Xadrez das 10 Questões para entender o Supremo

Como um cidadão normal, razoavelmente informado, analisaria nossa Suprema Corte.

 

Questão 1como o Supremo conseguiu esquecer que uma ordem sua foi desrespeitada e manteve Renan Calheiros no cargo de presidente do Senado?

Resposta – Através de uma gambiarra do inflexível Celso de Mello, o decano que se tornou o mais inflexível dos Ministros do Supremo mas que, também, não é de ferro. Seu argumento jabuticaba foi que Renan permaneceria no cargo, mas não poderia se habilitar à sucessão presidencial.

Em palavras mais vulgares, “com camisinha, pode”.

 

Questão 2 por que o Supremo avalizou o golpe contra uma presidente eleita e refugou ante o presidente do Senado?

Resposta – Porque o presidente do Senado tinha nas mãos a definição da urgência da Lei do Abuso de Autoridades e dos salários acima do teto. E Dilma tinha nas mãos o Ministro José Eduardo Cardozo. Pela mesma razão que um transeunte bate o pé ante um poodle, mas não ante um pitbull. E também porque não queriam atrapalhar a tramitação da PEC 55 e da reforma da Previdência.

Uma terceira hipótese, mais banal, é que amarelaram ao se defrontar com o poder de fato.

 

Questão 3 –  como o Ministro Luís Roberto Barroso compatibilizou seu apoio à PEC 55 – que a Globo apoia e cuja tramitação poderia sofrer solução de continuidade com o afastamento de Renan – com a condenação do gesto de Renan – que a Globo também condena?

Resposta – Simples. Fora da sessão, deu uma declaração bombástica à imprensa contra Renan. Na sessão, absteve-se de votar, alegando suspeição (o advogado da Rede em tempos longínquos trabalhou no seu escritório). Ficou com a Globo na condenação retórica à Renan e na abstenção, para não haver risco de quórum a favor da liminar.

Leia também:  A (não) recuperação do setor de serviços, por Luis Nassif

 

Questão 4como o Supremo, que analisava o decoro de Renan, não recebendo um oficial de Justiça, trata do decoro de Gilmar Mendes atacando violentamente um colega?

Resposta – Hipotecando solidariedade retórica ao colega e não avançando em nenhuma providência legal contra o agressor, dessas bem óbvias, como denunciar Gilmar por quebra de decoro, ou por suspeição, ao avançar opinião em processos que caberia a ele julgar.

 

Questão 5como o Supremo conseguirá compatibilizar sua preocupação em acatar a voz das ruas, com sua retórica de não se deixar influenciar pela voz das ruas e, ao mesmo tempo, atender aos reclamos das ruas?

Resposta – Com um discurso vazio da presidente Carmen Lúcia, do qual a mídia extrairá uma frase de efeito, dando destaque em manchete e, ao mesmo tempo, evitando dar o discurso na íntegra para não estragar a construção da imagem da grande tribuna. Infelizmente, Carmen Lúcia não recorreu nenhuma vez à falácia da falsa dicotomia: ou Justiça ou guerra; ou guerra ou paz. E outras frases de grande repercussão, como o crime não vencerá a Justiça, onde um juiz for destratado, eu também sou; Independência ou Morte – perdão, o brado não é dela.

 

Questão 6como os doutos Ministros diferenciaram o caso Eduardo Cunha do caso Renan Calheiros, o primeiro perdendo o cargo e o mandato e o segundo sendo mantido?

Resposta – a desculpa foi que Eduardo Cunha estava criando dificuldades para as investigações e Renan – que se recusou a receber o oficial de Justiça com a intimação – não.

Leia também:  Xadrez da entrada do país na era da ebulição, por Luis Nassif

 

Questão 7o que o Procurador Geral da República Rodrigo Janot quis dizer com a reiteração da frase de que “pau que dá em Chico dá também em Francisco”?

Resposta – Que “pau que dá em Lula dá também em Luiz Ignácio”. Porque Chico e Francisco se referem à mesma pessoa, do mesmo modo que Lula e Luiz Ignácio, entenderam? Ficaria fora de lógica dizer que “pau que dá em Lula dá também em Aécio”, ou Serra, ou Alckmin, porque são pessoas distintas. Não entenderam? Não faz mal: o que importa é bola na rede.

 

Questão 8o que os doutos Ministros teriam a dizer das demonstrações públicas e explícitas de intimidade entre o juiz Sérgio Moro e possíveis réus da Lava Jato, como Aécio Neves?

Resposta – eles são jovens e têm direito de se confraternizar.

 

Questão 9 – porque até hoje o Supremo não analisou o mérito do impeachment, respondendo à ação proposta (tardiamente, como é de seu hábito) pelo ex-Advogado Geral da União José Eduardo Cardoso?

Resposta – Porque consideraram não haver o periculum in  mora, ou seja, perigo em demorar a tomar uma decisão. Revogação da Constituição de 1988, mudança do modelo institucional, guerra entre poderes, crise econômica, avanço do estado de exceção, PM soltando bombas, invadindo igrejas, são fatos do cotidiano.  Afinal, como diz o ilustre iluminista Luís Roberto Barroso, o novo normal é o estado de exceção.

 

Questão 10porque esse Xadrez faz blague e não  leva o Supremo a sério?

Resposta – Eles que começaram.

Leia também:  Não há sinais de recuperação para a indústria automobilística, por Luis Nassif

 

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

114 comentários

  1. No começo do xadrez
    Você dizia que Temer não aprovaria nenhuma reforma e seria um governo. Pois ele construiu o cenário todo a seu favor tem uma maioria que nem FHC nem Lula tiveram e não vai aprovar uma reforma. Ela vai aprovar todas e a toque de caixa. Em março já teremos nova previdência. Em novembro novas leis trabalhistas. E ele terá entregue o trabalho completo em 2018. O governo mais competente que o mercado já teve.

    Ah e as empresas estatais enxutas e prontas para a privatização .

  2. Bravo, Nassif! O judiciário é

    Bravo, Nassif! O judiciário é a polícia do status quo. Capitães do mato com inchaço de ego.

  3. Onde não tem tu, vai tu mesmo, Brasil terra de bananas

    No mole, enquanto o Brasil não tiver Rumo, Norte e Estrela, estas montadas com base nas disciplinas milenares e tradicionais da Astrologia, Tarot e Geometria, vamos ver isto mesmo, em maior ou menor grau, a depender da capacidade de observação do público, um liquefazer de instituições, poderes e projetos, que não se cristalizam no seio social brasileiro por total incompatibilidade  com os humanos que são escravizados , expoliados e açambarcados pelos que fazendo uso destas ferramentas de controle os possuem.

    Não é à toa que o Humor é a contrafação da realidade.

    O STF é mais um, dentro das instituições piadas prontas do Brasil.

     

  4. 10 questões sobre STF

    Realmente levar o STF a sério é não ser sério.  A história  não os poupará na mesma proporção que o nosso presente próximo será muito amargo.

  5. Nassif está adotando o tom certo, o deboche.

    Realmente não podemos levar a séio as instituições brasileiras elas junto com os coxinhas fazem tudo para se desmoralizarem, logo não dá para fazer mais nada além de debochar.

  6. Creio que à partir de agora

    Creio que à partir de agora esse deva mesmo ser o tratamento a ser dispensado ao STF.

     

    Virou uma ópera bufa cheia de bufões e um boquirroto que é um dos representantes do poder real e a quem todos por lá temem ou estão em seu bolso por meio de uma escolinha.

  7. minúsculos

    Caro Nassif,

    Desde o xadrez anterior à sessão do stf, em que você indicava entre três alternativas (acatar a liminar do ministro marco aurélio melo, não acatar sua liminar ou aceitar a proposta do decano celso de melo, eu tinha certeza que essa última seria a “vencedora”. Não é necessário ter muita perspicácia para imaginar a intensa comunicação entre o Palácio do Planalto do minúsculo temer com a minúscula carmem lúcia e seus colegas igualmente minúsculos para fazer a composição que ontem veio a público. Depois da tarde do dia 7 de dezembro de 2016, não resta dúvida que toda essa trupe, mais afeita a encenações do que exercer o papel que convem a juízes da Corte Suprema do Brasil, não merecem maíusculas. São todos minúsculos…

  8. Xadrez nassifiano
    Por que temos a sensação de estarmos hipnotizados e não conseguimos pensar criticamente?
    Resposta: porque somos bombardeados diuturnamente por uma unanimidade narrativa.
    Por que com tantos fatos e atos contrários a 90% da população somente 2% ou 3% se manifestam contra isso?
    Resposta: porque somos egoístas e pensamos somente em nós mesmos.
    Por que aceitamos tantas iniquidades perpetradas contra o estado de direito?
    Resposta: Que direito? Esqueça!

  9. Deboche, deboche e deboche
    Deboche, deboche e deboche Nassif, este tribunal de bufões merece nada mais, nada menos que isto, o rompimento do maior contrato social de uma democracia representativa que é o voto popular para a Presidência da República faz com que tenhamos um novo normal jurídico, pobre Constituição de 1988, foi rasgada, estuprada, vilipendiada por magistrados que não estão à altura de defendê-la, todo dia é uma ópera bufa destes excelentíssimos senhores e senhoras doutores ministros e ministras que tanto envergonham a imagem do nosso País e de nossa instituições. vcs ,seus canalhas golpistas , pusilânimes, iluministas do PIG e sem noção que são os principais responsáveis por esta desordem institucional e este estado deplorável em que nos encontramos Lamentável!

  10. Eu só queria saber quem

    Eu só queria saber quem destacou os dois gnus mais fraquinhos da manada pra votarem com o min. MAM sem causar grandes debates. Um questão pesada como essa foi resolvida  como se fosse o caso dos galos e/ou do pão de queijo. GM fugiu, Barroso, fugiu e o resto ficou repetindo a mesma lenga-lenga. O PGR nitidamente, no comando da sessão, deve ter proibido os debates; era pra focar na sucessão do Temer e esquecer o resto.

    Pra mim foi divertido; só não gostei de Min. Lewandowski não ter acompanhado min. MAM. Acho que foi  uma das sessões mais rápidas que eu já vi. Pra um julgamento que tratava de chantagem explícita entre poderes da República, pelo menos, o decano, poderia ter embromado mais um pouco pra parecer sério.

  11. Corra, que a democracia sumiu…

    Oh! Dureza, eles não dão sossego…

    Parece igreja evangélica, é missa todo dia, e reza toda hora…

    Todo dia eles tiram um coelho da cartola!

    É novidade toda semana…

     

     

  12. Parabéns, Nassif! Texto

    Parabéns, Nassif! Texto genial, além das colocações corretíssimas é bem-humorado! (só rindo pra não chorar)

    Tenho algumas questões: “escola risonha e franca” poderia ser traduzido em uma Suprema Corte cínica ou hipócrita? Ou as duas coisas?

    Como classificaríamos agora o nosso insuspeitável STF? Casa da mãe Joana, circo dos horrores ou antro de mafiosos?

  13. Os trouxinhas que sairam às ruas e o supremo de frango…

    Os trouxinhas que sairam às ruas neste domingo para gritar Fora Renan estão se sentindo traídos…, e prá completar, agora vão ter que pagar transporte da bagagem no avião, se na Era Lula-Dilma tinham ódio de pobre em aeroporto, agora vão sentir muita raiva da escada rolante cheia de bagagens pagas….kkk

    Até a Veja critica namoro entre Moro e Aécio

    https://www.instagram.com/p/BNvOUkNg_cO/

    O Toma Lá da cá para manter Renan

    https://www.instagram.com/p/BNvKhbtgcI7/

    Aécio e Moro estã namorando e mesmo assim vão julgar Lula sem que o STF mova uma palha 

    https://www.instagram.com/p/BNvM5qigtkv/

    Tá na gravação do Machado: o STF vai entrar no balcão de negócios do impixam…

    https://www.instagram.com/p/BNu164lBiDC/

    José Simão: Renan, a casa não caiu por causa do teto!

    https://www.instagram.com/p/BNvNZnOgYvA/

    Aécio e Moro atuam em filme da Globo sobre a Vaza Jato…

    https://www.instagram.com/p/BNvOp3WgGb8/

         

  14. Renan enfrenta a

    Renan enfrenta a pusilanimidade do STF e, só por isso, vence, não obstante, salvo melhor juízo, a Constituição tenha sido revalidada (o art. 86 refre-se ao Presidente da República e não comporta outros entendimento extensivo).

    Nesse ponto, corretíssimas as respostas (no post) às questões 2 e 9.

    No mais, no todo, perfeita a análise.

     

     

    • Renan

      Deputado com menos de 35 anos não pode ser presidente da Câmara, segundo na ordem de sucessão presidencial, pois para o cargo de presidente da República exige-se a idade de  35 anos. Essa é uma ressalva nas atribuições desses parlamentares.

    • Explicação cientifica……

      Se faz frio, voce diz ao seu interlocutor

      -Puxa. hoje esta frio….que frio,heinnnn

      -Se faz calor

      Nossssaaaa, gente que calorãoooo…..

      O contexto muda, a obsevação, descrição,interpretação e comentario do contexto muda…..

      normal, não?

      Posso tentar desenhar, talvez ajude….

      Finalmente a resposta sua brilhante questão……….o texto seria diferente(estoria de frio….calor…ta seguindo…..)

       

    • Explicação cientifica……

      Se faz frio, voce diz ao seu interlocutor

      -Puxa. hoje esta frio….que frio,heinnnn

      -Se faz calor

      Nossssaaaa, gente que calorãoooo…..

      O contexto muda, a obsevação, descrição,interpretação e comentario do contexto muda…..

      normal, não?

      Posso tentar desenhar, talvez ajude….

      Finalmente a resposta sua brilhante questão……….o texto seria diferente(estoria de frio….calor…ta seguindo…..)

       

  15. Nassif,

    depois desse xadrez, acredito que o STF vai acordar e perguntar? Alugém anotou a placa do caminhão que nos atropelou? Turma, transformaram o Brasil num puteiro e cabe ao STF o papel de porteiro, portanto deixo a sugestão de comprarmos as luzes vermelhas e enviá-las para a portaria (STF).

  16. A mão que alimenta….

    Os juízes desrespeitaram e atropelaram o MAM, um democrata que mostra não ter compactuado com o golpe. O STF converteu-se em Gilmar contra MAM. O resto foi neutralizado, vendido ou pego pelo rabo. A manobra, incluindo reunião previa dirigida pela Carmem Lúcia, seguida da verborreia inicial do “decano”, não tinha outro propósito a não ser o álibi ou a “deixa” para o restante de a turma golpista seguir.

    Os juízes do STF respeitam apenas a mão que os alimenta (ou que garantiria a sua alimentação em qualquer hipótese futura), a mesma mão que os bajula e que esconde os seus podres (cadê a delação do Machado?). Essa mão é a mesma que quer logo aprovada a PEC 55 e outras reformas, o grande objetivo do golpe. O STF apenas quer aposentadoria garantida e casa em Miami.

    Até agora o STF tem se comportado como guarda pretoriana e juiz “parcial” de futebol americano, que protege quem vai com a bola do golpe (Temer, o passador de bastão), derrubando rivais que querem parar o jogador com a bola e protegendo os jogadores do time golpista, que leva a bola para diante. O STF parece com a baby sister protetora do filho do demônio (o Damien), que fica protegendo o capeta com cachorros bravos.

    Cunha foi assegurado e logo jogado fora, como compartimento de combustível vazio de nave espacial. Renan ainda é útil.

  17. Me tirem os tubos!

    E  a cara dos ministros votando ontem ? Nunca vi tanto constrangimento por metro quadrado num só ambiente. O advogado da Rede era infinitamente melhor que o advogado do Senado, mas isso não fez a menor diferença, pois a decisão já estava tomada. Outra coisa: dois ex-presidentes – FHC e Sarney – ligando para os ministros do STF safarem a pele do Renan não configura tráfico de influência ou algo assim ?? É normal ?

  18. O Supremo parece aquele

    O Supremo parece aquele programa de televisão, o Roda Viva.

    Onde será que erramos? O que aconteceu? Ou será que sempre fomos tão burros e medíocres?

    Dá desgosto. O único alento é que não estamos sozinhos, metade do mundo está nessa barca furada.

  19. medíocres

    “Uma terceira hipótese, mais banal…”  

    Outros fatos: Não vão contra o Gilmar porque ele é patrão, é brigão, tem capangas e é funcionário do PLIMPIG. O STF age desta forma por consciência de classe, que se danem os pobres porque somos ricos. Todos tem pereba e entregaram a independência para não ver a sua própria brotoeja exposta no PLIMPIG. Vergonha na cara é coisa d’antanho, hoje o que está na moda é premio do PLIMPIG, e destaque por falar empolado. Não mantiveram o estado de direito porque são todos golpistas em favor da sua classe social. Inapelavelmente TODOS sofrem do complexo de cucaracha, do qual pensam se tratar em périplos ao exterior, notadamente Alemanha e USA (de primeira classe pagos por quem, mesmo?). Uns não se olham no espelho para não passar pelo dissabor, já outros olham a cada minuto para ver como são lindos bem sucedidos e poderosos a Cinderela ou o Príncipe.

    Resumo: Não são patriotas e são medíocres.

    • Emerson

      Exatamente ! A luz dos refletores cega e impede que os “Sem camisas”, como dizia o “Caçador de Marajás, sejam vistos.  Mas os aplausos, eles os escutam mt bem, principalmente qdo eles vêm da nossa maior  rede de TV, da FIESP e até da OAB.

      Aff ! Abraços e parabéns pelo comentário.

       

  20. 11-Porque eh que o Brasil tem

    11-Porque eh que o Brasil tem que ter um supremo de quinta categoria?  Nao dava pra graduar pra quarta categoria nao?

    • Xadrez das 10 Questões para entender o Supremo

      ->11-Porque eh que o Brasil tem que ter um supremo de quinta categoria?

      porque foram 13 os Ministros do STF indicados nos 13 anos de lulismo.

      Lula indicou 8: Cezar Peluso, Menezes Direito,Ayres Britto, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Eros Grau, Joaquim Barbosa, Dias Toffoli.

      Dilma indicou 5: Roberto Barroso, Edson Fachin, Luiz Fux, Rosa Weber, Teori Zavascki.

      apesar disto, Gilmar Mendes, indicação de FHC, continua como o donatário do STF.

      .

       

      • ARKX

        Deve ser pq o PT queria ser retirado do poder, mas o povo não deixava. Foi a única solução encontrada,  a indicação de “escolhidos por seus pares” p/ respeitar os poderes da república. Ou não ?

         

        • Xadrez das 10 Questões para entender o Supremo

          ->a indicação de “escolhidos por seus pares” p/ respeitar os poderes da república. Ou não ?

          não! a indicação dos Ministros do STF é prerrogativa do Presidente da República. e quem poderia indicar um Eugênio Aragão acabou indicando os 13 que desmoralizaram o Judiciário brasileiro.

          Lula e o lulismo são também grandes responsáveis pelo atual caos brasileiro.

          .

  21. Xadrez nota 10. Não tem outro

    Xadrez nota 10. Não tem outro jeito a não ser avacalhando sem dó nem piedade. Todos eles não merecem qualquer tentativa de análise minimamente séria. Como você mesmo disse: “foram eles que começaram.”

  22. Tantas fez o Supremo que ele

    Tantas fez o Supremo que ele próprio sofreu impeachment. 

    Ontem o Senado tirou o Supremo do poder, simplesmentente e sob um certo olhar, merecidamente. 

    P.S. Moro viu que a canoa dele vai afundar. Já está arranjando jeito de ser afastado da Lava Jato por suspeição  e sair como vitima. Os abusos dele é que levaram ao desmonte das dez medidas e da reação do congresso contra abusos e privilégios de juizes. Seus pares já devem estar bem fartos dele. Viu que Gilmar  o esculhambou no congresso e o Supremo vai lhe dar uma rasteira porque não tem moral nem força para lhe bancar. A foto com Aécio já é preparatório para que ele seja afastado da lava Jato por suspeição e deixar o pepino para outro colega, assim como os procuradores querem fazer. O que confirma isso sao suas férias já planejadas para os EUA.

     

    • Interessante a sua

      Interessante a sua observação. Realmente se Moro não tivesse cometido os crimes que cometeu ninguém estaria criando leis para colocar freios no judiciário (e porquê vocês não têm desde sempre leis contra abusos do judiciário??) e não estariam questionando (com razão) o judiciário. E a fuga que ele está planejando para cá sugere que no mínimo ele percebeu que ele vai acabar preso ou o controlador dele mandou ele sair enquanto ele pode.

    • A travessia do Rubicão.

      O STF começou a sua jornada de aventuras, a caminho da transição de casa de Meritíssimos para local de meretricio, quando fizeram um julgamento para produção de sentenças condenatórias encomendadas, cirurgicamente ajustadas cronologicamente com as eleições municipais de 2012, fundamentadas numa suposta Literatura do Direito. Todos pensavam que era o ponto mais baixo e profundo que a Alta (?) Corte de justiça desse pobre rico país tropical poderia chegar. Mas suas excelências surpreenderam e prosseguiram na marcha em busca de um nível mais profundo de degradação e agora, em vez da suposta Literatura do Direito, seguem um estatuto qualquer de casas de tolerância. Pelo menos, agora sabemos que chegaram ao ponto mais baixo na escala de degradação. Ou não?

  23. Xadrez das 10 Questões para entender o Supremo

    ->”Questão 10 – porque esse Xadrez faz blague e não  leva o Supremo a sério?”

    e porque o humor é também a única forma de conseguir suportar todo este melequê. quem que agüenta? não há um mínimo de seriedade, um mínimo de respeito, um mínimo de compostura, um mínimo de inteligência e sensibilidade. não tão nem aí. tá tudo dominado. tá tudo descarado. escancarou geral. pode acabar minimamente bem? tá na cara que não! mas só eles não vêem,  enquanto prossegue o Baile do Ilha Fiscal nos salões do Titanic…

    Rio de Janeiro AgoraFora Temer,Fora Pezão 061216

    [video:https://www.youtube.com/watch?v=lGk4l-YY2G0%5D

     

  24. A última questão.
     
    Quando

    A última questão.

     

    Quando vocês irão prender todos os membros do supremo e todos os conspiradores? Com o uso da força se for preciso?

  25. Na vagina, não, pode resultar em gravidez e a casa cai

    Não é com camisinha o Renan pode, o que não pode é ser na vagina, porque poderia resultar numa gravidez e a casa cairia. O resto tá liberado, de preferência sem camisinha, aliás, é melhor com areia.

    Kct. Pense numa revolta. A mesma do Bardo Louco que, se pudesse, dinamitaria, sozinho, a Ilha de Manhattan.

    “… Além do círculo de amizades no primeiro escalão da República, Renan afiança sua desobediência, impensável para o cidadão comum, em fatos. O STF levou uma década, à sombra da qual sua carreira política prosperou como nunca, para começar a julgar não qualquer um, mas um rumoroso escândalo contra ele – de 2007, quando, aliás, se ouviu pela primeira vez “Fora Renan”. Recentemente, depois que Sérgio Machado delatou ter entregue a Renan R$ 30 milhões originários da Transpetro – o que o senador nega -, Janot pediu sua prisão, mas o STF negou.

    Por que o tribunal não permitiria algo muito menor, como ficar mais dez dias no comando do Senado? Ainda mais quando a decisão contrária a isso vem de um ministro polêmico, que costuma votar isoladamente? Eis as apostas. Só que para fazer prevalecer sua “pequena” vontade, Renan não só ignorou por dois dias um oficial de Justiça, como usou a mesa do Senado como biombo para descumprir uma decisão liminar da mais alta corte. É o caso de se perguntar por que não levou seu ato ao plenário para que fosse referendado pelos colegas senadores – como exige que o STF o faça. Para completar, atacou pessoalmente o ministro Marco Aurélio.

    E qual foi a reação do Supremo? Um silêncio e um cheiro de pizza no ar. Ontem, um acordão estava sobre a bandeja: o STF confirmaria que réu não pode mesmo substituir o presidente da República, mas manteria Renan onde ele quer ficar até fevereiro. Hoje, executar esse plano já não parece tão simples. A mineira Cármen Lúcia buscou, em reuniões, moderação para a crise. O petista Jorge Viana, sucessor de Renan, foi esperto ao apresentar-se no Supremo como negociador. Seu alegado perfil conciliador facilitaria despachar Renan. A depender da decisão desta tarde, a primeira mensagem da gestão de Cármen Lúcia enaltecerá a supremacia democrática de “sua excelência, o povo”, saudação inédita com que ela iniciou o discurso de posse, ou das excelências de sempre. Tudo embasado no Direito, é claro, como deve ser.” – Mara Bergamaschi, Sua Excelência, o povo, aceitaria uma pizza?

    http://blogs.oglobo.globo.com/andorinha-sem-fio/post/sua-excelencia-o-povo-aceitaria-uma-pizza.htmlhttp://blogs.oglobo.globo.com/andorinha-sem-fio/post/sua-excelencia-o-povo-aceitaria-uma-pizza.html

  26. boteco Brasil com nova administração

    O stf é o grupo politico que de fato ganhou no golpe.

    Com a decisão do caso do coroné renan o stf demonstrou estar tutelando o legislativo que neste momento se torna, como o executivo um órgão a deliberar o deliberado sem contra argumentações.

    É perfeitamente inútil recorrer a esta corte para arbitrar as questões constitucionais escritas, vale o que será interpretado caso a caso pelo coroné gilmar dantas mendes seguido dos demais de rabo entre as pernas.

    “Habemus” el comamdante, viva la revolución!!!!

  27. Xadrez das 10 Questões para entender o Supremo

    o Brasil não é uma “Bananolândia”, ao contrário. desde sempre estivemos no epicentro da geopolítica global. cabe ressaltar que a globalização começa quando os portugueses criam a rotas comerciais Leste/Oeste, para as Américas e através do Cabo da Boa Esperança.

    Bananolândia é a terra arrasasda que sempre foi espoliada pela lumpenburguesia brasileira: banqueiros, rentistas, exportadores de commodities, mídia-empresários, usineiros e empreiteiros (na cadeia para aprenderem como funciona uma guerra de famiglias).

    somos um país e um povo com os mais diversos e ricos recursos. desde ouro e diamantes até o nióbio. desde a cultura popular até Villa Lobos. e aqui cabe destacar: foi no Brasil que nasceu o maior partido de Esquerda do mundo, o PT, e a mais notável liderança dos trabalhadores, Lula.

    reduzir a imensidão do que somos e do que podemos as diminutas e desprezíveis características do setor dominante deste país desde as Capitanias Hereditárias, é um dos erros que nos condena à impotência e a frustração. nós não somos eles! não vamos introjetar uma desgraça e uma mediocridade que não são nossas.

    e nosso problema também não é o povo. ao contrário, nosso povo, com sua diversidade, com sua tremenda miscigenação, é nossa maior riqueza.

    e não tem nada a ver esta argumentação de que o “povo” não sai às ruas. como não?! desde que o golpe é golpe que o povo sem medo ocupa as ruas em intermináveis manifestações!

    o povo tá rua! parcelas extremamente significativas!

    se o povo não sai às ruas. é alienado. se sai, toma porrada da puliça. se não reage, é frouxo. se reage, é vândalo e tá dando munição prá repressão. esta linha de raciocínio só serve aos impotentes, aos derrotados de véspera, ao que nunca quisera se contrapor.

    nossa crise é a crise de nossas lideranças. nossa crise é a crise das lideranças de Esquerda.

    .

  28. Pi ri ri ri pó ró ró

    A par do Círco de Horrores de ontem duas coisas me marcaram:

    1- A covardia do senador Jorge Viana do PT. JORGE VIANA depois do lamentável episódio de ontem deveria ser promovido a OFFICE BOY do Secretário Bandeira de Renan Calheiros, ele mostrou que é preparadíssimo para a função. O que pode o país e o PT esperar de um senhor como Jorge Viana a não ser prtador de recados?

    2- O discurso vazio, falso, medroso, cúmplice, covarde, mentiroso da ministra CARMEN LÚCIA, a LOUCA.

  29. Presidir o Senado, o Renan pode. Só não pode é presidir o Brasil

    Comparar o Brasil com o Senado já seria esculhambação demais. E aí eu me lembro do Zotolo:

    “Não se pode pensar que o país é um Piauí, no sentido de que tanto faz quanto tanto fez. Se o Piauí deixar de existir ninguém vai ficar chateado.”

    O Senado é o Piauí.

  30. “Questão 10 – porque esse

    “Questão 10 – porque esse Xadrez faz blague e não  leva o Supremo a sério?

    Resposta – Eles que começaram.”

    Porque são ministrecos!

    Tomaram um puxão de orelha na frente de todo mundo (além do esporro ao telefone)!

  31. Nassif, algumas questões.
    O

    Nassif, algumas questões.

    O caso Renam é sim diferente do caso Cunha, aonde este estava claramente usando seu cargo para se ajudar no conselho de ética da casa e não ser cassado. Já Renam conta com grande apoio no Senado.

    Não vejo como o STF poderia mudar o resultado do impedimento, não faz sentido ele ir contra Senado e Camara, até por um simples motivo. Ministros do STF, em tese, também podem sofrer impedimento, pelo Senado. Imagine se fosse o caso, dai então o STF poderia suspender um impedimento de um próprio membro seu ? Claro que não, não faz sentido.

    O que o STF teria que agir e prontamento é em retirar o caso “lava jato” das mãos de Moro para tentar recolocar o País no lugar.

    E o CNJ começar e enquadrar juizes de 1 instancia que não param de profeir ordens de prisões preventivas contra Politicos.

    Dois casos emblemáticos recentemente.

    Um em Ribeirão Preto: Em plena campanha eleitoral, vários vereadores afastados, nenhum reeleito, e agora, a Prefeita presa. Advinha, nenhuma condenação em nenhum caso, apenas estórias, ilações. Nâo que não possam ser culpados, mas o prejuizo que causa á cidade esse tipo de coisa é inúmeras vezes maior que os supostos recursos desviados, neste caso de Ribeirão da ordem de alguns milhões em um “acordo” estranho entre sindicato de funcionários, advogados e a Prefeitura, aonde, como sempre não se mostram provas cabais.

    O caso de Osasco: 11 vereadores presos, inclusive o Prefeito eleito. Mais uma vez, nenhuma condenação, dizem que o caso se refere a indicações políticas de acessores e retorno de pagameto destes aos vereadores, coisa totalmente banal no País inteiro. Imagine o prejuizo que prender 11 vereadores sem condenação  e o Prefeito eleito não causa à cidade ? Muito mais que a merreca que supostamente “desviaram”.

    Nâo poderiam investigar e, só depois de formada a culpa, executarem as penas ? Qual o problema em se seguir o devido processo legal ?

    Ademais, e pauta investigativa do País ? Qual a lógica em ficar indo atrás de quizilas de vereadores e não do tráfico de drogas, de armas, dos roubos em empresas de valores, milicias ?

    Esse tipo de coisa está contaminando o País. Vai acabar com tudo, fazer uma terra arrasada.

    Se isso persistir não há como , não há chance alguma de a economia voltar a crescer minimamente. O País vai parar por 20 anos.

    Fiquei sabendo também de um outro caso semelhante em cidade menor do interior paulista aonde também, vários vereadores e ex Prefeitos estão presos, todos, é claro, sem condenação. Um empresário construtor que nada tinha a ver com a estória disse que não iria querer receber 150 mil qua Prefeitura lhe devia, por obra devidamente feita por eie apenas para não se “meter com essa gente”, da Prefeitura, é claro.

    Ou o STF e o CNJ agem ou então a Camara e o Senado devem fazer leis aonde políticos terão que ser protegidos de juizes.

    Ou o Pais vai ser inviabilizado.

    Infelizmente não estou vendo saída.

  32. A leitura do texto leve e de

    A leitura do texto leve e de franqueza bem-humorada (embora sob um clima cruel da nossa história) me fez concluir que substituímos nossa Constituição por um enredo digno da pornochanchada brasileira. Também, depois da adesão do Alexandre Frota à deseducação brasileira, tudo é possível.*

    * Ainda assim, fica na minha cabeça aquele título do filme brasileiro, perfeito para o momento, “Nada vai dar certo”.

  33. Se Deus fosse brasileiro nos

    Se Deus fosse brasileiro nos pouparia de pantomima mal ensaiada. A falta de caráter impera nos três poderes. O povo? Ora o povo… Justiça? Acreditar , eu não…

  34. Escolinha do prof. Raymundo.

    Nassif deste apanhado de trapalhadas supremas tenho que considerar que nosso antigo STF se transformou num medíocre simulacro da “Escolinha do prof. Raymundo” , muito a calhar neste tempos que a rede groubo nos tranformou na República Bananeira. 

  35. Questão 6 – cunha já havia

    Questão 6 – cunha já havia cumprido seu papel no golpe, já não era mais necessária sua manutenção no cargo; renan, como presidente do senado, ainda tem muito a fazer para que os objetivos do golpe sejam atingidos.

    Existe uma nobreza sem título no brasil e seus servidores que controlam o estado. Sem um revolução que apeie do controle da máquina pública esta gente, dissolva o judiciário, submeta a mídia, desaparelhe o estado e puna com severidade os que estão trabalhando contra o brasil, isto aqui não vai mudar.

    Eles começaram…

    • Para ser franco vocês têm um

      Para ser franco vocês têm um número tão grande de vendidos, criminosos e traidores no governo e nas instituições que só uma revolução armada poderia fazer o Brasil voltar a ser um país independente. E como eu estou vendo que vocês (povo brasileiro) são mansos demais para tal ato então o país vai acabar involuindo para uma grande fazenda/mina aonde tudo é exportado e a maioria da população vai passar fome ou ser morta em massa nos centros urbanos. Uma nova Costa do Marfim ou até pior, uma Somália.

  36. Eles lançaram os dados

    O STF se apequenou mais um pouco. O grande vencedor ontem não foi Renan Calheiros que fez birra para o Supremo, e é bem provavel que recebeu conselhos de Gilmar para agir como tal. O grande vencedor e que mostrou toda sua força com os ministros e seu poder de articulação politica, foi Gilmar Mendes. Ele operou com Michel Temer junto aos ministros suscetiveis à seu comando para que se fizesse aquela gambiarra que vimos ontem no plenario. Luis Roberto Barroso, que parece não gostar de Gilmar e vice-versa, preferiu se omitir. Lewandoswki, creio que por ter trabalhando com Renan durante o julgamento do “impeachment” de Dilma no senado, se mostrou leal ao “novo amigo”. Carmem Lucia, assim como Celso de Mello, não quer Renan, mas apoia Temer… Sobrou MAM, que contou com apoio de Facchin e Rosa Weber. Mas essa que parece uma vitoria de Gilmar ainda podera vir a contribuir para sua derrocada no Supremo. Ele pediu o impeachment de um colega, e isso deve ser o incio de uma guerra bem maior daqui por diante.

    Frases de efeito é que não faltam, mas essa aqui é bem concreta, Ministra Carmem Lucia: Sem justiça, não ha paz.

  37. Crônica nota 1000!

    Caro Luís Nassif,

    Na crônica de hoje você se superou. Colocou o stf (minúsculo como o caráter e a índoloe daqueles que o integram) no devido lugar: na lata do lixo.

    A sessão de ontem é a coroação do que começou há pelo menos uma década e teve o primeiro ‘pico’ em 2012, com o farsesco e midiático julgamento da AP-470, vulgo “mensalão do PT”. Ali o stf mostrou a miséria do caráter da maioria dos que o integravam. E de lá para cá não houve melhoras, ao contrário.

    Nos comentários que posto há dois anos, sempre afirmei que o STF é um dos principais atores do golpe de Estado, como demonstrado nesta crônica. A iniqüidade e a covardia do STF fez com que lavasse as mãos diante de um processo fraudulento, como foi aquele que destituiu a presidenta Dilma Rousseff. Edson Fachin, Teori Zavascki e Ricardo Lewandowski – que ainda alimentavam alguma esperança de decência na ‘suprema côrte’  até aquele momento – chafurdaram na lama e no conteúdo das fossas sépticas de forma irremediável. Quando observamos o TRF4 coonestar a prática criminosa reiterada do juiz sergio moro, alegando que tempos excepcionais exigem medidas excepcionais – ou seja inataurando o Estado de Exceção – e o STF cruzando os braços diante dessa aberração, temos a certeza de que o PJ brasileiro é um dos principais atores do golpe de Estado, que degolou a frágil democracia que vigorava no Brasil.

    A conclusão a que chegamos é que o PJ brasileiro é tão podre quanto os demais poderes, com uma agravante importante: ele pode privar o cidadão da liberdade e este não tem meios e instrumentos para destituir e punir os integrantes do PJ que cometam crimes.

  38. E agora Mané?

    O STF era a última esperança. Por mais que houvesse alguns desvios naquele órgão público, era lá que os brasileiros ainda depositavam suas últimas esperanças na justiça. Depois de ontem, uma sombra paira sob aquela instituição. Os desdobramentos disso serão o caos. Quem diabos vai acreditar mais naqueles caras?

  39. Pessoal, uma novidade: o rei está nu.
    Deixa eu entender: MAM por liminar afasta Renan da presidência do senado por ser réu.  Significa que um réu não pode assumir a presidência. Até aí tudo bem.  Mas será que todos esqueceram quem é o nosso presidente? Será que todos esqueceram que temos uma gangue numerosíssima no congresso e no senado e nos ministérios? Alguém aí poderia me apontar um único motivo racional para o afastamento do Renan? Um só.

  40. Depois do que ocorreu, eu

    Depois do que ocorreu, eu tenho a impressão que o Marco Aurélio fez o que fez sabendo do resultado. Fez para expor o STF como ele é realmente, com suas imensas falhas (para não dizer outra coisa…)

    Não sou o dono da verdade, mas acho que esse episódio e mais a foto do Moro com Aécio tendem a esvaziar as manifestações ‘convocadas’ pela direita. A conferir.

    • As manifestações já estão esvaziadas

      Com todo o empenho da Globo e demais imprensa golpista, os Jatomoristas não passaram de 400 mil. Em outras, palavras, as manifestações jatomoristas foram um fracasso. As cinzas do Fidel Castro mobilizaram cinco vezes mais gente do que o Sérgio Moro com todo o empenho do PIG.

      Quanto a essa foto, ela não vai contribuir para esvaziar ainda mais as manifestações da Coxinhada Jatomosita. Ele não estão nem aí se o Sérgio Moro qiuer destruir o PT e blindar os Tucanos. Eles são Jatomoristas justamente por causa disso.

  41. Sugiro esse post do Pedro

    Sugiro esse post do Pedro Bier no Cafezinho. A diferença é que ele está perplexo e o Nassif levou na galhofa, tipo “rir para não chorar”

    Destaco a parte que fala sobre a covardia pusilanime do “petista” Jorge Viana.  Juntando com o fato dos governo do PT terem escolhido os palhaços do supremo circo quase todos, dá para entender porque o partido está desminiguindo dessa forma apesar de ter ganho quatro eleições seguidas

    http://www.ocafezinho.com/2016/12/07/as-ultimas-horas-da-loucura-politica-brasileira-nas-sessoes-inacreditavel-e-escarnio/

    • Estamos vivenciando uma luta


      Estamos vivenciando uma luta de classes, onde parte significativa da elite flerta abertamente com o fascismo e parte significativa da plebe é ignorante ao extremo, independentemente de coloração partidaria, portanto não me espanta a atitude ( se verdadeira) do Jorge Viana, na hora H fico com os meus. Quem precisa acordar é a plebe, cuja ignorância os transformam em potenciais aliados dos seus verdadeiros algozes.

  42. O que mais me chamou atenção …

    Duas coisas: o palavrorio juridiques  elevado a enesima potencia. Impressionante a fala de Rosa Weber, muito versada em falar muito sem dizer nada, só utilizando termos herméticos e incompreensiveis, como deve ser a linguagem de quem tem algo a esconder, ou seja, a vergonha. A outra coisa é a questão 11. Com a Globo reagiu a esse estupro da lógica? Abafando e negando tudo. 

  43. Filial

    O Supremo virou uma filial de lavanderia?

    Lavou rapidinho o Renan e entregou um pouco sujinho, afinal, apesar da lavanderia denominar-se Supremo, não foi capaz de limpar um político  tão encardido…..

    Rabo preso é um problemão…..”Finjo que bato e você finge que apanha”….

    A Globo tanto fez que conseguiu o seu mais novo BBS (Big Brother Supremo); finge que é imparcial e quer transformar o Brasil em um grande BBB.

    Final de feira e todo mundo correndo para garantir a sua xêpa.

    O povo, o povo vai ser “convidado” para limpar toda a sujeira, afinal, cada um deve saber o seu devido lugar, né?

     

    • Filial seria até bom pra eles

      Viraram a cozinha do Poder. Ou melhor, a seção de serviços gerais. Contentam-se felizes em ser os lavadores das privadas dos golpistas. Desde que não mexam no salário deles, aceitam até varrer a calçada do Senado sem usar filtro solar…

    • Sou obrigado a concordar,

      Sou obrigado a concordar, infelizmente.

      Mas, uma já foi condenada por isto e o outro está a caminho da condenação.

  44. É fácil entender o STF.
    A

    É fácil entender o STF.

    A começar pelo acrônimo: Sustentamos Trambiqueiros Federais.

    Os ministros não são juizes e sim soldados.

    Isto explica porque eles fuzilaram o povo com 6 votos para preservar Renan Calheiros na presidência do Senado e o usurpador Michel Temer no poder.

    A cena abaixo foi extraída do filme VOYNA I MIR (Guerra e Paz), Liev Tolstói, dirigido por Sergei Bondarchuk, 1965/1967. Ela representa de maneira perfeita a atuação do STF neste episódio:

  45. PEQUENEZ

    Ainda que “com camisinha pode” seja uma analogia poderosa, lamento que o STF esteja mais alinhado com “estupra mas não mata”.

    Afinal, o que estamos assistindo é ao estupro, sistemático e selvagem da Constituição Federal e do Estado de Direito.

    Apequenados diante da crise que pariram e alimentaram, fazem muxoxos porque um cidadão não obedeceu a uma ordem judicial. Pior, acovardados, aceitam criar um monstro que é apenas alijar da linha sucessória presidencial, ainda que tenham dado claramente, o indicador do que acontecerá a Lula na eventualidade de ser eleito.

    O jogo está jogado, não cabe mais apostas. Está decidido que a agenda venceu.

    A nomenklatura apenas referenda a ideia que direitos devem ser reservados apenas a elite dominante, aos demais, os rigores, por sinal, cada vez mais rigorosos por conta da nossa pátria mãe tão distraída, que não percebe que um juiz ou promotor locais, alçados a condição de senhores da verdade, podem tornar sua vida um inferno.

    Viva o Brasil, viva el rey, viva a pec 241,55 e lei dos dez pontos!

    Alguem pode me indicar por onde é a saída?

     

  46. STF será regido pelo artigo 120 do Estatuto da Gafieira

    Estatuto da Gafieira, de Billy Blanco

    Moço
    Olha o vexame
    O ambiente exige respeito
    Pelos estatutos
    Da nossa gafieira
    Dance a noite inteira
    Mas dance direito
    Aliás
    Pelo artigo 120
    O distinto que fizer o seguinte:
    Subir na parede
    Dançar de pé pro ar
    Debruçar-se na bebida sem querer pagar
    Abusar da umbigada
    De maneira folgazã
    Prejudicando hoje
    O bom crioulo de amanhã
    Será distintamente censurado
    Se balançar o corpo
    Vai pra mão do delegado
    Ta bem, moço?
    Olha o vexame, moço!

    [video:https://www.youtube.com/watch?v=dS9PXq3Fxww%5D

  47. BOM HUMOR E PROSSEGUIMENTO DO DEBATE

    O bom humor é bem vindo, na medida em que ajuda a desanuviar a mente e a desopilar o fígado. Todavia, é importante prosseguir o debate crítico compatível com a gravidade da crise institucional e da encruzilhada política defrontada.

    Neste intuito, tento agregar minha modesta contribuição por intermédio de um breve artigo que escrevi ontem acerca da quadra recente das pantomimas institucionais, e que reitero a seguir, para aumentar as possibilidades de que seja lido.

    Em tempo, por excesso de zelo, vale destacar que a menção à proximidade do encerramento do mandato da presidência do senado abrange o resultante encerramento do mandato da mesa diretora da citada casa, e recorda o fato de que nova eleição entre os pares escolherá a futura liderança parlamentar.

     

    [Segue o referido artigo.]

     

    ESTABILIDADE INSTITUCIONAL AUSENTE

     

    Na minha humilde opinião, não há o que comemorar na decisão que manteve Calheiros na presidência do senado.

    Se, por um lado, a referida decisão obstou a insustentável pretensão de afastar senador do cargo de presidente da casa legislativa pelo fato de haver sido tornado réu em ação judicial ainda pendente de julgamento, por outro lado, os votos vencedores no acórdão proferido hoje pelo stf não tiveram por fundamentação o princípio constitucional da separação e independência dos poderes da república.

    Além disso, ao erigir entendimento segundo o qual fica impedida a presença, na linha sucessória da presidência da república, de quem venha a ser tornado réu, resulta criado perigoso precedente, pois, na extensão lógica deste raciocínio, uma mera abertura de processo poderia então impedir qualquer um de exercer o cargo de presidente do país.

    Assim, o entendimento externado até aqui pela corte constitucional acerca desta matéria deixou de resgatar o equilíbrio harmônico entre os poderes.

    E vale ressaltar a diferença marcante entre a situação específica em apreço e aquela em que foi determinado o afastamento de presidente da câmara dos deputados que utilizava acintosamente o cargo para obstar investigações e processos judiciais contra sua pessoa.

    Por outro lado, cabe frisar que o eventual afastamento de Renan Calheiros da presidência do senado, não seria por si só garantia de que fosse impedida a aprovação da famigerada PEC da Construção do Caos (55 / 241), inclusive pelo fato de que o encerramento do mandato presidencial do senador ocorrerá em breve.

    E a lamentável maioria evidenciada no primeiro turno da votação da desastrosa emenda constitucional no senado demonstra que infelizmente é ilusória a expectativa de vir a ser revertida a marcha da insensatez do parlamento, que visa impor graves retrocessos, em detrimento dos direitos sociais e do atendimento às necessidades da população.

    Assim, cumpre manter a coerência através da cobrança de efetivo respeito à legalidade constitucional, seguidamente violada com as deploráveis condenações sem provas no caso denominado mensalão petista, e com a escalada de agressões antidemocráticas que permanece até hoje ainda pendente de julgamento no que tange ao impixe sem crime de responsabilidade. E a violação da legalidade constitucional resta agora expandida com a gritante desídia do stf em face da imposição da mencionada PEC, que joga por terra pétreos dispositivos constitucionais.

    Neste sentido, urge preservar a coerência perseverante, a fim de sustentar a defesa da democracia e da estabilidade institucional, através do uso prudente, rigoroso e criativo dos meios democráticos, para restaurar a cogente legalidade constitucional, desarmar a disseminação do ódio e obstar a construção do caos.

    Pois o único caminho para viabilizar estes objetivos maiores é a firme amplificação do clamor pela atuação articulada dos movimentos populares em conjunto com as ainda legítimas instituições representativas da sociedade brasileira, com a participação da vanguarda juvenil, das populações excluídas, e da intelectualidade coerente, na qual se inclui a comunidade artística consciente e engajada, de modo a promover a urgente e permanente estruturação coletiva de um amplo projeto político, capaz de catalisar força eleitoral apta a prover, em 2018, a imprescindível formação de maioria parlamentar suficiente para embasar a viabilidade de um governo que tenha real compromisso com os princípios da ética democrática e com o Estado de Bem Estar Social.

  48. 11 – por que o povo não

    11 – por que o povo não invade o supremo – que é o principal responsável pelo que está acontecendo neste país desde que criou a fábula do mensalão do PT – e lincha pelo menos 80%(pode ser 100%, seria até melhor) ministros de merda que lá estão?

    R – porque nós, brasileiros, somos um bando de bundas moles marionetes da globo. Temos mais é tomar bananas mesmo, no rabo.

    • Eh preciso saber viver

      Espero que não esteja falando sério. Meu pai me ensinou que quando tudo vai mal é preciso aprender a relativizar. Como ja diz o adagio “não ha bem que sempre dure, não ha mal que nunca se acabe”. Vamos em frente, de cabeça erguida, lutando sim, mas também sabendo apreciar o que vida tem de bom e melhor.

      Um abraço.

  49. O povo está sozinho…..
     
    Ou

    O povo está sozinho…..

     

    Ou reage á altura ou se cala, ou vai à luta, ou se conforma com a não-aposentadoria, ou grita, ou aceita ficar sem investimentos em serviços básico por vinte anos para pagar meia duzia de milionarios; ou vai à guerra pela liberdade ou se sujeita á semi-escravidão do trabalho sem direitos garantidos, a hora é essa.

     

    Não esperem midia, que dá premios para traidor da patria, que coloca “analistas economicos” contando estorias da carrochinha para enganar o povo, não esperem pelo congresso, um ninho de larapios e acovardados, não esperem pelo stf, mp, mpf, pf pqp, que não são diferentes na sua omissão ou perseguição; o povo está só!!

  50. Ufa! com sotaque acriano

    Ontem, assim que sacramentada a goleada do Renan no STF, daqui da rua Maria Antonia, em SP, deu para escutar, lá de Brasília, um longo suspiro e um UFA! de alívio, com forte sotaque acriano (*).  

    (*) natural do estado do Acre, segundo a nova ortografia, que baniu o acreano. 

  51. “Seo ” Nassif.

    Orgulho de sua CIDADE, do seu ESTADO, do seu PAÍS ! Como o vinho, cada dia melhor!

    Desculpe a bajulação explícita (kkkk), mas é o que eu e boa parte dos brasileiros honestos, pensamos.

    Muita saúde e muitos anos de vida, com a coragem de sempre.  Abração.

  52. Origem de tudo

    Questão 01 (entra no lugar primeiro lugar das questões, por que explica tudo):

    Quando começou?

    No mensalão do pt. Não retia mais volta. Dalí em frente o desastre só aumentaria. Vai ainda piorar. Somos um república bananeira desde 2013.

  53. STF desatinou; o povo dorme no poder
    O STF desatinou por ser limitado quantitativamente, visto que, em períodos caóticos, a força da soma dos atores representativos torna-se a ferramenta principal para tomada do poder, porquanto a dor da injustiça em um determinado momento despertará à Geral.Contudo, a maioria do povo trabalhador não é vinculado aos movimentos sociais tão importantes nas marchas anti golpe parlamentar. Houve participação de poucos daqueles 55mi do sufrágio popular de 2014 nas manifestações anti impeachment de Dilma, nem foram substancial ante aos desmandos de Temer na atual condução da nação.Essa enorme parcela da população assisti estupefatos, através da rede globo, a balbúrdia econômica e institucional brasileira, por serem guiados pela velha mídia e não terem costume em reivindicar seus direitos sociais. Estes que estão adormecidos criticamente, sobre vários aspectos ideológicos têm a locomotiva legalista para dar norte ao Congresso Nacional e ordem em meia dúzia de milhares de reacionários sonegadores de IRPF que odeiam corrupção ativa.A psique postulatória de a grande parcela dos cidadãos, só se exteriorizará com a prisão de Lula ou em uma falcatrua nas eleições de 2018, ademais, malfeitos administrativos causados por agentes públicos da elite e violência física causado por agentes públicos pobres já faz partes da cultura nacional. 

  54. Nassif, chama o min. MAM pra

    Nassif, chama o min. MAM pra uma entrevista. Afinal, o plenário fez um acordo que deixou ele exposto.

    Mais do que na hora dos movimentos e partidos de esquerda unificarem os atos pra pressionar o STF a anular esse impeachment safado que está destruindo o país. Qdo a mais alta corte de justiça de um país se submete a prestar serviçoa a bandidagem, não há muito mais o que fazer. O STF perdeu a linha há muito tempo, se é que um dia foi decente. da AP470 em diante escancararam o fato de ser parte interessada e não instância decisória ortodoxa. A Corte virou fornecedora de condenados pro consórciomídia/MPF. Os primeiros dizem mata, a corte diz esfola. OO Globo de ontem ou anteontem mostrou o desejo de mídia e MPF de ter Renan sob controle, chantageado com a presepada das manifestações; já o de hoje, vem indignado pq o STF não entregou o corpo encomendado. Vamos viver assim, até qdo?

    • Ótima sugestão da

      Ótima sugestão da Cristiana.

      Por que não entrevistá-lo?

      Será que ele topa?

      Aproveite que ele está mordido.

  55. Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus. mt: 3:2

    Ontem, a transmissão de poderes do STF pela justiça da Globo News, levou ao ar aparente crise – como num programa Painel, o pináculo dos diabos, escrito  por Willian Waac. Os atores, entretanto, são juízes sem batismo, para que se mostrasse o tentador que manda o senador Renan Calheiros se prostrar diante da PEC 55. 

    Ao ler a Bíblia, hoje de manhã, me deparei com o seguinte texto sobre a justiça: “Por esse tempo, dirigiu-se Jesus da Galiléia para o Jordão, a fim de que João o batizasse.

    Ele, porém, o dissuadia, dizendo: Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim? 

    Mas Jesus lhe respondeu: Deixa por enquanto, porque assim nos convém cumprir TODA JUSTIÇA. Então ele o admitiu. 

    Batizado Jesus saiu da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descenco como uma pomba, vindo sobre ele, que dizia: Este é o meu filho amado, em quem me comprazo.

    A seguir, foi Jesus levado pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.” – Mateus 3: 13 a 17 e 4:1.

    O STF adorou a tentação do Diabo e a Palavra que precede se cumpre. Jesus não batizou João, a exemplo, e vemos a injustiça dos homens. 

    Nossas justiças são como o trapo da imundícia. Profeta Isaías 64:6 …

     

    Para mim,  a PEC 55 fechará os céus do nosso mundo exterior.

  56. “Ou a democracia ou a guerra”

    “Ou a democracia ou a guerra” – Carmen Lucia

    Não é a toa que o STF é essa vergonha institucional. O decano Celso de Mello, que em tese seria o mais preparado juiz da corte é o ministro dos “saudosos”. E as citações dos mortos são ipsis litteris. Não lhes cabe nenhuma análise, nenhuma contextualização. É tipo recorta e cola para dar pompa as suas ponderações. O finório Luiz Barroso confunde conceitos de República. Alguns juizes se acomodam apenas na pompa do seu cargo deixando de representar com firmeza o poder que representam. Sobra um bando de juizes, porque é esse adjetivo que melhor os qualifica, que são conduzidos pelo cincerro do licencioso Gilmar Mendes. Ou da imprensa, visto que imprensa e Gilmar Mendes são a mesma coisa. E como componentes de um bando agem como se não tivessem conhecimento jurídico nenhum e não devessem reverenciar a Constituição a que juraram respeito. 

    Nessa semana fomos brindados com mais uma frase de efeito equivocada da “escolarizada” presidenta Carmén Lucia: ou a democracia ou a guerra, disse ela. Ora, ora, o antônimo de democracia não é a guerra: é tirania. E o antônimo de guerra é paz, não a democracia.Como a excelência presidenta do STF parece não ter claro esses conceitos fica fácil entender o motivo de sua participação ativa nesse governo golpista. 

    Democracia é um regime político em que todos os cidadãos elegíveis participam igualmente — diretamente ou através de representantes eleitos — na proposta, no desenvolvimento e na criação de leis, exercendo o poder da governação através do sufrágio universal. Ela abrange as condições sociais, econômicas e culturais que permitem o exercício livre e igual da autodeterminação política.

    Guerra  é luta armada entre nações, ou entre partidos de uma mesma nacionalidade ou de etnias diferentes, com o fim de impor supremacia ou salvaguardar interesses materiais ou ideológicos.

    Num regime democrático e republicano há o equilíbrio entre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. O Brasil atual em estado de  guerra, portanto, foi causado pela cumplicidade dos sabotadores da democracia aboletados na mais alta corte do Poder Judiciário brasileiro com alguns bandidos do Legislativo. Isso porque suas pomposas excelências  parecem não saber que o antônimo de guerra é a política, a arte que eles atuaram fortemente para destruir com teses exóticas exterminando um dos seus espectros políticos enquanto toleram e protegem os corruptos que lhes convém à direita. Dessa forma, democracia é consequência da liberdade política  que permite ideologias diversas, não da guerra como a confusa e pretenciosa presidente do STF bradou.

  57. algo de bom

    dessa merda toda, a única coisa boa é que o judiciário sai mais emporcalhado que os outros poderes.

    não era sem tempo.

  58. “Questão 5 – como o Supremo

    “Questão 5 – como o Supremo conseguirá compatibilizar sua preocupação em acatar a voz das ruas, com sua retórica de não se deixar influenciar pela voz das ruas e, ao mesmo tempo, atender aos reclamos das ruas?

    Resposta – Com um discurso vazio da presidente Carmen Lúcia…”

    No mês passado estava zapeando a tv quando me deparei com a atriz/escritora Fernanda Torres. A talentosa dizia que estava viajando a Brasília para entrevistar a suprema ministra. Nas palavras da filha de Fernanda, a presidenta do STF lhe daria a honra de recebe-la em seu gabinete. Fiquei curioso.

    Fernandinha é super inteligente, certamente, conseguiria boas revelações da senhora juiza. De cara, logo na entrada ao receber a entrevistadora senti, por parte de dona Carmen, um certo deslumbramento por estar, frente a frente, com uma celebridade de verdade. O passo seguinte foi introduzir a colunista da Folha e atriz global no seu gabinete de trabalho. 

    Aí, a suprema ministra, ao abrir a porta da sala do trono, disse para Fernanda que seu gabinete era do povo ou coisa parecida.

    Ao ver/ouvir isso, mudei de canal.

  59. Em abril de 2009 por ocasião
    Em abril de 2009 por ocasião de uma reunião do G 20,o Presidente Barack Obama disse que Lula era o cara.Em 2016 definitivamente,é o ano de Luís Nassif.O Moreno,pelo amor de Deus,o de Poços de Caldas,é o cara.É o ano de Nassif,nenhum outro jornalista produziu o que produziu Luís Nassif.

  60. Supremo Tribunal Federal

    Supremo Tribunal Federal guardião da Sonstituição? Que nada! Dando curso a um golpe de estado, de evidente orientação política e econômica, vinda do mundo financeiro comandado pelos EUA,  que dá suporte aos grupos golpistas, incuídas as Forças Armadas por seu silêncio ante o afastamento sem maiores provas de seu comandante, e viabilizando legalmente todas as ações dos golpistas, o STF desrespeita a Constituição e estabelece por suas ações a instabilidade jurídica no país, dando sentenças estapafúrdias, agindo fora dos autos, invadindo as competências do Leislativo e do Executivo, de forma acintosa reescrevenbdo, sem a devida competência a Constituição do país, esses onze magistrados não são guardiães  de nada, nem de suas próprias biografias. Vivem deslumbrados na mídia esmiuçando suas ações sem se ater aos autos e sem serem mesmo provacados, e atacando os que ccriticam  e enfrentam. Um bando ridículo e prepotente, que se acha acima de tudo e de todos, que não respeita  ninguém,  nem mesmo se respeitam, muitro menos respeitam as Leis e Constituição.

  61. Solução

    Se houvesse um Senado digno do nome, uma boa solução seria o impeachment generalizado. E uma PEC, essa sim justa e necessária, definindo mandatos limitados para os substitutos. Claro,  essa composição  de maioria golpista e processada por corrupção não é capaz de produzir nada de bom para o país e a maioria da população. Será que depois de 2018 vai melhorar? Ou os eleitores continuarão enganados, votando contra os próprios interesses?

     

  62. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome