprensa não se importa com o nosso país e que o clima do quanto mais pior é o que ela resolveu abraçar.

    E o jogo sujo da mídia não é exclusividade na copa. A cada ano as notícias negativas se repetem dia a dia seja na economia com a verborragia que a inflação está descontrolada, seja escondendo a realização de obras de melhorias para o país, que o “+ médicos” não presta,….

    Esse blog chegou a pensar que o problema estava no “erro de marketing de Dilma foi ter definidos metas ambiciosas para o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e para a Copa”, afirmado no post “Uma análise do pronunciamento de Dilma”, oportunidade em que fiz o contraponto apenas se utilizando de uma imagem, uma capa da Revista Veja, para demonstrar que as informações negativistas da mídia independem da realizações  do governo; comentei:

    Muito antes, Revista Veja de 21/05/2011, a grande mídia já tentava melar o evento

    Nassif, é sempre assim. Se não tiverem fatos negativos, inventam.

     

    O bombardeio negativista ao Brasil é diário e irresponsável. Final do ano passado apresentei uma retrospectiva de matérias que foram publicadas diariamente e que todas aquelas análises da mídia não se confirmaram. Nesses primeiros meses de 2014 essas matérias parecem terem sido reproduzidas “ipsis litteris “. É oportuno reapresentá – la neste momento:

    Retrospectiva 2013 do terrorismo midiático

    O ano começou com o terrorismo midiático informando que o Brasil corria sérios riscos de apagão elétrico e que o racionamento de energia seria inevitável.

    Em janeiro a revista “Isto É” estampou em letras garrafais a manchete:

    “Possibilidade de racionamento afeta confiança de empresários, dizem economistas”

    Risco de apagão pode reduzir expansão do PIB em 2013 – Isto É 

    Ao contrário do apagão o que se viu foi a inauguração de várias hidrelétricas que já estavam em construção, tantas outras que serão entregues nos próximos anos e a expansão de outras matrizes aumentando a nossa capacidade de fornecimento energético, além do governo ter feito despencar o preço da energia.

    Em abril, a “crise do tomate” que levou uma conhecida apresentadora da rede Globo a usar um colar de tomates para pressionar o Banco Central a elevar os juros. Na próxima talvez a obriguem de colocar uma melancia no seu traseiro.

    Durante todo o ano o governo foi bombardeado com matérias pseudo – jornalísticas que exploraram de maneira sórdida:

    1) Ineficiência do modelo de concessões e falta de planejamento.

    O que se viu foram as concessões vitoriosas dos portos, aeroportos, rodovias e no pré-sal.

    2) Inflação descontrolada.

    Desde o primeiro semestre o comentarista do blog “foo” veio apresentando, mês à mês, quadros comparativos de inflação com anos anteriores demonstrando que a inflação estava completamente dentro das margens e equivalentes as meses correlatos de vários anos anteriores a 2013. Resultado, estamos fechando o ano com a inflação dentro das expectativas do governo e provavelmente ainda menor do que o ano anterior.

    3) Risco de alta no desemprego.

    Terminamos o ano com índices recordes de emprego.

    4) Movimentos de rua de junho.

    A grande mídia tentou colocar as manifestações como se fossem contra o governo Dilma e aproveitaram para tentar alavancar as candidaturas de Aécio (no desespero Serra) e Eduardo Campos (no desespero Marina). Resultado, todas as pesquisas posteriores demonstraram que Dilma ganha no primeiro turno.

    5) Mais médicos.

    A cobertura jornalística priorizou entrevistas com médicos e dirigentes dos CRMs que atacaram em defesa do corporativismo da classe, e omitiu o sucesso deste tipo de plano de atendimento em países que o implementaram levando saúde às populações esquecidas e abandonadas. Resultado, o plano tem alcançado um sucesso estrondoso.

    6) Que o país estava parado.

    Mesmo com os inúmeros canteiros de obras Brasil adentro, construção de imóveis residenciais,  estradas, portos, estaleiros,  plataformas de petróleo, o país voltando a fabricar navios, o comércio vendendo como nunca, criação de novos postos de trabalho, etc.

    7) As condenações na AP 470.

    Tentaram mais uma vez colocar a pecha de que “nunca se viu tanta corrupção no país”, como se fosse uma exclusividade do PT, chegando, a grande mídia, inclusive a lançar o nome de Barbosa como candidato à presidência da república.

    8) Que a copa será um fracasso.

    O sucesso recente da copa das confederações não foi suficiente para pautar análises mais equilibradas sobre a copa 2014.

    9) A desindustrialização.

    Esse foi mais um tópico recorrente. No entanto, a nossa mídia tradicional foi incapaz de falar nos vários incentivos do governo como as concessões vitoriosas em todos os setores da infraestrutura, a diminuição de impostos para a cadeia produtiva, a diminuição do preço da energia, disponibilização de dinheiro via BNDES, etc. Omitiu que o governo do PT reativou a nossa indústria naval para a fabricação de estaleiro e navios. A maré do contra é tão grande que até na recente aquisição dos jatos Gripen para a aeronáutica que priorizou a transferência de tecnologia e a fabricação deles em território nacional foi alvo de criticas.

    O que mais se viu nas matérias “jornalísticas” foram frases como; “o gigante acordou”, “o país está parado”, “a inflação voltou”, etc.

    Um jornalismo tendencioso e desinformativo que induz a população ao medo e a baixa qualidade de conhecimento.

    No Blog: http://assisprocura.blogspot.com.br/2013/12/retrospectiva-2013.html

     

  8. Vale lembrar da proibição do

    Vale lembrar da proibição do aditamento dos contratos, uma conquista pessoal da Dilma que muda completamente a forma de trabalhar com empreiteiras.Alem do impedimento de paralizaçao de obras que invibilizam orcamentos e obras.

  9. A Copa

    O Brasil ganhou? Bom, a Copa é um sucesso, mas ainda não vi grandes ganhos para “o Brasil”. Assim como as Olimpíadas de Londres foram um sucesso e não houve grandes ganhos para Londres. A Copa na Rússia será um sucesso e não haverá ganhos para os russos… e a Copa no Catar, bem, essa aí nem sei se vai ser um sucesso.

    Aqui no Rio de Janeiro, por exemplo, a Copa nos rendeu uma reforma do Maracanã que possivelmente vai se mostrar inviável no longo prazo, com um estádio luxuoso com custo operacional alto pra caramba. Se o Flamengo continuar levando jogos pra outros estádios do Brasil, que cobram menos e geram mais renda pro clube, como sustentar o Maracanã? Alugando pra peladas e festas de casamento?

    Nenhuma obra relevante para a infraestrutura da cidade foi concluída, com exceção do BRT que será uma obra que ficará pronta para as Olimpíadas. Isso tanto é verdade que teremos que decretar um feriado amanhã para ter o jogo entre França e Equador na cidade. Essa é a tal “logística” que o Nassif elogia.

    Nunca achei que a Copa fosse ser um “fracasso” no sentido de não acontecer, de ser uma catástrofe… Agora, não caio nesse papo de que seja um “ganho do Brasil”. Esses megaeventos já se transformaram há tempos em uma grande furada.

  10. Procurando grama em casca de ovo…

    Mas eles não entregam a rapadura fácil não, Nassif… Antes era o calor e a moda agora na ESPN Brasil é detonar os gramados… E não cansam de cair no ridículo. No jogo Itália x Inglaterra, eleito por eles como o melhor da Copa, não paravam de dizer que era desumano jogar em Manaus. Mas ainda assim insistiam (agora dizem que foi Uruguai x Inglaterra… sempre a Inglaterra… um dos campeonatos que eles transmitem…) que foi o melhor da Copa. Ora… como algo desumano, como o calor “infernal” de Manaus, pode proporcionar o melhor jogo da Copa? Algo não fecha… O vilão da vez é o gramado. Mas gramado ruim, como se sabe, proporciona maus espetáculos e não bons. Juca Kfouri, por exemplo… Fiou-se no que disse o técnico do Chile sobre o gramado do Itaquerão e desandou a reclamar contra todos os gramados. Aí veio o jogo Chile x Holanda e o que se viu? Um belo jogo de futebol, bem disputado e, como esperado, o gramado serviu apenas como pretexto para o (bom) técnico chileno justificar, em parte, a derrota de sua equipe. Ah, fez calor também, afinal o jogo aconteceu às 13 horas, segundo eles, da ESPN Brasil sempre tão empáticos com os europeus, uma insanidade… O que não impediu Robin, um quase veterano, de sair da sua pequena área, disparar pelo campo todo, receber a bola, leva-la até a linha de fundo, levantar a cabeça duas vezes (algo que não acontece quando o jogador está extenuado), ver seu companheiro entrando pelo meio e rolar a pelota com açúcar e com afeto (como se dizia antigamente…) para definir a partida. Isso tudo aos 45 do segundo tempo. Confesso que me divirto muito assistindo os pré e pós jogos. O tal do PVC por exemplo, tem uma tática infalível para acertar sempre. Antes da partida começar ele vai alternando pitacos tipo, os gols de tal equipe saem na maioria pelo lado direito, ou chama a atenção para duas ou três jogadas ensaiadas (a bola parada já virou um hit dos comentaristas… todos adoram prevenir contra a bola parada… que é forte… rsrs…). Sem coerência alguma nos pitacos, sua esperança, quando sai um gol ou a partida tem um determinado vencedor, é sempre recorrer à sua imensa capacidade de antecipar resultados recorrendo ao que disse antes – quando o que ele, e a maioria dos comentaristas esportivos, faz é apenas um exercício ilusório, no melhor estilo cartomante de madame. Como já perceberam que não só vai ter Copa como provavelmente será a melhor de todos os tempos, é preciso detonar pelas beiradas… e reclamar sempre que falta comida nos Estádios. Como se torcedor de futebol, que se preze, fosse à Estádios de futebol para comer…

  11.   É mais que política; é uma

      É mais que política; é uma VISÃO DE MUNDO.

      Já há tempos a mídia faz o que acusa o PT de fazer, ou seja, mistura governo e país. Desse modo, não importa se o Brasil fica com a imagem arranhada por conta de uma verdadeira campanha de difamação, o que conta é embaçar a imagem da “Copa do PT” – e nisso eles se traem até das formas mais insuspeitas, mais freudianas, vejam o caso do colunista da Veja que enxergou no logotipo da Copa uma homenagem ao partido de Lula e Dilma.

      A ironia fica por conta do resultado final: a imagem passada é tão negativa, tão nefasta, que qualquer resultado é surpreendentemente positivo – ainda mais quando o resultado real é de fato positivo. Daí dá-lhe um pateta Ronaldo mudar de opinião para, em seguida, mudar de novo; um pateta Faustão fazer verdadeira campanha para depois “elogiar”, seguindo a escola do pateta Jabor.

      Dentro dessa visão de mundo, vale tudo, mesmo que um dia possam voltar a assumir um país que estará com a imagem maculada por eles mesmos – e por isso não adianta procurar plataformas de campanha de um Aécio, porque a proposta é simplesmente tomar o país de volta para o mesmo grupo, nele incluído tanto os capitães da mídia quanto os assim chamados partidos políticos de direita ou centro-direita.

      Por fim, digo e repito: apenas não entramos em uma guerra civil porque esses grupos não se sentem seguros a respeito de quem venceria. Mesmo o discurso já está montado, e não vejo um refluxo no ódio.

    • Não precisa nem ler os textos

      Estão confundindo midia com opinião do povo e fatos.

      As urnas mostram a stisfação o u não com a política e a midia espelha isto.

      Como o PT cita sempre,a população está mais ‘rica’,viajando mais,gastando,logo esta mais entrosado politicamente e acessando os meios de comunicação,graças a Deus…

      É muito engraçado algumas pessoas terem pensamentos arcaicos sobre imprensa,elite e bla bla bla etc.

      Não é um partido,tipo o PT,que vai mudar a vontade do povo,que é de mudar logo.

      • Vitor, voce poderia

        Vitor, voce poderia explicitar melhor porque voce acha uma reflexao critica sobre a midia brasileira “pensamentos arcaicos sobre imprensa,elite e bla bla bla etc.” ?

        Voce poderia, tambem, ser mais especifico com relacao ‘a sua assercao de que a vontade do povo “e’ mudar logo.”

        Tudo bem, talvez voce tenha razao, e parece que voce sabe o que o povo quer.

        Entao explicita aqui para os leitores o que exatamente este povo quer mudar; e como voce acha que tais mudancas poderiam ser articuladas e implementadas dentro da realidade brasileira neste momento ?

        Assim voce contribuiria para enriquecer o debate e fazer avancar a causa da mudanca.

    • Excelente.
      Destaco o trecho

      Excelente.

      Destaco o trecho “dentro desso visão de mundo, vale tudo, mesmo que um dia possam voltar a assumir um país que estará com a imagem maculada por eles mesmos…”

      Acrescento que dentro da visão de mundo deles basta colocar a culpa de tudo, tudo nos governos trabalhistas. Eles nunca assumem responsabilidade de nada.

      A última frase também merece ser sublinhada, pois trata-se de uma verdade inquietante: também não vejo refluxo no ódio; já passaram do ponto de retorno há muito tempo. Não adianta o Gilberto Carvalho cometer sincericídios seguidos na tentativa de “dialogar” com essa turma.

  12. Yes, but…

    “E tudo isso foi jogado no lixo por grupos de mídia, justamente os maiores beneficiários”

     

    Caro Nassif, desculpe-me mas sua afirmação é no mínimo ingênua… Com a Copa eles ganham alguns bilhões em propaganda. Mas com Aécio no governo, e a volta dos demotucanos, eles ganharão trilhões. E estou apenas me referindo ao pré-sal e os destinos da Petrobrax. 

  13. copa do mundo 2014
    Essa copa esta mostrando que o Brasil deu um “chute no traseiro” dos pessimistas nacionais…

  14. Deitado retumbante e sempre sonhando

    Ah! quem me dera se tudo isto fosse verdade – como a mente do brasileiro é fertil – com certeza você não conhece o BRASIL  das ilusões.

  15. Jabour

    Acabei de tomar a primeira dose diária de veneno: ouvi a coluna desse sujeito na CBN.

    O cara, digo, comentarista virafolha, passou a achar que tudo está uma maravilha, com o povo feliz com a Seleção. Mas a culpa pelo clima de fracasso é dos petistas, que voltarão em breve, após a Copa, para disseminar o caos, com o objetivo de manter o Poder a qualquer preço.

  16. Ficha dos Estádios da Copa 2014 em site internacional de Eng.

    O endereço abaixo é de um site internacional especializado em engenharia de estruturas, onde os estádios da Copa 2014 mereceram uma página especial sobre os nossos estádios:

    http://structurae.net/specials/2014-world-cup

    É um site onde raramente se vê obras brasileiras, já que de uns anos pra cá só construímos puxadinhos.

    Com a Copa, inegavelmente fica este legado.

    Infelizmente nem todos os projetos foram elaborados no Brasil, então não podemos dizer que nos orgulhemos da engenharia nacional como em outros tempos, por todas as obras.

    Esta é, aliás, a grande crítica de minha parte que fica: de uns tempos pra cá, desmontamos vários dos nossos grandes escritórios de engenharia.

    Algumas décadas atrás teríamos feito tudo no Brasil.

    • Todos os louros ao príncipe
      Todos os louros ao príncipe FHC por este fardo.

      Como consequência dos somnrios anos Fhc, promissora carreira para engenheiro era trabalhar em bancos.

  17. Os terroristas midiáticos

    O mais grave não são os excessos de notícias negativas, mas as manipulações em cima de uma bobagem, de um pequeno problema, de uma não-notícia. E não se pode ter a ilusão de que os barões da mídia reflitam e parem com esse terrorismo. Isso só vai acontecer quando as fotos deles e seus nomes forem expostos a exaustão para que a população saiba quem são os mandantes. Eles sim, são os verdadeiros terroristas e o mau a ser combatido: Marinho, Frias, Civita, Mesquitas…

    • ‘O mal a ser combatido’.
      O

      ‘O mal a ser combatido’.

      O resultado desta copa não é visto agora,mas sim depois dela,aí sim poderemos analisar.

      Voce está usando a midia para expressar sua opinião,logo,esta contra quem é contra sua opinião e não contra a imprensa,mas num país democrático,que é oque voce não é,não vai funcionar este tipo de comentario.

      Continuando a ler estas besteirra todas que vemos por aí pode-se acreditar que chegaremos a uma guerra civil.

  18. Caro Nassif e demais
    Em

    Caro Nassif e demais

    Em relação á Minha Casa Minha Vida, o povo ganhou a mídia perdeu.

    Em relação á Transposição do SF, o povo irá ganhar, a midia perdeu.

    Em relação ao Mais Médico, o povo ganhou, a mídia perdeu, o povo ganhou.

    Em relação ao Luz Para Todos, o povo ganhou, a mídia perdeu.

    Em relação ao Pró UNi,  o povo ganhor, a mídia perdeu.

    Em relação aos enfeites nas ruas, nas casas, da Copa, a mídia ganhou, o povo perdeu.

    Etc etc etc…

    Saudações

  19. é triste!

    mas ontem no pré-jogo da ESPN-BR os jornalistas Antero Greco e Juca Kfouri disseram com todas as letras que a beleza monumental do Estadio Nacional Mané Garrincha era só externa, que por dentro era de “5ª categoria” o que deixava óbvia a malversação de fundos, os desvio$$…

    Fiquei abestado. É verdade isto, quem já esteve no Estádio pode confirmar?

    Pq na tv em HD não parece de quinta categoria… parece ok… enfim!

    :/

    • Manchete do Juca Kfouri sobre

      Manchete do Juca Kfouri sobre a vitória no primeiro jogo do Brasil: Arigatô, apitadô. Manchete no empate sobre o México: O time está mal. Ontem foi o mesmo pessimismo, não existe time só o Neymar. Desconfio que o Juca deve ter algum problema na vida pessoal para ser tão mal humorado assim.

      Ser crítico tudo bem mas tanto azedume assim é chatice. Dá licença da gente festejar? Além do que, o Juca Kfouri faz parte dos analistas tipo Conti: fala sempre de cima com um viés sociológico de meia tijela deste pobre povo que gosta de assistir futebol.

      Quer um conselho Under: assiste a Fox.

       

    • Cara,você se enganou, o juca

      Cara,você se enganou, o juca afirmoun que o estádio por dentro era lindo,por fora é que havia um mau acabamento.

  20. Criar notícias falsas ou

    Criar notícias falsas ou enfatizar notícias negativas sobre a organização e realização do evento faz com que seja necessário um investimento ainda maior por parte dos organizadores em publicidade para combater a imagem negativa criada pelos canais de mídia. Não é surpresa nenhuma. Aproveitam-se do fato de que os leitores ou ouvintes não se preocupam em avaliar o conteúdo das notícias, limitando-se somente a acreditar nas informaçãos apresentadas. 

  21. Texto parcial

    Sr. Nassif, faça-me o favor!

    O seu texto chega a ser infantil. A mídia brasileira é equivalente a organização da Copa do Mundo, no palco tudo maravilhoso, mas nos bastidores é um mar de lama. Uma irônia interessante, a Rede Globo (tão odiada pela esquerda) fez o mesmo joguinho do governo ao diminuir todos os pontos polêmicos como superfaturamento e obras de infraestrutura que não sairam do papel. No caso deles o interesse era financeiro e o do governo político, mas caminharam de mão dadas. Lindo, não? A tal Copa pode ser um sucesso como evento, mas depois que terminar sobrarão uma série de perguntas sem respostas e será o momento que vou procurar nos blogs como o do senhor, o da Socialista Morena, O Cafezinho e outros que defendem a situação para ver quais serão os argumentos. 

    Agora, uma coisa tenho que reconhecer, a gastança nessa copa foi pluripartidária, não tem partido que se considere limpo porque todos tiraram sua casquinha de alguma forma e não seria diferente nos grandes meios de comunicação. Alguém aqui poderia citar uma revista ou jornal ou emissora que tenha um trabalho imparcial?

     

  22. Ineficazes

    Talvez, tanto quanto um deliberado direcionamento político, o aqui delineado pelo Nassif tenha a ver com a má qualidade das Redações, editores preguiçosos, repórteres superficiais.

    Lembro que comecei a ter dúvidas sobre o linchamento geral da mídia sobre tudo o que se tratava da Copa quando assisti a um Brasilianas, apresentado pelo Nassif, na TV Brasil.

    Não me lembrarei agora de nome e cargo de uma pessoa que lá compareceu, com função organizativa no evento, que, bem fundamentado, impressionou-me positivamente e me fez começar a desacreditar na hecatombe que viria.

    Passei a tomar cuidado mesmo com opiniões de jornalistas sérios, que embarcavam na onda de que a Copa não deveria ser realizada no Brasil, como se os 64 anos, entre uma e outra Copa brasileira, não tivessem sido suficientes para termos melhores hospitais, escolas, saneamento, infraestrutura, e por aí vamos.

    Repito. Tanto quanto orientada e disfarçada politicamente, a qualidade do jornalismo brasileiro é péssima, e decai a cada dia. Daí vir dele o verdadeiro vexame dado nesta Copa 2014.

    Que pensem bem até as Olimpíadas do Rio. 

  23. Sr Nassif

    Sr Nassif…kkkkkkkkk………que povo chato. Nassif, concordo com a sua análise. Mas acho que faltou colocar os partidos de oposição, pois ele também fizeram coro com as grandes EMPRESAS de mídia. Inclusive o sr Aécio Neves, o sr Eduardo Campos e a senhora Marina Silva.

  24. O Brasil ganhou???

    Bem, tudo na vida é relativo. O Brasil ganhou exatamente o que? Imagem internacional? Grandes estádios? Mais circo para o povo? Esse realmente é o tipo de pensamento que nos deixa na contra mão do desenvolvimento. Eu (e a maioria da parcela consciente da população) está pouco ligando para a copa do mundo. Queremos ganhar segurança, queremos ganhar educação, queremos ganhar a prisão de quem nos rouba dentro dos gabinetes, queremos ver nossos impostos aplicados em prol da população e não em elefantes que servem principalmente para iludir as massas. Queremos acabar com a inversão de valores que esta tomando conta de nosso país, onde o cidadão é preterido em prol do infrator que se abriga em leis arcaicas, onde bilhões são gastos em estádios gigantescos enquanto mães vão parir nas calçadas e crianças semi analfabetas são consideradas aptas e aprovadas em instituições terceiromundistas… A propósito, o senhor precisa prestar mais atenção aos aeroportos por onde passa. Manaus, Brasília, Recife, etc estão todos ainda em obras, apesar do tempo decorrido entre a divulgação da copa no brasil e seu inicio. Comunique-se com algum piloto de linha aérea e veja o nivel de segurança ao vôo existente nos mesmos… O senhor sabe o que é um tapume? procure-os e os encontrará aos montes nas tão propaladas obras acabadas… Infraestrutura para deslocamento aos tais estádios e aeroportos? kkkkkkkk Enfim, o que o senhor disse que o Brasil ganhou mesmo?????

    • Gilmar, esse é um que não sabe

      Que:

      1) Os estádios foram concessionados a empresas que tomaram emprestimo do BNDES para construi – los. Que são grupos de empresas fortes que se não cumprirem os pagamentos não poderão psrticipar de novas licitações, nem contrair novos empréstimos.

      2) Foram disponibilizados 50 bilhões por Dilma para que as esferas responsáveis pelos transportes municipais; os estados e municípios; façam a melhoria do setor.

      3) Em educação, além das várias novas universidades e campis e escolas técnicas novas e apenas nas sedes da copa foram investidos, vou desenhar:

    • “Comunique-se com algum

      “Comunique-se com algum piloto de linha aérea e veja o nivel de segurança ao vôo existente nos mesmos.” 

      Eu sou PLA, gostaria que você apontase a mim o que de fato está acontecendo com relação ao  “nivel de segurança” nos aeroportos. Venha com fatos, por favor! 

       

    • O Brasil e os brasileiros ganharam sim.

      Sr. Gilmar, acho que Vossa Excelência está lendo o blog errado. Volte para o Azevedo.

    • coxinha é sempre coxinha
      Não adianta!!! Coxinha é sempre coxinha, sempre presos ao censo comum…não conseguem enxergar um palmo além do próprio nariz. Me desculpe Nassif, mas só tenho uma coisa a dizer a esse coxinha: chupaaaaa!!!!!!! kkkkkkkk. Só rindo mesmo.

    • Quanta abobrinha…

      O Sr. realmente passou em todos esses aeroportos? O Sr. realmente sabe do que está falando? O Sr. parece fazer um “resumão” de todo esse “balaio” montando pela grande imprensa, que o Nassif, um cara que viaja pelo Brasil muito mais que o Sr. não viu e não vê…

      E para arrematar o comentário típico de grande portal, ainda ri tentando se auto inflar num “tom de inteligência superior”. Não percebe que é exatamente aí que se trai e nos faz rir da sua ignorância…

    • Talvez eu não saiba avaliar,

      Talvez eu não saiba avaliar, como o sr., o legado da copa, já que temos olhares diferentes. Posso te dizer que ganharemos mt em termos de turismo ($), já que estamos mostrando não ser aquilo que sua imprensa pregou. Porém como o sr. tb estou bastante preocupada c/ os estados (não estádios) de SP e MG. Em SP o maior surto de dengue q a imprensa não mostrou, qual será a providência do Gov. Alckmin qdo acabar a água do volume morto? Qdo surgir algum juiz ou promotor honesto(?) e comprovar a bandalheira dos políticos paulistas, durante mais de 20 anos, nas obras do metrô. Felizmente o Haddad conseguiu mostrar algumas existentes na prefeitura (mas parece q ninguem está sendo julgado.Será q o sr. saberia me dizer alguma coisa?). Em MG, além tb da grandeza do nº da dengue, tem a história do desvio do dinheiro da saúde e da PROTEÇÃO aos traficantes de drogas, o Eduardo Azeredo (pai do mensalão) livre, leve e solto. Tudo isto tem me tirado o sono, além do Marconi Pirillo ser sócio e amigo do Cachoeira e ficar por isto mesmo. São estes que o sr. defende?

  25. Midia oposição

    Cada vez está mais claro que a oposição ao atual governo e suas políticas econômica e social é de fato feita pelos 04 grandes grupos de mídia, Folha, Estadão, Grupo abril e principalmente a Globo.  PSDB, DEM, e assemelhados são apenas seus braços políticos. Quem manda são eles. Mandam inclusive no STF, não é mesmo?

    E são representantes do tal “mercado”, que não é nada menos que o interesse dos rentistas nacionais e do sistema financeiro internacional. Esse “mercado” deixou a Europa e EUA na lona, agora estão espichando o olho gordo para a América do Sul.

    Acho que se o atual governo não conseguir mostrar a toda a nação quais os reais interesses  que esta mídia representa, vai perder a eleição.  

  26. A prova de que a mídia perdeu

    A prova de que a mídia perdeu se deu ontem na globo. Desde o jornal local, passando pela “alegria” da sandra annenberg até a transmissão, estavam todos tentando recuperar o tempo perdido num forçado alto astral para com

    a seleção e o povo. Foi risível!

  27. Esses senhores que comparecem

    Esses senhores que comparecem diariamente aqui no blog e depois o criticam chamando o jornalista de infantil, de que os comentaristas sempre concordam com ele, e outras baboseiras mais foram incapazes de contrapor qualquer dos itens levantados pela matéria.

    Suas afirmações parece ser de quem não lê o blog, são ignorantes ou aparecem diariamente para tentar “melar” o blog.

    Aqui suas opiniões, (pode se chamar de opiniões?) são publicadas, e sequer essa forma democrática de Nassif são elogiadas.

    Fora trolls

  28. Recíproca

    Apemas gostaria de discordar parcialmente de um ponto: se houvesse sido o fracasso desejado pela mídia, a culpa seria única e exclusiva de Dilma e do Governo Federal, logo, para mim, o sucesso da Copa é uma vitória da Presidente e do Governo Federal sim. Ou só as coisas ruins podem ser creditadas a ela?

    • Bola dentro!

      Acrescentaria também que é um sucesso dos voluntários e de todos os funcionários e trabalhadores que participaram da organização. Como eles estavam efetivamente trabalhando, não dava tempo de ler que o desejavam os ‘colonistas’ que, provavelmente, escreviam de seus laptops em escritórios com ar-condicionado durante o verão mais quente da história.

    • CERTISSIMO!

      A desconstrução da copa foi uma ação politica.

      Zombou-se durante meses de todo o mérito técnico que o Nassif enaltece. Na luta para ferrar o governo, o Brasil era o que menos importava. O quanto se segurou de investimento e de consumo ainda precisa ser dimensionado. Quando for, duvido que seja notícia. A falta de qualidade técnica da imprensa é meio para um fim, politico. A luta, POLITICA, tinha dois lados: a imprensa e o governo.

      Parece-me então injusto creditar a vitória a toda o mundo, pois não seriam estes os culpados caso a copa fosse um fiasco, mas Dilma e o seu partido. A vitória politica é de quem ficou meses apanhando. A vitória politica é de quem foi no itaquerão dar a cara a um xingamento, quando do acovardamento geral. E a vitória politica é de quem saberia como reagiria o seu povo à realização de uma copa do mundo no Brasil. Por isso está sendo legal pacas… porque Lula conhece o seu povo e sabia o que aconteceria agora. Dilma idem… “vai endoidar”.

    • É que o Nassif dá umas

      É que o Nassif dá umas tucanadas a la Gilberto Carvalho nas entrelinhas de vez em quando. 

      Se tudo estivesse dando errado, a culpa seria dividida entre governo (na figura de Dilma/PT) e Lula por ter conseguido trazer a copa ao Brasil. E a grande imprensa, que tanto “alertou”, estaria colhendo os louros de suas previsões acertadas.

      Há mais honestidade na parcialidade assumida do que na imparcialidade disfarçada.

      http://www.istoe.com.br/colunas-e-blogs/coluna/369708_OS+BONS+MOCOS+DA+CAMPANHA

  29. Está sendo um deleite ver os

    Está sendo um deleite ver os comentários da imprensa internacional sobre os erros do jornalismo brasileiro. E confirmar que a gente é que tinha razão sobre os azarões da Copa então … não tem preço. Chegaram ao cúmulo de desmerecer a pesquisa do Nicolélis só porque iria ser apresentada na Abertura da Copa.

    Chupa!!!!

     

     

    • Sabiam que iam ser desnudados

      Os meios de comunicação não queriam a Copa pq sabiam que seriam confrontados, estavam a par da avalanche de correspondentes estrangeiros nas bandas de cá que terminaria provocando a comparação, agora o povo brasileiro sabe que existe também uma imprensa padrão Fifa que, de forma definitiva, não é essa  imprensa vira-lata que agora se vê diante do espelho e sabe o quanto foi ridícula e tosca e faz até  mea culpa, o que era até então impensável tempos atrás, pois a imprensa tupiniquim, rústica que é, nunca faz autocrítica, não fez isso nem mesmo quando do caso Murdoch nem quando da CPI do Cachoeira, pelo contrário, manteve-se arrogante e de nariz empinado como sempre, agora foi o povo que arrebentou o cercadinho…rsss

  30. Resultados após a Copa do Mundo

    Vamos ver os resultados após os jogos da copa.  Se ganharmos a Copa,  acredito que mesmo assim teremos mais motivação para reinvidicar melhorias nos outros  setores como saude, educação e segurança.  Se investimos em tantos estadios, porque não em hospitais, escolas, creches e aparelhamento da policia para uma melhor segurança?   Se perdermos a Copa,  acredito que as reinvidicações serão muito mais contundentes e poderemos ter uma quebradeira geral no  Brasil.  

    • Cara, acorda: o custo dos

      Cara, acorda: o custo dos estádios é de uma semana do que no mesmo período foi gasto em educação!!

      Tire o PIG da cabeça e ponha o resto no lugar!

    • E vc vai tirar suas viseiras

      E vc vai tirar suas viseiras ou irá continuar com elas? Espero que as tire e olhe para o país, veja as notícias s/ a educação e saúde (não nas mídias costumeiras), mas nas mídias honestas. Estamos precisando de pessoas que olhem o país c/ carinho e parem de destilar seu ódio e rancor e não credores do quanto pior, melhor, acreditando que somente assim ganharão nas urnas.

    • Hã?

      Zifio, os 8,5 bi gastos com estádios, boa parte em empréstimos do BNDES, ou seja, em tese serão ressarcidos, perfazem à uma semana do dinheiro que o Ministério da Saúde repassa a Estados e Municípios para tocarem suas responsabiblidades na área. Sem esse papo por favor!

      E a única “quebradeira” que estou vendo, é a das caras de pau dos que investiram no vira latismo e no catastrofismo…

      Boa Copa prá ti.

  31. ódio

    A grande mídia no intuito de liderar e impor novamente a política no Brasil agil com anti empreendedorismo amador. Conseguiu fomentar decisivamente em mim e muitos dos que valorizam as realizações deste governo federal um certo ódio contra esta mesma mídia. Farei questão de doravante deixar de utiliza-la sempre que possível e semear repulsa sobre a mesma demonstrando seus resultados nefastos que agora ficaram escandarados, mesmo considerando que existe alguns profissionais que tem valor dentro de seus quadros.

    Fora grande mídia nacional retrógrada!

  32. Uns perdem outros ganham, nesta a bola venceu

    Não dá para negar, pelo menos aqui no Gonzaga em Santos, que têm a honra e o orgulho de ter duas seleções hospedadas em seus hotéis, já classificadas para as oitavas, México e Costa Rica.

    O clima de copa do mundo está em tudo, na alegria dos estrangeiros que não se guentam de felicidade, os costa riquenhos não tiram os agasalhos do time para nada, e todos os cumprimentam pela façanha do Time até agora.

    A copa é um sucesso,aconteça o que acontecer, pois quem gosta de bom futebol, como eu, têm orgulho de ver o melhor futebol do mundo sendo jogado por aqui e mais ainda, nosso time contar com o apoio da torcida local nestes jogos dificílimos, mesmo contra times eliminados de antemão.

    Até a choradeira dos Inglêses, a infomoney gentilmente calculou o quanto a FIFA perdeu com a eliminação, US$ 510 milhões, faz parte da mística da competição, onde os deuses do futebol estão interessados é em bola na rede rsrsrsrs….

    A segunda parte da competição será mais tranquila para a organização do evento, já estão com prática e terão menos seleções, por outro lado, haja coração para aguentar chilenos e outros que com certeza virão por ai.

    Dá-lhe Brasiiiiillllllll!!!!!!!

     

    • Q: What’s the difference

      Q: What’s the difference between England and a tea bag? A: The tea bag stays in the cup longer. 

      Q: Whats the difference between Cinderella and the England football team? A: Cinderella wanted to get to the ball 
       

      Roy Hodgson was wheeling his shopping trolley across the supermarket car park when he noticed an old lady struggling with her bags of shopping. He stopped and asked, “Can you manage dear?” To which the old lady replied, “No way. You got yourself into this fucking mess, don’t ask me to sort it out…” 

      source: http://www.jokes4us.com/miscellaneousjokes/worldjokes/englandjokes.html

  33. Tem certeza?

    Tem certeza?

     

    É sucesso? Para quem para a FIFA? Para própria imprensa que recebeu milhões de seus patrocinadores? Para aqueles que vendem notícias? Vamos o que vai ficar como legado. Alguém já prestou a atenção com as reformas realizadas e inacabadas? Alguém já verificou o material de pouca qualidade utilizado nas reformas realizadas para a realização da copa? Parabéns o policiamento de SP, que existe e nunca vi tanto policial nas ruas. Viaturas novas e atendimento impecável. É incrível e gostaria muito que continuasse após a copa. E atenção com os turistas é impressionante, que inexiste normalmente com a população local. Um transporte público com prestação serviço de 1º mundo. Tem para a população no seu dia a dia? Isso é sucesso? Para quem? Eu convido os Srs. a verificarem após copa, os serviços de saúde, a prestação de serviços de transporte, o policiamento e o atendimento a população em geral. Alias a imprensa poderia verificar e noticiar durante a realização da copa. Srs…… “maquilar” é muito fácil….os problemas continuam existindo? Com relação aos BLACK BOBOS citados no seu texto, que não são reconhecidos por ninguém, somente desejam desmoralizar, “o que já está desmoralizado”. Ahhhh…. tem a hospitalidade que sempre existirá por parte dos brasileiros, para aqueles que normalmente nos desprezam em suas casas. O legado….ao final tenho certeza que não veremos nada mais do que já vemos há muito tempo por aqui. Estou cansado de votar na oposição que vira situação e continua a mesma coisa, estou cansado em votar na situação que virou oposição e quer voltar a ser situação, pois agora tem a solução dos problemas, estou cansado em votar em que já está (é a mesmice) e finalmente estou cansado de me pedirem votos aqueles magoados que fizeram parte da situação, não resolveram nada e agora são oposição, pois tem a solução. QUE VERGONHA! Está na hora de termos um olhar crítico para o que estamos vendo. Os problemas existem, continuaram existindo se não houver manifestação PACÍFICA. A imprensa, a citada no texto, cabe verificar e noticiar claramente ao povo os problemas que existiam e continuam sem resolução.

    • cada coisa na sua seara

      Muito bom, cidadão preocupado com o futuro, porém de um lado você fala na falta de legado e na outra diz que o policiamento de SP nunca foi tão bom, que o transporte publico está satisfatório e que a eduação das pessoas melhorou. Isso, meu amigo é mais legado que o mais otimista dos jornalistas poderia sonhar. Agora cabe a nós cobrar sim a manutenção destes ganhos. E o jeito mais certo de se fazer isso é nas urnas, não precisa quebrar nada, tocar fogo em pneu ou fazer acordos com quem quer que seja. É só votar certo! E deixa o futebol em paz e digo isso sem desmerecer outras boas coisas que temos, brasileiro tem muita coisa boa e muita coisa ruim. Das boas, futebol, praia, sol, povo alegre e hospitaleiro. Das ruins, saude, educação, segurança, etc.. Agora veja voce, as coisas mais importantes já temos, o que falta para a gente são coisas que podemos conseguir. Não vamos perder o foco nem nos esquecer de dar boas risadas, as duas coisas são importantes desde que cada uma em sua seara.

  34. E  agora já está surgindo

    E  agora já está surgindo coxinha contorcionista. Essa nossa Mídia não tem igual. E tem gente que acredita.

    • E bota contorcionismo nisso.

      E bota contorcionismo nisso. Estão fazendo de tudo para justificar ou metamorfosear seus discursos anti-copa. Eu me divirto.

  35. Penso diferente! Acredito que

    Penso diferente! Acredito que foi positivo o alarde da imprensa sobre os riscos que corríamos de termos problemas durante a Copa. Os riscos eram reais e se não houvesse a cobrança da imprensa, provavelmente teria sido uma Copa com muitos problemas.É bom lembrar que muito do que foi prometido, não cumpriram. Para mim, o maior problema é que ficam com essa briga de torcida, de um lado os governistas e de outro os oposicionistas e  a paixão deixa a razão de lado. E que o Brasil vença a Copa!

  36. chega de enganação…

    … é notório ver na cara de muitas pessoas nas ruas, a vergonha de ter acreditado na mídia em geral e principalmente nos telejornais da Globo; como tem gente comprando SmartV e TV paga, ninguém ousa a dizer que assite os jogos pela Globo, muitos até chingam toda e qualquer posição do narrador Galvão Bueno e do ronaldo. tem muita gente furiosa e envergonhada.

  37. Depois da COPA DAS COPAS no

    Depois da COPA DAS COPAS no Brasil e depois da Russia em 2018 e do Quatar  em 2022  a FIFA deveria escolher merecidamente  o BRASIL 2026 na COPA DOS SONHOS! O povo brasileiro depois de tanto sofrimento merece colher os frutos dessa copa tão boicotada pela nossa mídia. Vamos pedir agora o apoio dos turistas para lançar essa campanha desde já,  BRASIL 2026 na COPA DOS SONHOS! 

  38. Ganhou? Não. Tem ganhado.

    E eu torço para ganhar para  continuar ganhando.

    Mas, não nos enganemos, as regras do jogo,  às vezes, dentro e fora do campo, são quebradas.

    Ainda hoje  li aqui um texto do Sr. Ricupero. Tirante a  sua desastrosa manifestação do passado parece que dessa vez ele apitou um penalt correto.

    Mas, vamos lá. Vamos adiante com mais vitórias é o que espero.

    • Ricúpero !

      É aquele que escondia o ruim e só mostrava o bom? Ele tinha toda a imprensa a seu favor, né? e podia fazer isso. Com o governo do PT ocorre exatamente o contrário, némemo?

  39. Tem gente que não adianta ter


    Tem gente que não adianta ter olhos. Vão sempre defender os interesses da mídia corrupta e antipaís, porque assim ela, mídia corrupta, exige deles. Os que não conseguem sair do curral midiático, porque, provavelmante, querem ser “estrelinhas” dessa mídia, que apenas os utiliza e depois os descarta. E, pior, ainda, a mídia corrupta que os treinou a defender e escutar só o que a ela interessa, não tem o menor respeito por eles, enfiado-lhes guela abaixo o lixo dos programas que ela, mídia antipaís e antipovo brasileiro, acha que eles merecem. Só os vira-latas da mídia,´não perceberam, ainda e, acho, nunca terão essa capacidade, como o BRASIL avançou nessa última década. De devedores, passamos a ser credores, as contas do atual governo todas positivas, o BRASIL tem suas políticas públicas de saúde e merenda escolar pelo mundo. Nunca se investiu tanto em educação como no governo popular. Mas, obviamente, que os seguidores do rabinho entre as pernas da mídia, não sabem disso, porque ela os educa a odiar o próprio país quando esse está caminhando, pela primeira vez em mais de 500 anos, para a justiça social, para a inclusão dos que nunca tiveram oportunidades. PROUNI, PRONATC, SISU, MAIS EDUCAÇÂO e outros, são programaços de educação e, pela primeira vez na história desse país, vejo colegas na faculdade dizendo serem as primeiras na família a terem acesso a ela através do PROUNI. Uma das colegas, de 48 anos, diz que na família, são quatro pessoas na faculdade por esse programa, marido, ela mesma e duas filhas. Isso É MARAVILHOSO!

  40. O sucesso é de todos, Mas…

    Qualquer pessoa de bom senso e honesta sabe que a responsabilidade do sucesso de um evento como a copa do mundo tem que ser distribuído para muuuita, muuiita gente. Mas como a grande imprensa estava jogando toda a responsabilidade do fracasso no lombo da Dilma, agora vão ter que amargar:

    o sucesso da Copa é exclusividade DILMA!!!!!  

    Agora, PIG, chgegou a hora de vocês ficarem CALADOS!

    Às vezes me irrita mas eu acabo me divertindo muito com essa grande imprensa nanica!!!

     

     

  41. Boa notícia para os Coxinhas

    1. em 1998, Brasil perdeu para a França e FHC foi reeleito

    2. em 2002 nos sagramos campeões e FHC se deu com os burros n’água

    3. em 2006 o Brasil não chegou nem nas finais e Lula foi reeleito.

    4. em 2010, indem, e Lula conseguiu eleger Dilma.

     

    O Brasil ganhando ou não, não influiu titica nenhuma nos resultados das eleições de outubro. 

    Se a mídia não tiviesse jogado sujo, nem o sucesso da copa influenciaria. 

    Mas como partidarizaram o evento e o evento foi um sucesso…..

    Sorry, Coxinhas….

    Vocês perderam. 

    Mas tem um consolo: como agora vocês já sabem que o resultado final não influencia nos resultados das eleições, não precisam mais torcer escondidos no banheiro. Soltem os pulmões aliviados para todo mundo ouvir: BRASIL! BRASIL! BRASIL! BRASIL!!!!!!!!!!

     

  42. Gente: ficou visível a

    Gente: ficou visível a vergonha dos vira-latas, treinados para lutar contra o país, quando passo com a bandeira do BRASIL no meu carro e com o som a mil(eu não constumo fazer isso no carro, mas esse é um momento irresistível para isso), e eles tristes por terem sido proibidos pela mídia de comemorar um momento histórico para a NAÇÂO. Fica bem visível a tristeza de estarem com os rabinhos enfiados entre as pernas. Ficou humilhante para eles, que sempre se acharam os bambans, os mauricinhos e patricinhas da velha mídia, perceberem que denovo, e novamente, e mais uma vez, ficaram chupando o próprio dedo por serem tão obedientes aos seus chefões.

  43. “Sr. Nassif”

    Sr. Nassif, alguns de nossos colegas tucanos que passaram repentinamente a frequentar o blog do Sr. têm se esquecido de começar seus comentários com “Sr. Nassif”. Desculpe. É que a Copa do mundo no Brasil tem sido um sucesso, e isso abalou a turma seriamente, reduzindo inclusive o contigente de tão desinteressados comentaristas. Mas logo depois da Copa, a campanha eleitoral vai ser retomada com todo vigor. Valeu, Sr. Nassif!

  44. Agora está na hora de cobrar

    Agora está na hora de cobrar os lucros cessantes. Quem semeou pânico trouxe prejuízos mensuráveis ao país. Além das questões ligadas à autoestima, é claro. Tremei coxinhas….a conta está chegando !!!!!!!!

  45. eita discuro rançoso esse de

    eita discuro rançoso esse de mídia X governo do PT.. como se não fosse dever da mídia apontar tudo que pudesse dar errado, óbvio, é papel dela.. ótimo que a copa esteja indo bem, mas isso em nada altera o fato de que tudo foi feito de forma improvisada, em cima da hora.. correu-se um grande risco de dar tudo errado, e graças ao povo brasileiro, apesar dos políticos, tudo tem corrido bem.

    • Pepe, você é legal, mas seu

      Pepe, você é legal, mas seu raciocínio:  Tudo foi feito nas coxas, foi uma sorte imensa ter dado certo. Pensando assim, é uma sorte vc saber escrever.

    •   Noticiar e investigar é uma

        Noticiar e investigar é uma coisa; torcer, apostar e promover o fracasso é outra.

        É rançoso esse discurso de que a mídia brasileira “aponta tudo o que está errado”… mas se você gosta de ser manipulado, por mim tudo bem.

    • Esse pepe legal merece um

      Esse pepe legal merece um kabong, você fazer uma previsão de a copa ser um fracasso, mesmo estando a uma semana do início, e ainda assim errar, não achas que há muita incompetência aí para se dizer o mínimo?
      Quando não muita má fé e má vontade.

        • malucos

          Sou um destes malucos.  Acho que mais que uma copa de qualidade o Brasil se mostra lindo, feliz, hospitaleiro e competente par receber turistas de qualquer lugar do mundo!

    • último parágrafo do comentário acima.

      Não entendi o último parágrafo que diz graças ao povo brasileiro, tudo tem corrido bem. Como assim? Graças à banda nobre do povo brasileiro,isso sim, que graças a Deus é maioria;  porque os “contras” quase conseguiram estragar tudo, e ainda tem muita gente recalcada torcendo para dar tudo errado. Agora querem mudar de lado?! Eita gente que não aceita o sucesso alheio!  Não entendo porque falam tão mal do país e ainda continuam morando aqui,somos um país livre, podemos ir para onde quisermos.

       

  46. Gente: o que mais impressiona

    Gente: o que mais impressiona nos comentários dos vira-latas, é que eles estão torcendo para dar tudo errado, mesmo vendo que tudo está beleza! De que podemos chamar essas pessoas que, simplesmnete, odeiam o BRASIL? Eles não admitem, eles não querem que o BRASIL dê certo! Que tipo de cidadão é esse? São dignos, apenas, de uma coisa: estudos científicos para saberem que tipo de cérebro possuem para torcerem tanto contra o próprio PAÍS.

  47. Um professor meu da Pós

    Um professor meu da Pós afirma toda santa aula que a Dilma tem que sair, que os aeroportos estão uma porcaria, que está tudo errado. E ele advoga para políticos.

    • Façam que nem a corajosa

      Façam que nem a corajosa garota da UERJ, peçam ao professor para sair. Isto é, se ele não permite contrapontos à sua posição. Qual crime a presidenta cometeu para sair? Um professor de direito deveria conhecer e defender a lei.

  48. Como Nassif demonstrou, a

    Como Nassif demonstrou, a organização da copa do mundo é obra de muitos. O fracasso ou sucesso deveria ser creditado a todos eles, mas a mídia apostou no fracasso e apontou Dilma como a mãe da catástrofe. Errou! agora terá que engolir seu próprio veneno: Dilma, a mãe do sucesso!

  49. Agora virão os governadores

    Agora virão os governadores de oposição dizendo que contribuiram para o sucesso… se fosse um fracasso, culpa exclusiva do governo central; agora que é um sucesso, mérito de todos!

    A rigor o sucesso é de fato mérito das várias esferas (federal, estadual, municipal), mas no momento que a Copa estava sob fogo cruzado sobrou somente para o governo federal.

  50. A História passa diante dos nossos olhos

    Nassif, faço uma pergunta: Como a História irá retratar essa década no Brasil? Provavelmente um capítulo será dedicado à Copa de 2014 e à Olimpíada. No caso da Copa já podemos dizer que ela (está sendo) foi objeto de manipulações inescrupulosas da direita e de seu torniquete na mídia familiar. Acho incrível como a chamada “mídia nativa” conseguiu contaminar até mesmo uma das nossas grandes paixões que é a seleção canarinho. Contaminar com seu ódio e desprezo pelo esporte do povo, contaminar com seus venenos o futebol. A Copa é um evento que deveria ser uma grande oportunidade de mostrarmos ao mundo o Brasil do século XXI. Claro  que um país ainda cheio de desigualdades mas pujante e confiante em seu presente. Isso mesmo, presente, pois estamos mudando a cada dia nosso retrospecto passado mas olhando para o amanhã. Diferentemente do começo dos anos 60 agora nada poderá solapar nossa felicidade. A História passa e nos sorri, Nassif.

    • Copa Brasil 2014

      Ocorreu um fato que considero pior: Nenhum destes palhaços da seleção, seja jogador ou membro da comissão técnica, foi capaz de um promover um desagravo em favor da presidente Dilma naquele episódio absurdo promovido por uma minoria paulista no estádio do Coríntians.São oportunistas e covardes, que não merecem que se torçam por eles.

      Quanto ao “presidenciável”, e a mídia “nativa” que o apoia claramente, não merecem crédito.

  51. Criança feia não tem pais,

    Criança feia não tem pais, mas as bonitas todo mundo quer. Por onde andam as pessoas que estavam com Lula, há 7 anos, na luta para trazer a Copa, inclusive Marina Silva? Sumiram todas, outras, como Cabral e Dudu, traíram o PT e se esconderam. Agora, como o patinho feio virou cisne, até Aécio já diz que quer ver o jogo no Mineirão, mas que não tem ingresso. O fato de não ter ingresso já demonstra qual era sua expectativa para a Copa. E, na cara dura, ele mente, diz que sempre foi aplaudido. Os neurônios queimados não lembram mais do coro de milhares de pessoas, lá mesmo, ecoando “ei Maradona, vai te foder, o Aécio cheira mais do que voce”. Ou será que ele considera isso aplauso? 

  52. Criança feia não tem pais,

    Criança feia não tem pais, mas as bonitas todo mundo quer. Por onde andam as pessoas que estavam com Lula, há 7 anos, na luta para trazer a Copa, inclusive Marina Silva? Sumiram todas, outras, como Cabral e Dudu, traíram o PT e se esconderam. Agora, como o patinho feio virou cisne, até Aécio já diz que quer ver o jogo no Mineirão, mas que não tem ingresso. O fato de não ter ingresso já demonstra qual era sua expectativa para a Copa. E, na cara dura, ele mente, diz que sempre foi aplaudido. Os neurônios queimados não lembram mais do coro de milhares de pessoas, lá mesmo, ecoando “ei Maradona, vai te foder, o Aécio cheira mais do que voce”. Ou será que ele considera isso aplauso? 

    • Lembra daquela frase?

      “Esqueçam tudo o que escrevi”, disse um certo sociólogo, em uma certa ocasião….Por isso, agora, é só dar uma atualizada e escrever  “Apaguem todos os meus comentários no FB, todas as entrevistas que eu dei, todos os artigos que publiquei” etc, etc.

  53. Parabéns

    Parabéns Nassif. Conseguiu resumir de forma clara e ao mesmo tempo dar um tapa da cara destes, podemos dizer, incuráveis antipaís. O aeroporto de Guarulhos está aí pronto para que eles peguem  os aviões e se mudem para onde quiserem. Gente remando contra não precisamos. Nosso Brasil precisa de gente otimista, trabalhadora e que o ame para alicerçá-lo de forma permantente entre os mais poderosos deste planeta.

  54. Como bem dito no texto, a

    Como bem dito no texto, a imprensa fez a apostas, quando deveria ter feito análises. E quem faz apostas, pode ganhar alto, mas pode perder tudo! E nossa impensa perdeu, perdeu toda sua credibilidade, perdeu o resquício de competência, porque não podemos chamar de competentes jornais que há 1 mês do evento ainda diziam que a copa poderia não ocorrer. Isso é de uma miopia tão grande que não se há outros casos no mundo.
    Abusaram tanto do alarmismo e pessimismo, que algumas vezes nos questionávamos se o que víamos era real ou virtual.
    Tiveram o que mereciam, sua verdadeira face revelada, e o maior exemplo, que evidencia essa incompetência, foi a entrevista do sósia do Felipão, ou seja, mesmo com o ingresso na mão, a torcida torcendo, a seleções desembargando de seus ônibus para entrar nos estádios, eles ainda noticiavam, #nãovaitercopa.

  55. Concordo Plenamente

    Concordo plenamente com sua matéria e digo que faltou mencionar aqueles que gritam aos sete ventos e sete redes sociais que:

    … O Brasil gastou bilhões para realizar a Copa do Mundo!…

    Estes, esquecem que para se realizar uma conta é necessário pelo menos dos fatores e sendo assim: – bilhões + ? = ?

    Se gastou então quanto lucrou? Como é possível chegar ao resultado final sem contabilizar o lucro? Será que o PMDB sabe fazer contas????… ; )

    Pobre daquele que não enxerga a Copa do Mundo como uma grande oportunidade de lucro (seja qual for o futuro dos estádios construídos), uma grande oportunidade de mídia e propaganda (a maioria do mundo não vê diferença nenhuma entre o Brasil e o Uzbesquistão…Não, não somos tão importantes como gostariamos de ser)…..

    Espero que quando forem construir um novo shopping center estes mesmos pobres de inteligência e espírito se mobilizem para impedir tal blasfêmia, pois um país que não tem hospitais não necessita de mais shopping center!

  56. Tudo fica bonito , dando

    Tudo fica bonito , dando feriado , com todos cobrando um absurdo por passagem aérea , hotel .Assim aeroportos vazios hotéis só para turistas 

    e o custo , financiando obras faraônicas fica por conta dos altos impostos cobrados

    assim tudo no Brasil e sucesso

  57. A mídia “que nos envergonha diante do mundo”

    A mídia “que nos envergonha diante do mundo” tem publicado muito lixo sobre a Copa. Mas nada supera a Folha, ou a “Rolha” como diz o Bessinha.

    O troféu “Boimate na Copa” é do Otavinho e de mais ninguém.  Dias antes do início da competição, ele conseguir dar uma notícia, supostamente apurada, alertando contra o risco sanitário (hein?!) da presença de torcedores norte-americanos no Brasil.

    Nirlando Beirão deu uma justa esculhambada no garoto-enxaqueca da Barão de Limeira, que não gosta de futebol e, pelo jeito, nem do Brasil. A matéria pode ser lida aqui – http://www1.folha.uol.com.br/fsp/mercado/169986-na-copa-eua-sao-maior-risco-ao-brasil.shtml

    O comentário do Nirlando segue abaixo.

    http://noticias.r7.com/blogs/nirlando-beirao/2014/06/09/a-folha-adverte-o-turismo-faz-mal-ao-pais/

    A Folha adverte: o turismo faz mal ao País

    O jornal mais cri-cri do mundo conseguiu se superar. “Na Copa, EUA são maior risco ao Brasil”, assustava a manchete do Caderno Mercado deste domingo da Folha. Vocês leram certo: Caderno Mercado, não Caderno de Esporte, ou Caderno da Copa.

    Nada a ver com um possível – mas improvável – encontro de Neymar & Cia. com os gringos de bola quadrada. A Folha, em sua obstinada cruzada contra a Copa, alerta que “visitantes americanos podem trazer ao país 225 espécies de praga inexistentes aqui, dizem pesquisadores”.

    A Folha, cujo editor tem ódio ao futebol, nunca se aventurou numa pelada, não sabe cabecear uma bola, jamais experimentou o prazer de um gol de placa, pesquisou infatigavelmente um grupelho de pesquisadores que pudesse dizer a bobagem que a Folha ansiava dizer. Não dá para entender que os tais pesquisadores tenham se prestado a esse papelão.

    Mais essa: a Copa, além de comprometer o desempenho do SUS e o nível do aprendizado de matemática nas escolas públicas, vai destruir nossas lavouras, disseminar fungos mortíferos no café, bactérias no leite das criancinhas, destruir para todo o sempre, com larvas vorazes oriundas do estrangeiro, nossas ternas plantações de batatas e de abobrinhas, de milho e de verduras.

    A Folha, em momento Policarpo Quaresma, teme pelo futuro da lavoura nacional, ameaçada agora não mais pelas tenazes saúvas do passado, mas pela horda de gringos que acorrem para o futebol, essa tragédia.

    São os norte-americanos os vilões, anuncia a Folha, já que vão desembarcar em massa, mas eu fico aqui, já contaminado pela paranóia agrícola, me perguntando se os coreanos não apresentam perigo, eles também, ou os africanos de Gana e de Camarões, imagina então os iranianos, com irradiações de experiências nucleares sempre denunciadas pela vigilante Folha.

    A conclusão que chego, guiado pela patologia jornalística da Folha, é que o turismo é um perigo, nessa ou em qualquer circunstância, ainda que o que interesse da Folha é mirar a Copa, em obediência à sua rancorosa e óbvia agenda político-eleitoral.

    Em 1808, D. João VI abriu as portas do Brasil ao exterior. Em 2014, Otavinho, o Único, quer voltar a fechá-las. Cidadãos provenientes do exterior fazem mal à saúde. Se você cruzar com algum deles pela rua num dias desses de euforia futebolística, evite-o, fuja dele, chame a polícia, denuncie-o à Folha.

  58. Gente. Muitos brasileiros se

    Gente. Muitos brasileiros se posicionbaram contra a copa por que a mídia questionava a organização, ou por causa dos pesados investimentos (super faturados) no evento, enquantod serviços básicos como: saúde, educação, segurança e por que não a moralização do país copntra os corruptos? Os militantes do PT agora só falam no sucesso da copa. Ótimo. E continuaremos a enfrentar a falta de mobilidade nos grandes centros, melhori dos transportes, e na saúde pública? Itália, Inglaterra, Espanha vão embora, mas o transporte público nesses países é pior do que o nosso?

    Respondam que sim para justificar tanto contentamento por umaq copa que ainda nem ganhamos. Quando foi que o Brasil foi ruim para estrangeiro?

    • Meu caro,
       
      Vai para Espanha

      Meu caro,

       

      Vai para Espanha para você ver o que está acontecendo por lá. Crise sem precedentes. Fora isso, não é da noite para o dia que se faz infraestrutura e outras intervenções. Além disso, o governo federal, em muitos casos, faz a sua parte liberando verba, o problema está na execução, normalmente de governos estaduais ou municipais demotucanos. Concertar um país arrasado por anos de desmandos da corja demotucana requer um certo tempo. No mais, mesmo em meio à crise mundial, muito está sendo feito atualmente.

      • De acordo! Vá para a

        De acordo! Vá para a Espanha…ou ainda…passe primeiro por Portugal, e visite a Grécia…de leve!!!

         

    • Tem gente aqui dentro q só

      Tem gente aqui dentro q só repete aquilo que gosta de ouvir, enquanto em São Paulo, O leve sobre monotrilh já faz os seus ensaios.

      Santos versus Garujá já despon ta com trabalho para qacesso submarino , e Santos tb começa a receber seus primeiros leves sobre trilho chegando da Espanha…que comenaristas são esses que só falam abobrinhas???

      E  o mês de Agosto mostrará que a Câmara de Brasília e Senado prepara Leis contra esses menores delinquentes de rua, e descocupados a degradarem patrimonio pújblico e particular. Secretárias de Segurança de vários Estados  reuniram-se previamente antes de Copa….. Cadê a tal mídia que deturpa tudo e gosta de um lixo moral”???Aliás seus ativos de rua….que se cuidem…muitos rojões são soltos aleatoriamente, né!!! Sem direção…

    • Uma coisa simples p’ra fazer:

      Uma coisa simples p’ra fazer: Consulte o YOUTUBE sobre mobilidade urbana da cidade São Paulo, tipo daquelas pilastras aéreas das quais uma há 10 dias atrás, perto de Congonhas,  caiu e matou um”infeliz operário”, cujos carros de certa linha já estão em testes.Soma-se Santos e Guarujá com seu acesso submarino de interligação, Ainda Santos a com veículos leves sobre trilhos recém -chegados da Espanha para atender população. Afora outras que eu desconheço…mas…vai lá In loco. Ah, Manaus, belíssima na Ponta Negra às margens do Rio Negro, onde ali se refloresta nas suas margens, ver p’ra crer.

  59. Mídia lesa pátria.

    Nossa mídia , em boa hora conhecida como PiG , circunstacialmente fica em campanha para derrubar o governo , permanetemente  se situa contra os interesses nacionais. É verdadeira indústria lesa pátria. Demontrações rotineiras de oposição a política de soberania sobre recursos nacionais, notadaments de petróleo, contra qualquer afirmação de independência no relacionamento com potências hegemônicas, descaso com qualquer fato que venha engrandecer sentimentos de solidariedade e de afirmação da nossa capacidade de evolução, como a redução da pobreza. Isto sem se tocar que os fatos rotineiramente superam a malidicências dos PiG’s , vistos nas previsoes de falta de energia, de descontrole inflacionário, de epidemias inexistentes e muitos outros de mesma gravidade. Sem o Pig o Brasil ficaria muito melhor.

    • Recordei-me de “disparate”

      Recordei-me de “disparate” sendo divulgado em blogs e sites. Era um porto que desmorou tudo e os conteineres foram todos paa dentro d’agua enquanto  era citado que o dinheiro era público, um desliexio. O desavisado não se deu conta de que era um Porto particular…e assim vestiu a própria carapuça de “divulgador e caluniador”…era do contra..

  60. O Brasil não sucumbiu àqueles que torceram contra!

    O que deve ser falado para que o brasileiro mediano entenda do que se tratava a massiva propaganda contraria aos interesses do Brasil é que a cada manifestação sobre o fracasso que seria a copa representava, na verdade, o desejo de quem a expressava, pois, não conheço quem emite uma opinião ou dá um palpite, e não torça para que ela esteja correta e seu palpite efetivamente ocorra.

    Não posso acreditar que o ardente desejo expressado por grande parte da mídia fosse apenas uma sentida preocupação com o nosso pais, pois, durante quase um ano e meio, todos os dias e em todos os jornalões impressos, falados e televisados, o discurso era um só: É um escandalo, vai ser um fracasso!!!!. E em seguida, pontificavam: é culpa do governo é responsabilidade da presidenta.

    Eu me senti, durante um tempo, um refém da mídia engajada.

    Para mim, que briguei em uma padaria por dizer que ia torcer a favor do Brasil na Copa do Mundo e que as questões políticas não se misturavam com meu patriotismo e que as resolveria em outubro, o que aconteceu foi uma desastrada campanha eleitoral antecipada em favor de um candidato e contra o Brasil.

  61. brasil Ganhou?

    Brasil ganhou? o que?

    ou os bolsos de alguns que estão falando bem ficou cheio e não usam o SUS não enfrentam o transito para ir ao trabalho e voltar a tarde quando ficam 2,3, e até 4 horas esperando no transito, na fila do SUS esperando um bendito medico chegar para ser atendido MAL (qualquer jeito).

    este caras é que falam bem – que ta tudo certo.

     

    marcos azevedo

    • Ate parace que já usou o SUS,

      Ate parace que já usou o SUS, duvido!!! JÁ USEI O INSS, E MAIS RECENTE JÁ SEI O SUS, coisa de pobre mesmo..mas bem atendido. Certamente, a maioria daqui tem as ‘UNIMEDS’ da vida…

    • Não se disse isso

      Prezado Marcos

      Releia o texto com atenção e verás que em nenhum momento foi escrito “que ta tudo certo”.

      O que foi escrito, e muito bem, é que, ao contrário das previsões catastróficas e da torcida doentia da nossa “grande imprensa” e de seus parajornalistas de programa, a copa está acontecendo, no Brasil, e está sendo um sucesso retumbante. Está elevando o conceito do Brasil e de cada brasileiro no mundo todo, atraiu e continuará atraindo investimentos, gerou e contunuará gerando empregos, movimentou e continuará movimentando indústrias, comércios e prestadoras de serviços. Portanto, a resposta para sua primeira indagação é sim: a copa ajudou e ajudará milhares -talvez milhões – de brasileiros a “ficar com os bolsos cheios”.

      E isso nem é o mais importante. O mais importante “legado” do sucesso da copa é deixar claro que, ao contrário do que afirmam os cavaleiros do apocalipse, o Brasil e os brasileiros são muito capazes de fazer bem feito, de vencer desafios e problemas, inclusive e principalmente esses que você citou,  desde que deixemos de dar ouvidos a picaretas muito bem pagos para falar e torcer contra o Brasil, desde que abandonemos o famoso “complexo de vira-latas”. 

  62. Roupa Suja se lava em casa

    Não há dúvidas que nosso país precisa mudar muito para tornar-se desenvolvido. Temos ínumeros problemas sociais que estão longe de serem resolvidos e a corrupção reforça nosso atraso em relação ao mundo. É evidente a falta de força de vontade de governantes e o resto todo mundo já sabe. Mas uma coisa eu digo. O pior inimigo do Brasil é o próprio brasileiro.

    Não digo todos, mas é impressionante como alguns brasileiros parecem que têm a necessidade de divulgar só o que há de ruim no país. E quando surge algo de bom, parecem que fazem questão de não comentar. Isso é o retrato de uma sociedade não politizada, que não se interessa em saber em quem votou, ou que só o fez em troca de algo de seu próprio interesse.

    Nos EUA, a saúde pública anda um caos. E sabe porque não se fala disso por aqui? Porque o Tio Sam lava a roupa suja em casa. Pergunta pra qualquer norte-americano se é certo a saúde não atender a todos e o governo gastar trilhoes de dólares com guerra que nem é deles? Sabe o que ele vai te responder? “Lava a boca pra falar do meu país”

    A Copa está sendo elogiada pelo mundo. Tudo está funcionando. Transporte, Hotelaria, Aeroportos, enfim. E é isso o que temos que mostrar para o mundo. A parte ruim é problemas nosso. Problema de uma sociedade que, ou troca voto por cesta básica, ou não se interessa e votar, é omisso, ou seja, o principal culpado de nossas mazelas.

    Que éssa Copa sirva para que a sociedade mude seu modo de pensar e trabalhe em prol do seu País, pois é dessa maneira que se engrandece uma nação diante das potências mundiais.

    • roupa suja se lava em casa

      Concordo em gênero,numero e grau!  Tanto que coloquei no meu face pra ver se alguns desses que só falam mal leem.   Claro que coloquei o autor do comentário,rs      abraço 

  63. Nesse país só da ibope quem fala contra….

    Essa midia do mal sem criatividade, que se aproveita do baixo conhecimento dos povos ainda teimam em sempre ser do contra… Mas graças a Deus esta mesma midia esta sendo desmascarada…. a Copa das Copas esta ai … Cade todo o caos que supostamente teria na copa?

     

  64. Sobre a campanha para o novo grito da torcida
    A mediocridade e falta de visão da nossa grande mídia fazem ela dar tiros no pé que beiram o ridículo.

    Tomem como exemplo essa campanha que estão martelando insistentemente agora para tentar emplacar um novo grito de guerra pra a torcida do Brasil. Qualquer estudante de publicidade em primeiro período sabe que essa deveria ter sido uma pré-campanha motivacional, feita nos meses que antecedem a Copa, para empolgar a torcida, divulgar o evento, atrair o publico alvo (no caso TODO o povo inteiro) para o clima da Copa.

    Mas nos meses que antecederam a Copa, a grande mídia estava ocupada demais fazendo disputa politica mesquinha com a teoria do caos, do Maracanã pronto só em 2038, do surto de dengue no inverno, dos estádios vazios, do caos aéreo nos aeroportos, dos ataques terrotistas do PCC, da incompetência nacional, etc.

    Agora com metade da Copa já realizada, com o sucesso praticamente unânime reconhecido, tentam emplacar tardiamente um novo grito de guerra para fazer as pazes com a torcida, tentam desesperadamente criar a desculpa pra afirmarem que “jogaram junto”.

    O lado positivo disso é que na era da informação plena, a cada tentativa grosseira de manipulação midiática que é atropelada pelos fatos reais, essa mídia do século passado cava mais um pouquinho a sua cova…

  65. A Copa faz bem ao país

    Quando o Brasil foi escolhido para sediar a Copa, no longinquo 2007, ninguem considerou o custo do evento ou os “gastos” com os estadios. Todos comemoraram, inclusive a midia. Lula estava no inicio do seu segundo mandato. A midia oposicionista não acreditava que ele fosse fazer o sucessor. Então deixaram rolar.O ganho politico da Copa  ficaria com o sucessor  e todos apostavam  no Serra, e não no “poste” que Lula escolheu. Os coxinhas desmiolados do ensino medio,  não tinham mais do que 10 ou 11 anos de idade na época.  Nada sabiam sobre a luta politica e legado de Lula. O tempo passou e  deu tudo errado para a midia de oposição. Lula ganhou em 2010, fez o sucessor. Então o processo de desconstrução do seu legado começou imediatamente. Os coxinhas cresceram lendo a Veja e os jornalões da direita, acreditando que a Copa e o PT eram sinonios de corrupção e iam quebrar o país. Faltando 1 ano para o inicio do Mundial vieram os protetos e o ridiculo movimento “Não vai ter Copa”.  A  midia oposicionista ajudou.  Agora cai. O consenso para o golpe estava sendo armado. A Copa vai ser um fracesso e o governo cai de joelhos.  Ora vejam só. Puro delirio de poder. A Copa é um sucesso. A nação agradece. O povo festeja. A seleção é otima. Os estadios e aeroportos são eficientes. Tem trem, metrô. O Rio de Janeiro continua lindo. As ruas da periferia pintadas de verde a amarelo, enfeitadas com bandeirolas.  Então veio as agressões à presidenta, o ultimo ato dessa  gente arrogante, oportunista e cega de odio, por que seus prognósticos estupidos não se concretizaram. Digo ultimo ato por que perderam a credibilidade. Os profissionais do protesto,  redatores de cartilhas, aliciadores de menores desmiolados,  vão ter que se virar do avesso, se contorcer e cagar sangue, pra ver se conseguem algum credito para as suas previsões e perversidades.

    • A Copa faz bem para o Brasil.

      Maria Izabel adorei seu comentário, pois é exatamente isso q aconteceu, mas depois dessa derrota da mídia espero q realmente percam a credibilidade.

  66. Já que previamente o fracasso

    Já que previamente o fracasso foi culpa da Dilma, o sucesso presente é responsabilidade da Dilma.

    A Dilma só não faz melhor governo que o Lula porque ele é melhor comunicador. Fala com todos e todos o entendem.

    • Logo logo a turminha do “Sr.
      Logo logo a turminha do “Sr. Nassif” ainda vai ter a pachorra de dizer que a Copa foi um sucesso graças às bases sólidas implementadas pelo FHC.

  67. QUEREMOS UMA IMPRENSA E UMA OPOSIÇÃO PADRÃO FIFA!
    Parabéns ao jornalista Luis Nassif pelo belíssimo artigo que disseca com muita competência as ações de uma mídia venal, corrupta e parcial. A imprensa e também a oposição torceram com todas as forças para que a copa fosse um fracasso. Apostaram todas as ficha e perderam!
    Disseram que foi desviado dinheiro da educação e da saúde para a construção dos estádios mesmo sabendo que estavam mentindo no afã de enganar o povo brasileiro. A pergunta que tenho feito a todos que se dizem contra a copa é a seguinte: se não houvesse a copa no Brasil a saúde e a educação estariam melhores? A resposta é sempre “Não”. Então pergunto: aonde então o diaçado é que quando
    o PSDB governava o Brasil, tentaram trazer a copa e. olimpíadas e não conseguiram certamente porque o Brasil não tinha “padrão Fifa”.
    Hoje mais do que nunca precisamos de uma imprensa e de uma oposição Padrão Fifa e com os ISOS 9000; 9001; 14.000; 14.001; 22.000 e 26.000. Mesmo achando que nem com todo “Padrão Fifa” e os ISOS possíveis teremos uma imprensa séria e que seja a vista da Nação como entendia Rui Barbosa.

    • Não foi desviado dinheiro da

      Não foi desviado dinheiro da educação e saúde para construir estádios. O que se questiona é a prioridade. Nunca se tem verba para  estas áreas, aí de repente aparece todo este dinheirão para construir estádios que ficarão parados ali por meses e anos, enquanto as pessoas morrem sem atendimento nos hospitais, com longas filas, ignorados pelos servidores da saúde, que tratam as pessoas como se fossem um lixo. A mãe da minha amiga teve um AVC e não pode ser internada na UTI, no HRAN, em Brasília, porque deixaram dois leitos para a copa das confederações. Ou seja, preferem deixar uma pessoa, cidadã brasileira morrer, para mostrar para os gringos que temos leito. Isto é um absurdo.Está tudo maquiado para esta copa. O que salva é que o povo brasileiro adora estrangeiros, adora receber, e trata bem todos que visitam o país.

  68. Viva!!

    Futebol tem que ser com o coração mesmo…!!!

    Outros campos demandam mais razão..

    Sou totalmente apartidário, e confesso “em cima do muro” . não consigo acreditar

    em ninguém destas mídias ou partidos, mas não gosto de ver o país dividido em grupos

    que reclamam para si, coisas que são de todos, como a seleção, por exemplo. todos

    sempre torceram, e foram mesmo criticados por isso. Quem se lembra da “patria de chuteiras”

    que nos remetia a uma suposta alienação, por apreciar o futebol.  Tomara que o Brasil, o país, não

    o time, encontre o bom caminho e que nossas alegrias sejam duradouras e libertas de mazelas,

    e possamos falar bem dos nossos líderes, sem ter que consentir seus desvios de conduta.

     

    Abraços irmãos brasileiros.

  69. Estamos vivendo a beira de um

    Estamos vivendo a beira de um retrocesso político, eu acredito em manifestações e o direito das pessoas em se expressar mas o que vejo é uma desinformação muito grande, todos contra a copa, contra a presidente, tudo um verdadeiro absurdo, a copa está gerando empregos e  renda, problemas todos os países teriam, mas até agora está tudo indo bem.

    O que aconteceu em São Paulo  com a presidente foi ridículo, para mim aquelas vaias foram de pessoas desinformadas, gente entra CPI saí CPI e nada é provado contra a presidente

  70. O que foi divulgado esta ai

    O que foi divulgado esta ai para todo mundo ver, a reforma dos aeroportos NAO SAIU, e o que funciona e’ na base do “puxadinho” Competencia ? Onde ? As obras de mobilidade ? NENHUMA. Fortaleza teve que decretar feriado para poder levar torcedores ao estadio. Competencia ? Acho que nao. SO TEM ESTADIO e alguns ficaram prontos em cima da hora. COMPETENCIA ? Acho que NAO. E quanto ao orcamento das obras ? Explodiram com muito ROUBO.

    E’ MUITA INCOMPETENCIA ! MUITO ROUBO ! E de heranca: ESTADIOS e ROMBO

     

    • A maioria das reformas do

      A maioria das reformas do aeroportos sairam sim…à exceção do Salgado Filho em porto Alegre q ficou paa o  proximo ano.

      Até Manaus recebeu !”seu puxadinho”, não é assim…”puxadinho”….

      Campinas em São Paulo também….vai lá… e confira. Virou respaldo para o de Cumbica em Garulhos….

      Mas que azar….como chove!!!!

      Detrás de mesa e PC, notebook e I-Pdad …só p’ra aviaozinho das LA….Leia-se Lojas Americanas, não confunda com Los Angeles….

    • Inverdade
      Já passei durante a copa por três aeroportos internacionais de cidades-sede: na ordem, Salvador, Brasília e Galeão. Os dois primeiros estão excelentes, perfeitos, prontos. Apenas no Galeão são visíveis os sinais de obras em andamento, embora as ampliações já concluídas estejam dando conta do recado – vôo no horário e aeroporto cheio, mas sem congestionamentos.

  71. Indignada.
    Sr.Luis, perdi as contas de quantas vezes comecei a fazer este comentário. Só pelo fato de ter muito pra falar. Mas de todos os textos que ensaiei, nada é mais importante do que dizer para meus irmãos do mundo que torcem com amor para um futuro melhor, tenham coragem. Tô falando do brasileiro do bem, sem interesses particulares de moral duvidosa, mas que também não é santo.. Coragem para, sem revide nem agressividade, na alegria afetiva, com docilidade e firmeza, gritar a uma só voz: EU QUERO SAUDE, TRANSPORTE, EDUCAÇAO, GOVERNANTES INTEGROS E O MEU BRASIL HEXA CAMPEÃO DA MELHOR COPA DE TODAS, QUE NUNCA FOI DA FIFA DE 2014.
    Não tenho páginas.. talvez por isso pergunto: onde estavam voces todos que como eu, acharam no Sr. Luis a saída para o desabafo??

  72. Quando a copa acabar vamos

    Quando a copa acabar vamos ouvir os estrangeiros dizerem no mundo todo: foram os brasileiros que fizeram a melhor copa do mundo de todos os tempos.

    Não faltou nada de bom gosto, a Dilma fez ótimos estadios padão FIFA para a festa e os apaixonados pelo futebol.

    Graças a sua larguesa de espírito e classe Dilma soube tolerar os que se venderam aos mais absurdos modos de decadência pessoal para catequizar individuos ignorantes, a propósito de um outro assunto, que conseguiriam um resultado burlesco das obras realizadas.

    Depressa teremos ocasião de entender que o mundo exterior, fundado em si mesmo, pertence aos caracteres e o seu ambiente.

    • Enaltecer

      Não precisamos ser enaltecidos. O mais importante que a Copa está aí e caminhando como deveria ser. É uma bela Copa. Ir aos Estádios, aliás sempre cheios e …isso são outros quinhentos! Não é para o meu bolso….mesmo…

  73. A BELEZA DA COPA NO BRASIL E DO POVO BRASILEIRO

    Parabenizo ao colunista Luis Nassif pela análise nesta coluna sobre a copa no Brasil, a mídia brasileira, os políticos da oposição a atual governo, empresários pessimistas, ficaram vários anos até o início desta copa, fazendo comentários, publicando artigos sobre as nossas mazelas, em hora alguma, pararam para refletir, e, reconhecer que no nosso Brasil(continental) realmente temos problemas, mas, também, que neste Brasil existem pessoas preparadas, educadas, honestas, hospitaleiras, pacíficas, empresas com grande potencial e capacidade de realizar grandes obras, com as envergaduras que os eventos necessitam.

     

    Parabéns a todas as pessoas que dedicaram o seu esforço e não deixaram cair neste clima de que o nosso povo não se presta ao algo de tamanha grandeza.

    Parabéns ao governo federal, nos nomes do Ex-Presidente Lula,   que devido ao seu grande prestígio internacional conseguiu ganhar a disputa(inclusive do EUA que tinha interesse neste evento) contra outros países para a realização desta copa no Brasil, da atual Presidente, Sra. Dilma, que se comportou exemplarmente mesmo quando atacada de todos os frontes, sem se deixar enfurecer e brigar com todos os que torciam contra,  e, também aos vários governos estaduais e municipais que trabalharam duro para fazer o melhor .

     

    E, por último, PARABÉNS ao povo BRASILEIRO pelo belo exemplo de comportamento e de felicidade em poder participar deste grandioso evento.

     

    Amarildo Lage

  74. Sr. Nassif dê uma chegadinha

    Sr. Nassif dê uma chegadinha no aeroporto de Confins em Belo Horizonte para o senhor ver que perfeição. Uma chegadinha só. Depois o senhor continua o comentário.

  75. Sr. Nassif dê uma chegadinha

    Sr. Nassif dê uma chegadinha no aeroporto de Confins em Belo Horizonte para o senhor ver que perfeição. Uma chegadinha só. Depois o senhor continua o comentário.

  76. A alegria do povo não tem preço

    Os valores democrático estão sendo atacado por um mídia nojenta. No caso do sucesso da Copa os fatos já comprovam a grande farça, porém em muitos outros aspectos, a mentira continuará. Sou militante da área da infância e juventude e modéstia a parte conheço todos espaços de participação popular. Ha democracia. Nos temos o prazer de viver em um estado democrático de direito e é no dia a dia que a luta acontece e vamos construindo os acordos, as normas e as leis. Está na hora de juntarmos todos para também democratizar os meios de comunicação.

  77. Para Carlos Costa

    Não foi desviado dinheiro da educação e saúde para construir estádios. O que se questiona é a prioridade. Nunca se tem verba para  estas áreas, aí de repente aparece todo este dinheirão para construir estádios que ficarão parados ali por meses e anos, enquanto as pessoas morrem sem atendimento nos hospitais, com longas filas, ignorados pelos servidores da saúde, que tratam as pessoas como se fossem um lixo. A mãe da minha amiga teve um AVC e não pode ser internada na UTI, no HRAN, em Brasília, porque deixaram dois leitos para a copa das confederações. Ou seja, preferem deixar uma pessoa, cidadã brasileira morrer, para mostrar para os gringos que temos leito. Isto é um absurdo.Está tudo maquiado para esta copa. O que salva é que o povo brasileiro adora estrangeiros, adora receber, e trata bem todos que visitam o país.

    • Prioridade

      Só faz sentido discutir prioridade quando escolhas diferentes precisam ser feitas para o uso da mesma verba. Se você mesma admite que dinheiro da educação e da saúde não foi usado para construir estádios, não há prioridade alguma a ser discutida. E se houvesse, a principal questão deveria ser a quantidade de recursos que é destinada ao pagamento de juros.

    • Minha filha, você nasceu

      Minha filha, você nasceu ontem? Parece que sim. Com ou sem Copa, a saúde e a educação continuariam na sua árdua batalha por investimentos públicos. Não iriam ficar melhor se o Brasil não tivesse Copa. Ou voce acha que as Unimed da vida e os COCs também (exemplos apenas) iriam deixar que saúde e educação públicas de qualidade, levassem seus clientes?

    • Verbas

      O nosso grande problema é achar que não tem dinheiro pra saúde, educação, segurança…., o que acontece é que nunca ninguem proucura saber o que saiu do governo federal para essas areas, e o quanto foi gasto nos estados e municipios, existe nos sites do governo toda verba destinada para isso e se voce for ver a quantia é desviada a partir dos estados e nos municipios, nos sites do governo voce encontra valores e vai ver que não é merreca como todos dizem.

  78. A Copa do Mundo das Surpresas

    Este é o nirvana de futebol, aproveite enquanto dura.

    A COPA DO MUNDO NO BRASIL É A MELHOR DE SEMPRE?

    O bem-estar foi derramado nos gramados e o espírito esportivo parece renascer. 

    The National | Ali Khaled | 20/06/14

    Thiago Silva, do Brasil, à direita, cabeceia a bola, mas não consegue vencer Guillermo Ochoa, do México, à esquerda, durante a partida na Arena Castelão, em Fortaleza, no dia 17 de junho de 2014. Mike Blake / Reuters

     

    Antes do fim da fase de grupos, os jogos no Brasil revelaram uma alegria imprevisível, encaminhando para se tornar um dos melhores campeonatos do mundo nos tempos modernos.

    Os pontos altos são óbvios:

    . A Holanda brilhante na destruição dos espanhóis campeões do mundo por 5-1;

    . A humilhação da Alemanha e de Portugal de Cristiano Ronaldo; 

    . O brilhantismo solo de Lionel Messi contra a Bósnia e Herzegovina;

    . Tim Cahill, em uma dose medicinal do estilo próprio de Marco van Basten, fazendo, talvez, o melhor gol da competição até o momento: ninguém esquecerá o carretel apresentado na jogada.

    Mas, para além destes momentos, a Copa do Mundo reúne tantos lembretes sutis a respeito dos motivos do mundo parar para louvar o futebol a cada quatro anos.

    Os torcedores da Colômbia explodiram o teto no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, antes da partida contra a Grécia, estabelecendo o padrão do torcedor delirante para o restante do torneio.

    Os antigos torcedores da Costa Rica choraram, cheios de alegria, após o terceiro gol do seu país contra o Uruguai. 

    O Brasil e o Chile seguraram a própria emoção, cantando hino no Mundial (imagine se eles se encontrarem na partida final).

    Após o uniformemente irritante zumbido, induzido pela vuvuzela da África do Sul em 2010, aqui, a sintonia com o fluxo e o refluxo da ação em campo, está adequada às multidões do futebol de todo o mundo, vivendo, respirando cada chute, cada contra-ataque ou defesa, sem esquecer, até mesmo, a ocasional onda mexicana.

    O fator de bem-estar foi derramado nos gramados e o espírito esportivo parece renascer. 

    A simulação de faltas (o mergulho) não foi, exatamente, eliminado, mas certamente é menos prevalente do que nas Copas anteriores.

    Quando os jogadores da Inglaterra começaram a cair, sob o calor de Manaus, abatidos pelas cãibras, foram os seus adversários italianos que ajudaram a esticar os seus membros doloridos, adotando um comportamento totalmente diferente do torturador-chefe de Diego Maradona, o insano Claudio Gentile.

    Até mesmo a FIFA merece crédito pela introdução do spray de espuma, para a marcação do local das cobranças de faltas, economizando o tempo e facilitando a vida do árbitro, de uma só vez.

    Neymar, Messi e Andrea Pirlo podem ter dominado as manchetes, mas a Copa do Brasil 2014 é mais um lembrete refrescante que os heróis ainda podem ser fabricados durante a noite. 

    Apenas aqueles com um coração de pedra não poderiam ter sido tocados pela história de John Brooks.

    O zagueiro americano, nascido na Alemanha, há 21 anos, saiu do banco para marcar gol tardio dos Estados Unidos contra os antigos rivais de Gana, em Natal. 

    O olhar em seu rosto, quando foi perseguido por seus companheiros de equipe, foi mais um dos momentos de euforia cristalina do torneio.

    Houve momentos tristes também. 

    A Espanha, apesar de uma saída desonrosa, deve ser reconhecida pelos imensuráveis serviços prestados ao futebol a partir de 2008 até 2014.

    Cahill foi substituído contra a Holanda, depois de receber o segundo cartão amarelo do torneio, sinalizando a última vez que a lenda australiana participa de uma partida de Copa do Mundo.

    E Messi, involuntariamente, ignorou o aperto de mão de um pobre mascote.

    O melhor de tudo, na Copoa do Mundo no Brasil, em 2014, foi a média de gols do torneio.

    A abundância dos primeiros 20 jogos produziu 60 gols, a uma taxa de três por jogo, representando a melhor produção desde 1958.

    Talvez os treinadores adotem o pragmatismo, as defesas cresçam e os gols sequem, quando a fase de mata-mata começar. 

    Mas, por enquanto, este é o nirvana de futebol.

    Aproveite enquanto dura.

    Fonte: 

    The National , Emirados Árabes Unidos

    http://www.thenational.ae/sport/world-cup-2014/could-brazil-2014-be-the-best-world-cup–ever

    akhaled@thenational.ae

  79. Tudo Pelo Poder

    O jogo bruto e sujo da politicagem partidária será reiniciado da forma mais violenta possível e o nível será pior que o demonstrado no Itaquerão, passada a euforia do campeonato mundial, em andamento.

    Existem grupos estrangeiros, associados aos baderneiros brasileiros, pagos par filmar as manifestações no país e, mais tarde, mostrar, diuturnamente, a violência policial , comandada pelo Estado, com destaque para as mazelas que – só os mais delirantes estrábicos intelectuais não conseguem enxergar – não foram geradas durante a governança petista.

    A estratégia faz parte da eterna e nojenta busca do poder pelo poder.

  80. Já faz tempo

    Já faz tempo que eu ouvi falar de uma copa do mundo no Brasil. E de lá para cá, passaram-se vários governos, entre ditaduras do Getúlio, governos democráticos como o do Sr. Juscelino, tempos de chumbo dos Generais, novamente democratas como Collor, FHC, Lula e por fim a nossa Dilma. Que fique claro que não concordo com corrupção em nenhuma hipótese. Mas o que estes governos fizeram por nossa saúde, educação, mobilidade  urbana, entre tantas e tantas melhorias  que se fazem necessárias? Então não podemos creditar tudo isto na conta da nossa Presidente. Ora deixemos de ser hipócritas, quem hoje reclama da realização deste evento e da olimpíada que se aproxima, é por puro despeito de não ter este crédito em seu rol de feitos políticos.

    Parabéns Sr Luiz Nassif, pela coragem de contrapor os profetas do apocalipse nacional.(faz de conta que os países do dito primeiro mundo as coisas acontecem de forma muito diferente!!!  

    • Exatamente…
      Exatemente Marcelo Cornetet. Concordo plenamente, puro despeito, dor de cotovelo, inveja e similares.

      Não fizeram, não fazem, não sabem fazer… e por isso criticam quem está fazendo. E para mostrar serviço cobram o impossível… Que vergonhoso isso, triste, indigno.

      Parabéns Marcelo pelo texto da resposta. Direto, no ponto, em cima. E parabéns também ao Nassif. Excelentes os textos.