O que a China fez, e o Brasil não, para dar certo, por Luis Nassif

Um bom resumo do modelo chinês de desenvolvimento foi preparado por Ricardo Lopes Katz, da Universidade Federal de Santa Catarina, a partir de sua dissertação “A nova rota da seda: entre a tradição histórica e o projeto geoestratégico para o futuro” (https://goo.gl/tu3SnG).

O sucesso do modelo é indiscutível. Tirou 800 milhões de pessoas da linha da pobreza, de 1978 para cá aumentou a renda per capita de menos de US$ 1.0000,00 para mais de US$ 8.800,00. O país representava 3% da economia global quando Deng Xiaoping iniciou seu mandato. Agora, representa 19%. Mais que isso, enquanto as democracias liberais estão em crise, China continua em trajetória pujante, apesar de muitos problemas ainda não resolvidos, como a desigualdade entre o leste e o oeste do país, questões ambientais e de sustentabilidade, envelhecimento da população, bolha imobiliária, como explica Katz.

Xiaoping avançou em quatro grandes modernizações:

1. Agricultura, com o objetivo de se alcançar a autossuficiência alimentar.

2. Forças Armadas, reduzindo a burocracia e investindo em equipamentos de maior intensidade tecnológica.

3. Indústria, mudando do modelo intensivo em capital (herdado da ex-URSS), para indústrias leves intensivas em mão-de-obra.

4. Promoção das exportações, seguindo o modelo vitorioso de outros países do leste asiático.

O modelo de inovação consistiu em abrir zonas econômicas especiais no sudoeste, para atrair investimentos e integrar o país ao comércio exterior. E usou o mercado interno como instrumento de barganha. Empresa estrangeira, para investir na China, deveria obrigatoriamente estabelecer uma joint venture com empresa local.

Leia também:  ‘Séculos de descobertas são comparados a opiniões. Vivemos um ataque ao conhecimento’, diz reitora da UFCSPA

Ao Estado coube papel central:

1. Grandes investimentos em infraestrutura. No Brasil, tenta-se esvaziar o maior financiador da infraestrutura, o BNDES.

2. Grandes investimentos em ciência, tecnologia e inovação. No Brasil, entrega-se o setor a um ex-astronauta, sem nenhuma familiaridade com políticas de inovação.

3. Investimento em educação básica e superior, incluindo intercâmbios universitários no exterior. No Brasil, acabam com o programa Ciência Sem Fronteias.

4. Proteção às indústrias nascentes e subsídios às empresas chinesas, além de políticas monetária e cambial estimulando a competitividade nas exportações com conteúdo nacional. No Brasil, anuncia-se um processo de abertura indiscriminada da economia, sem negociação de contrapartidas.

Como explica o economista Paulo Gala, no caso da indústria automobilística, exigiu-se que as montadoras estrangeiras tivessem um nível de conteúdo nacional de autopeças de até 70% no prazo de três anos (https://goo.gl/URh1vz). Essa exigência fez com que as montadoras cooperassem estreitamente com os fornecedores locais. A capacitação foi tão completa que, depois de ter sido derrubado esse requisito (quando a China aderiu à Organização Mundial do Comércio), manteve-se a fidelização.

Na fase mais auda da globalização, a China conseguiu se inserir com sucesso. Agora, que a globalização entra em xeque, e até os Estados Unidos acenam com políticas protecionistas, o Brasil caminha célere para a abertura indiscriminada às exportações.

Espera-se que os Ministros da Infraestrutura e de Energia, que parece ter pés no chão, incutam um mínimo de racionalidade e discernimento à tropa bolsonariana-guediana.

34 comentários

  1. Sinta a diferença

    “Atualmente, oito entre os nove melhores dirigentes chineses são engenheiros e o nono é geólogo.” – J Estrin

  2. Nassif, esses militares tem a
    Nassif, esses militares tem a mesma “visão” da tropa boçalnara guediana, nao se iluda.

    É um tremendo erro de avaliaçao achar que que são militares estadistas de cinema. A diferença pro boçalnaro é que falam menos, so isso. Os preconceitos politicos e ideologicos sao os mesmos, estão ai pra fazer o acerto de contas com a guerra fria e pronto, em pleno seculo XXI.

    Você acha que aprendem o que nessas academias miitares? A “visao” politica deles é de jornal e revista, a mesma dos paneleiros e do MBL, por exemplo.

    • Exato! O mais competente
      Exato! O mais competente deles foi preso sem nenhuma reação da tropa. Mesmo quebrando a cara com Villas Boas, parece que ainda tem iludidos no assunto. Villas Boas, ao final, não passou de um babão de quem está no poder. Se a esquerda brasileira não aprender que têm inimigos vai apanhar para sempre.

  3. O título do post poderia ser:

    O título do post poderia ser: Como construir e como destruir uma nação. Hoje, o Brasil depende da bandeira vermelha e do Partido Comunista da China  para manter funcional seu sistema econômico. 

  4.   Para a China não é um

      Para a China não é um problema que, no GRANDE JOGO, o Brasil volte à condição de colônia exportadora de produtos primários. Nosso mercado consumidor, mesmo reduzido, é um problema menor que a eliminação de um potencial concorrente.

      Os EUA ganharam a batalha ao eliminar um dos jogadores – este nosso Brasil varonil foi derrotado em uma guerra apenas visível nos bastidores e saiu da disputa mundial, mas nessa pode ter até beneficiado Pequim, economicamente falando.

      Politicamente, fosse dez ou vinte anos adiante, a China talvez viesse a bancar nossa manutenção no GRANDE JOGO, mas os chineses ainda não dispõem dos meios necessários para jogar nas Américas; seja como for, nossa eliminação enquanto país autônomo está sendo compensada por meio de estreitamento de laços chineses com a Rússia e mesmo a Índia, antiga desafeta.

     

      Voltando a nosotros: um país apenas chega ao patamar de civilização e é dono do próprio nariz quando suas elites dirigentes veem a si e ao seu país como algo “excepcional”, distinto dos outros e digno de pavimentar seu próprio caminho entre as nações. Nós não contamos com isso e, enquanto algo do tipo não vier a existir, estaremos sujeitos a NO MÁXIMO pequenos soluços de autonomia. Em resumo, voltamos à nossa “vocação” colonial.

  5. Só que não!

     

    Fernando Brito traz um comentaário em seu site que expõe o comportmento atual das FFAA emulando um partido político tal como conhecemos no pós moro o partido juiciário. Sem projeto, sem direção,sem propósito, esperar o que?

  6. na contramao

    O Brasil , na minha geração,só andou uma vez na mao da via, nos governos do PT,  fora isso só na contramão,o Bolsonaro não entende nem o que é juros e  nem correção monetaria deve achar que é a mesma coisa, tamanha deficiencia cognitiva,vai ser engolido pelo agiota do Guedes , pois banqueiro no Brasil é agiota explicito,nosso presidente mesmo sem ter votado nele vai dar muito dinheiro da previdencia para pagar juros dos Bancos de poucas familias abastadas

  7. governança na china

    Nassif, uma boa leitura para entender a governança chinesa é o Livro do proprio presidente Xi Jinping “a Governança da China”. o livro ja existe traduzido para a lingua portuguesa

  8. A china padece de cuidados

    A china padece de cuidados com o meio ambiente e a degradação da saúde da população nos grandes centros urbanos, além de que o trabalhador chinês sustenta uma política econômica parasitária do grande staff burocrático militar de seu governo

    A china pela sua falta de liberdade de pensamento e exploração de seus proletarios não deve servir de modelo pra ninguém, nem mesmo pro Brasil 

    É o capitalismo ditadorial travestido de economia  comunista e em certos aspectos de seu imperialismo na Ásia se compara em muito ao imperialismo americano 

    • Atraso de 12 anos

      Seu comentário está atrasado uns 11 anos pelo menos. Desde 2008 entrou em vigor a “CLT” chinesa, a legislação ambiental se tornou mais rigorosa e hoje o país é líder em várias indústrias de ponta na área de energias não-poluentes.

      Há problemas, sim, na China, em todas as áreas. O relevante é notar que ela vem evoluindo e se tornando mais civilizada em praticamente todas elas.

      • Pra quem gosta de gente

        Pra quem gosta de gente explorada deve ser o “must”, 

        A nosss clt tem décadas e ainda hoje  temos escravidão, imagino a clt chinesa 

        Não se pode combater imperialismo com imperialismo 

  9. Acho que a análise foi um
    Acho que a análise foi um pouco timida.A minha perspectiva  do cenario da china ficou mais claras a partir do momento que assisti na CNN a entrevista do Kai-Fu Lee, autor do livro “A.I. Superpowers”. O Kai-fu representa o perfil dos lideres chineses atuais, foi ao exterior obter sua formação, liderou as pesquisa na Apple, Microsoft e Google, depois retornou a China para gerar riqueza ao pais, isso dentro esquema de trabalho 996 (das nove as nove, seis dias por semana). Na última conferencia de IA que participei, foi possivel confirmar a visão apresentada no livro do Kai-fu que os chineses estão competindo com os americanos na área de Inteligencia Artificial.Posteriormente com o acontecimento do caso do Huawei e da disputa comercial entre os EUA e China, vi uma noticia apresentando os pontos colocados pelos americanos na negociação da guerra comercial. Um dos pontos era o fim da exigência dos chineses do repasse do projeto/tecnologia do produto. Essa é a questão chave do desenvolvimento chines! Para produzir na china vc tem que repassar a tecnologia. Um outro ponto apresentado aos chineses, que irá afetar o Brasil é a compra da soja americana. Imaginem o cenário, os americanos estão negociando com o chineses o fornecimento de materia prima.No ramo da industria automotiva os chineses já desistiram dos carros movidos a combustivel fossil, estão investindo para tomar a frente dos carros elétricos.Na área da computação estão focando na computação quantica, que rápidamente foi respondida pela IBM com a noticia do desenvolvimento de um equipamento.Vale lembrar que o Deng Xiaoping tem uma formação que vai do trabalhador de chão de fabrica na França até a formação universitaria. Depois fez um trabalho dentro do partido, posteriormente foi o planejador e executor de uma visão de futuro. A maioria dos outros lideres eram qualificados academicamente! Outro ponto importante é que os chineses nunca perdem a referencia da sua nação! Apresentar argumentos do nosso desenvolvimento guiado pela nossa academia, burguesia e os orgão de financiamento (BNDS, FINEP, etc..) e compara-los com os chineses não me parece ter sentido! 

  10. Acho que a análise foi um
    Acho que a análise foi um pouco timida.A minha perspectiva  do cenario da china ficou mais claras a partir do momento que assisti na CNN a entrevista do Kai-Fu Lee, autor do livro “A.I. Superpowers”. O Kai-fu representa o perfil dos lideres chineses atuais, foi ao exterior obter sua formação, liderou as pesquisa na Apple, Microsoft e Google, depois retornou a China para gerar riqueza ao pais, isso dentro esquema de trabalho 996 (das nove as nove, seis dias por semana). Na última conferencia de IA que participei, foi possivel confirmar a visão apresentada no livro do Kai-fu que os chineses estão competindo com os americanos na área de Inteligencia Artificial.Posteriormente com o acontecimento do caso do Huawei e da disputa comercial entre os EUA e China, vi uma noticia apresentando os pontos colocados pelos americanos na negociação da guerra comercial. Um dos pontos era o fim da exigência dos chineses do repasse do projeto/tecnologia do produto. Essa é a questão chave do desenvolvimento chines! Para produzir na china vc tem que repassar a tecnologia. Um outro ponto apresentado aos chineses, que irá afetar o Brasil é a compra da soja americana. Imaginem o cenário, os americanos estão negociando com o chineses o fornecimento de materia prima.No ramo da industria automotiva os chineses já desistiram dos carros movidos a combustivel fossil, estão investindo para tomar a frente dos carros elétricos.Na área da computação estão focando na computação quantica, que rápidamente foi respondida pela IBM com a noticia do desenvolvimento de um equipamento.Vale lembrar que o Deng Xiaoping tem uma formação que vai do trabalhador de chão de fabrica na França até a formação universitaria. Depois fez um trabalho dentro do partido, posteriormente foi o planejador e executor de uma visão de futuro. A maioria dos outros lideres eram qualificados academicamente! Outro ponto importante é que os chineses nunca perdem a referencia da sua nação! Apresentar argumentos do nosso desenvolvimento guiado pela nossa academia, burguesia e os orgão de financiamento (BNDS, FINEP, etc..) e compara-los com os chineses não me parece ter sentido! 

  11. Quem são eles? Que vão “passar o rodo”

    E por onde anda os tais do “BRICS” ?

    A verdade é que o Brasil começou a incomodar um pouquinho.

    E houve também um pouquinho de “máscara”, como se diz na linguagem futebolistica. Vamos ensinar pra voces como fazer e coisas do tipo.

    E resolveram derrubar o Brasil. Quase conseguiram em 2013 naquelas manifestações cheias de infiltrados, com anúncios de financiamento em redes nacionais mundiais (em inglês). Depois veio o golpe com stf e tudo por aí vai.

    O ponto é que quando o Brasil colocou a cabecinha de fora, vieram as espionagens e as conspirações. E doutrinações midiáticas

    O momento é de cautela e apreensão. Se houver a maioria no congresso, como diz-se , “eles vão passar o rodo”

    A  pergunta que fica é “quem são eles ?”

    Que protegem o temer, que maltratam o povo, que manipulam as leis. 

    Quem são eles?

  12. Uma nova rodada da Tarifa Alves Branco(1844)

    Foi implementada com a finalidade de aumentar a arrecadação e melhorar as contas públicas.

    O mesmo poderia ser feito agora, do mesmo modo incentivaria a substituição das importações pela produção nacional, e haveria um aumento significativo na arrecadação do IPI, ICMS e PIS/CONFINS, e dos encargos sociais.

    Já que agora é” decreto-lei presidencial.”

    “Dando um tiro, e acertando três alvos, já que também diminuiria o desemprego”.

  13. A sensação de estar em casa, no seu lugar

    Os chineses moram na sua casa, que respeitam milenarmente. Aí nascem, crescem e morrem o proletariado e as elites. Anos atrás, para não serem explorados, resolveram fazer um tipo de trabalho comunitário ou de serviço militar e caminharam juntos numa direção planejada. Com parte dos objetivos alcançados, se abrem para a economia global. No Brasil os ricos e as elites acham que moram em casa alugada, jogam lixo no chão, cospem nas paredes. Brasil é um lugar de passagem e o seu sonho é Miami. Muitos caminhamos para o objetivo comum de um Brasil para todos, apenas nos três primeiros governos do PT. Hoje, o novo governo convenceu a uma grande parte da população de que Brasil é dos EUA e que é apenas alugado para nós.

  14. O Brasill ainda não saiu da Idade Média! Patinando no tempo

    O Fazendão venceu.

    Venderemos produtos agrários brutos e receberemos missangas e espelhinhos. Tal qual no século XVI quando Cabral aportou em Porto Seguro.

    Eia pois este é o país dos bachareis!

  15. Só para ficar na questão da

    Só para ficar na questão da liderança, não é dificil saber porque a China deu certo e o Brasil, não. A a elite Chinesa pensa no pais. Nós nem elite temos. O que temos são um bando de medíocres, predadores, primários e primatas, analfabetos e endinheriados que só pensam em vampirizar o país e que tem profundo desprezo e nojo pelo país e povo. O resto da escumalha vai na onda. O resultado não podia ser diferente…

    Aliás, nem é preciso fazer muita força para enteder o problema. É só ler o último livro do Jessé Souza, “A Classe Média no Espelho”., mais precisamente a entrevista que ele fez com um advogado do setor financeiro (é a primeira entrevista do livro). Em sua franqueza esse advogado revela muito do que são, como agem e o que pensam nossas “elites”: o país é deles para vampirizar e predar, o resto que se f****.

     

  16. questAO  POLÍTICA,

    questAO  POLÍTICA, ESSENCIALMENTE….NOS TEPOS PETISTAS,O BRASIL CHEGOU A CRESCER EM RITMO  CHINES

  17. Nós e eles
    Vendo a China pelo lado positivo, podemos afirmar que a ditabranda chinesa funciona. No Brasil seria possível implantar este “revolucionário” sistema político de governo?

  18. A coisa mais certa que os

    A coisa mais certa que os governantes da China fizeram foi não deixar o povo dar palpite no que não entende. Aqui, não: deixam o povo dar palpite através de eleição e acontece esta merda que estamos vendo.

  19. tática reversa..

    Na China  fazem joint-ventures  para  ganhar tecnologia  e  uma  empresa  nacional…

    Aqui,  fazem uma  joint-venture  para  perder toda  a  tecnologia alcançada  entregando  a  empresa  de  bandeija …

    Tática  suicida !!

  20. tática reversa..

    Na China  fazem joint-ventures  para  ganhar tecnologia  e  uma  empresa  nacional…

    Aqui,  fazem uma  joint-venture  para  perder toda  a  tecnologia alcançada  entregando  a  empresa  de  bandeija …

    Tática  suicida !!

  21. Que merda é esta de ficarem adorando o capetalismo comunista da ditadura chinesa igual a velha e podre URSS repetindo os Czares ou imperadores romanos e papas stanilistas ou igrejistas sendo a mesma merda das ideologias todas contrárias a democracia, ciências, história e filosofia e o Deus real da física quântica, as religiosas, políticas e econômicas e os partidos agem como igrejas e vice versa gerando os males no mundo nas empresas, partidos, igrejas, empresas, etc., como castelos feudais medievais, como a fome e miséria, favelas e periferias, crimes e violência, estupros, guerras, atentados, guerras civis, corrupção e exclusão social ou injustiças, violência tremenda ainda contra crianças, mulheres e animais, e a exploração dos seres humanos e do meio ambiente.
    Não sabem estes idiotas que na China sequer existe alguma legislação trabalhista ou CLT? O que falta na globalização beneficiando até agora somente o capitalismo ou o cassino financeiro global dos 1% dos mais ricos em seus castelos medievais graças as ideologias todas, religiosas, políticas e econõmicas, é globalizar também os sindicatos fortes e as leis trabalhistas distribuindo renda, bem como globalizar a democracia de fato sem ditaduras das ideologias todas, e as questões ambientais e climáticas.
    Fiquei chocado ao ouvir de quem tem filha e genro trabalhando na China faz tempo que por lá inclusive tudo funciona até nos finais de semana e quero que vão tomar no cú estes idiotas que adoram a China e parecem querer copiar esta merda de regime aqui, vendo somente os interesses neoliberais como parece inclusive estes governos desde o golpe estão querendo, Temer e agora Bolsonaro, transformando o Brasil em nova China conforme interesses dos EUA, para produzirem aqui a preços de banana para exportarem para os EUA e Europa e ganharem muito mas matando a classe média destes países ou matando a galinha dos ovos de outro e esta economia global vai explodir mais cedo ou tarde devido a este capitalismo selvagem e predador global inclusive na porra da suposta china comunista do caralho. SEM CLT nesta merda?

    nizarlgo e as leis w w

  22. Aqui matérias sobre CIA vigiar internet, celulares, redes sociais, Androide, Iphone, Smart TV, Google, como Gestapo global. Assange/ Snowden/WikiLeaks

    Abrimos este link para postar somente matérias relacionadas aos riscos globais para democracia com CIA vigiando tudo na internet, celulares, redes sociais, Androide, Iphone, Smart TV, etc., como Gestapo nazista na segunda guerra, repetindo o militarismo da Alemanha e do Japão, e ainda tudo sobre os heróis da humanidade Assange, Snowden, e sobre o WikiLeaks, para liberar espaço no link geral das melhores matérias de jornalismo sério e imparcial, isento e independente que achamos para explicar grave crise do Brasil e global devido ditadura atual arrastando humanidade para o desastre conforme link geral das matérias:

    https://www.linkedin.com/pulse/aqui-matérias-sobre-cia-vigiar-internet-celulares-redes-garrucino/?published=t

  23. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome