Trégua comercial da China com EUA impacta exportação de soja brasileira

Estados Unidos aumentou a exportação de grãos de soja para a China e impactou diretamente na venda do Brasil

Foto: Divulgação

Jornal GGN – Se a trégua no conflito comercial com a China favoreceu os Estados Unidos, que aumentou a exportação de grãos de soja, impactou diretamente na venda do Brasil, que teve que suspender o comércio.

Diante da volta dos acordos comerciais junto aos Estados Unidos, a China passou a optar pelos grãos de soja dos norte-americanos, que diante de outras condições do cenário brasileiro afetou a exportação do país.

De acordo com agricultores e empresas do setor, a taxa de retorno dos portos e o fortalecimento do real vão impactar no ciclo 2019/2020 do plantio da soja, que tem início em setembro.

Com isso, o estado do Mato Grosso, que é o principal produtor do grão no Brasil, terá a colheita de cerca de 32 milhões de toneladas nesta temporada, mas até agora não vendeu metade de sua produção do ciclo anterior, de 2018/2019.

4 comentários

  1. Prefiro que Bolsonaro continue vivo, é importante que seus eleitores o conheçam por inteiro, em toda a sua estupidez, ignorância e maldade.

    • Os eleitores do bozo são tão estúpidos que não vão perceber nada e provavelmente vão reelegê-lo.
      Se o governo bozo afundar, o que é 100% certeza, vão jurar que a culpa é do Lula.
      Como dizia Einsten, “Duas coisas são infinitas, o universo e a burrice. Sobre a primeira tenho dúvidas.”
      Se ele não tiver votos o suficiente para reeleição o TSE está aí mesmo para garantir a vitória.

  2. Somada a Rússia q já avisou q temos glifosato demais, Bozó e sua turma estão no caminho certo para afundar a cultura da soja no Brasil

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome