Como parlamentares brasileiros manipularam manifestações de rua

Enquanto polícia militar venezuelana protegia os senadores, eles divulgavam a falsa versão de que o governo da Venezuela ameaçava sua integridade física.
 
 
Jornal GGN – Uma manifestação popular contra a comitiva de oito senadores brasileiros da oposição em Caracas, na Venezuela, tornou-se, em poucas horas, um incidente diplomático. A rápida mobilização dos senadores diante da imprensa possibilitou que o pequeno tumulto se transformasse em uma atentado planejado pelos governos Dilma e Maduro.
 
Estavam na comitiva Aloysio Nunes (PSDB), Cássio Cunha Lima (PSDB), José Medeiros (PPS), Agripino Maia (DEM), Ricardo Ferraço (PMDB) e Sérgio Petecão (PSD), acompanhados de quem possivelmente seria o alvo dos manifestos: a ex-deputada venezuelana oposicionista cassada pelo Parlamento, María Corina Machado, e esposas dos políticos opositores presos.
 
A comitiva estava a caminho do presídio para visitar Leopoldo López, preso político pelo governo venezuelano de Nicolás Maduro. No Brasil, uma das primeiras declarações à imprensa foi do tucano Aloysio Nunes à Veja, enquanto ainda estava dentro da van, aguardando uma decisão. 
 
“Nós fomos hostilizados por um grupo de manifestantes, de umas 200 pessoas, e arregimentados pelo governo ditatorial da Venezuela, que cercaram o nosso ônibus, agrediram com pedras, a pauladas, pontapés o nosso carro, não podemos prosseguir porque o governo bloqueou todas as nossas vias de acesso do aeroporto até o caminho que iríamos pegar para ir ao presídio. Nós estamos aqui firmes, esperando ainda a solução para podermos cumprir a nossa missão, que é de solidariedade da luta pela democracia na Venezuela, e de democracia na América Latina”, disse o senador, por whatsapp ao jornal.
 
Naquele momento, a van com os senadores estava sendo protegida pela polícia militar venezuelana. A acusação contra o governo nas palavras de Aloysio Nunes foi o pontapé para armar a “luta diplomática” que seria desenhada na cobertura da imprensa, ao longo do dia, estendendo-se para esta sexta-feira (19).
 
 
Na Venezuela, a cobertura foi mais alinhada com os fatos concretos, com os veículos noticiando a volta dos senadores ao Brasil, sem atingir o objetivo da visita ao presídio. “Senadores de Brasil no logran visitar a los presos políticos“, publicou o El Salvador; “Brasil pedirá a Venezuela aclarar lo ocurrido con sus senadores“, divulgou o El Universal.
 
Até então, a ida dos senadores não cumpria função objetivamente diplomática, nas palavras do próprio senador Aécio Neves (PSDB-MG), que caracterizou a viagem como uma “missão política e talvez até diplomática, fazendo aquilo que o governo brasileiro deveria ter feito a muito tempo, defendendo a liberdade, a democracia, a libertação dos presos e eleições livres na Venezuela”, afirmou, em vídeo divulgado momentos antes da decolagem à Venezuela.
 
Posteriormente, diante das manifestações, Aécio encarou o fato como um atentado diplomático: “o que estamos assistindo é uma escalada da violência na Venezuela, atingindo limites absolutamente inaceitáveis. O governo brasileiro tem o dever de se manifestar de forma formal e dura contra a agressão que os senadores brasileiros estão sofrendo hoje em Caracas”, disse, dentro da van, a jornalistas:
 
https://www.youtube.com/watch?v=M27_Cl_xqHY height:394]
 
Na internet, os vídeos que circulam – com imagens cedidas, inclusive, pelos próprios parlamentares – registram focos de manifestação, sem grandes riscos à segurança dos envolvidos. 
 
No vídeo divulgado pelo site de notícias venezuelano Lapatilla, é possível ver os manifestantes cercando o veículo que transportava os senadores brasileiros em Caracas. As imagens mostram um grupo de aproximadamente 50 pessoas, em volta do automóvel, proferindo palavras de ordem como: “Chavez não morreu, se multiplicou”, e em alguns momentos, batendo contra os vidros do carro. Não apresentaram, contudo, nenhum tipo de ameaça física contra os parlamentarem ou perigo à segurança. Em poucos minutos, seguranças locais já protegiam o automóvel, quando o motorista conseguiu sair do tumulto e prosseguiu pela via. 
 
https://www.youtube.com/watch?v=lxFpTHdVsD0 height:394]
 
Em outro vídeo do Estadão, que traz imagens fornecidas pelo senador Cassio Cunha Lima (PSDB-PB), é possível verificar cerca de 20 manifestantes, levantando as mãos em palavras de ordem. Não há registro de nenhuma pedra sendo atirada ou riscos de agressões físicas. 
 
https://www.youtube.com/watch?v=4ANbJOObBts height:394]
 
Em vídeo da TV Senado, mais algumas imagens repetem as cenas de um grupo pequeno de pessoas manifestando ao redor do carro.  
 
[video:https://www.youtube.com/watch?v=_JBD5UjZNiQ&feature=youtu.be height:394
 
A dificuldade enfrentada pelo grupo de senadores ocorreu após o pequeno manifesto. Depois de estacionar, a van tentou se locomover, mas as ruas e avenidas ao redor estavam bloqueadas, fazendo os parlamentares retornarem ao aeroporto.
 
Apesar de contar com a proteção da Polícia Militar, na segurança contra os manifestantes, os senadores acreditam que o governo de Nicolás Maduro planejou o cerco. “Essa posição foi toda montada pelo governo, não tenho a menor dúvida em relação a isso”, disse o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO).
 
Em gravação, repercutida pelo canal Lapatilla, a ex-deputada venezuelana oposicionista, María Corina Machado, reafirmou o discurso dado pelos senadores brasileiros, de que seria uma “armação” do governo venezuelano para não apresentar aos parlamentares a realidade do país:
 
[video:https://www.youtube.com/watch?v=yv_PSX32Iys height:394
 
Toda a movimentação midiática possibilitou a extensão do discurso de que a comitiva teria sido reprimida. Já na Casa Legislativa, os senadores aproveitaram para acusar a presidente Dilma nas manifestações contra eles: “Fomos metidos numa arapuca com cumplicidade do governo brasileiro”, disse Aloysio, “ordem para não acompanhar senadores saiu do Itamaraty”, chegou a afirmar o deputado Raul Jungmann (PPS-PE).
 
[video:https://www.youtube.com/watch?v=GfK3e7bY_8U height:394
 

59 comentários

  1. Interessante, não havia ainda

    Interessante, não havia ainda visto o dr. Aloyzio tão próximo; seu (dele) rosto é deformado em razão de alguma doença, acidente? Que triste sinal carregar essa aparência, não?

  2. Os bananinhas

    Os bananinhas não podem receber nenhuma manifestação contraria, que logo reclamam de ser atacados e humilhados. Mas quando defama ou humilha politicos da situação, dizem que estão agindo em defesa da soberania nacional. 

  3. O duro é ver e ouvir Agripino

    O duro é ver e ouvir Agripino Maia falando de liberdade.Meu Deus,pare o mundo que eu quero descer!

  4. Leopoldo López não é preso político

    O Ministério Público venezuelano o prendeu por homicídio, tal como fizeram com agentes do governo que revidaram com violência as ações da oposição golpista em fevereiro de 2014, onde mais de 40 venezuelados foram mortos.  

    • Gozado que os 40 que morreram

      Gozado que os 40 que morreram apoiavam o Leopoldo Lopez…

      Ou seja, quem matou mesmo, nada…

       

  5. Ué, em um primeiro momento a

    Ué, em um primeiro momento a versao foi desentupimento de tuneis, conforme versao assinada pelo jornalista Nassif. Agora jah se admite que foram militantes chavistas (ou maduristas). Serh assim tao dificil admitir que o governo da Venezuela nao eh democratico?

  6. Cumplicidade

    Estou com o senador Aloysio: o governo brasileiro foi cúmplice no episódio de Caracas.  Quem deu o avião para o bando?  Agora, se eu fosse senador, não faria um trabalho desses por menos de 50 milhões de dólares,e tenho certeza que encontraria gente disposta a pagar muito mais.

  7. … E a oposição vai ganhar

    … E a oposição vai ganhar mais essa narrativa…

    É impressionante, me deus, como esse governo e essa bancada insistem e perder por W. O. toda e qualquer disputa pela comunicação!

    Já virou um caso patológico.

    Uma patetada dessas da oposição e não aparece unzinho sequer pra chamar as coisas pelo nome!? Ninguém para chamar de ridículo o que é ridículo!?

    • é impressionante mesmo, Lucinei

      o Governo tem que PARAR de endossar a narrativa golpista destes patetas de bolinhas de papel e da #MidiaBandida.

       

      Sinceramente, estou chegando no limite com relação à imbecilidade reinante neste “governo” Dilma. Que povo cego. Burros. Frouxos… Ah, vá!

    • Lucinei, discordo. Iso porque

      Lucinei, discordo. Iso porque os imbecis sempre se enrolam sozinhos. Criar cerleuma em torna de uma babaquice como esta é dar corda ao plano. O POVO NÃO É TÃO MAIS IDIOTA ASSIM PARA ACREDITAR NAs artimanhas desses senadores. Perceba que eles foram falar a Veja, que de credito está negativada.

      • Entendo, Francy.
        Chamar Veja

        Entendo, Francy.

        Chamar Veja ou o resto da imprensa seria “pedir” pra eles fazerem montagem com as palavras (como soy acontecer).

        Mas lá no Senado eu continuo achando que perderam uma grndessíssima oportunidae de “esculachar” esses patetas golpistas.

        Saudações.

  8. O Brasil

    O Brasil está de saco cheio desses vigaristas da imprensa partido.

    A Folha, Veja, O Globo, TV Globo, Band, Globo News, tem absoluta certeza, que seus leitores e telespctadores são um bando de IDIOTAS, de retardados mentais.

    É inacreditável esses patéticos “jornalistas” dessas empresas, brigando com os fatos. Tentando de todas as formas distocer a realaidade.

    É de dar ASCO!

     

  9. Para ficarem livres da

    Para ficarem livres da pataquada ligaram o ventilador. Precisa por esta turma no colo e dar umas palmadinhas no bumbum. Quanta infantilidade!

  10. Um caminhão tombado

    “Um caminhão tombado, com um carregamento de farinha, deixou Aécio travado na Venezuela”  rs,rs,rs,rs,rs

  11. E onde anda a bancada do PT

    E onde anda a bancada do PT para entrar com um pedido de cassação de mandato por quebra de decoro?

  12. Pessoas que investidas de um

    Pessoas que investidas de um mandato tão alto se prestam para um papel estúpido como esse, não merecem falar em nome sequer de seus supostos representados. Nâo foram dignos. Não foram sérios. Não foram sequer respeitáveis. Uma lástima para o país.

  13. Esse Aécio neves não vale o

    Esse Aécio neves não vale o que o gato enterra, é por isso que o Freire do PPS quer antender a mundaça do regime para parlamentarismo, assim o presidente seria o Cunha.

  14. Ter que ouvir, assistir, isso

    Ter que ouvir, assistir, isso sem retrucar com todos os palavrões do mundo é o pedágio que desembolsamos para manter civilizado o nível dos debates.

    Esses senadores são uns PILANTRAS! Esse circo foi adredemente preparado, planejado nos mínimos detalhes. Sabiam a priori que nenhuma repercussão, zero de consequências, teria essa expedição, verdadeira nau dos insensatos, com relação a situação política interna de uma nação soberana.

    A proclamação altissonante do senador “tua cara é a derrota” Aécio Neves justificando a ida dessa Comissão é de um ridículo insuperável. O festival de mentiras já começa quando afirmaram que o governo venezuelano não autorizara o pouso do avião da FAB o que é um indício claro de que já existia uma pré disposição para a o uso do diversionismo para desviar o foco do retumbante fracasso que seria essa “missão diplomática”. 

    Como brasileiro, sinto revolta e vergonha da maneira como a imprensa e parte do estamento político tratam a Venezuela. Abordam-na como se fosse o 28º estado da União ou uma colônia do Brasil,  na pior das hipóteses; na melhor, como uma republiqueta de quinta habitada por néscios e radicais com cabeças  feitas pelo bolivarianismo.

    Como perderam – e feio – a “batalha” contra Cuba e seu líder maior, Fidel Castro, voltaram seus ódios contra um país que nunca nos fez nenhum mal. Não por nada Chávez se inspirou no líder cubano na sua estratégia de angariar, ou se fosse o caso, impor respeito a seu país. 

  15. O que há d pior no Brasil

    O que há d pior no Brasil querendo bancar o agredido na Venezuela. No USA, estariam de joelhos, de quatro para o patrão. São crápulas, traidores travestidos de senadores do MEU PAÍS. Agripino e sua matilha querendo, com a máfia midiática tupinica, enganar, NOVAMENTE, a  verdade. Mas, tem bobão e lobão que cai no mimimi indigno dessa velharada corrupta.

  16. Errarram o itinerário

    Nisso é que dá não estudar geografia. Erraram o itinerário. Em lugar de baixar em terras palestinas do Benjamin Netanyahu – Onde seriam recebidos com honras de chefes de estado – foram cair logo onde, na Venezuela, onde o gato anda mais escaldado do que porco em época de Natal.

     

     

  17. Dilma

    Eles foram exatamente para isso. Coneçaram com a mentira sobre a autorização do pouso do avião e armaram, devidamente combinada, uma versão para passarem por vítimas, acusarem o governo venezuelano e enquadrarem o brasileiro.. O Congresso, claro, com o altíssimo nível dos “representantes” que o povo elegeu, entrou na onda. Incrível, mas incrível mesmo é a Presidenta Dilma ter cedido um avião da FAB para essa provocação à Venezuela e ter aderido à versão mentirosa. Só pode ter tido, mais uma vez, a “brilhante” assessoria dos seus dois conselheiros em direção ao buraco. Aqueles que aparecem ladeando-a, em quase todas as cerimônias.

    • Cedeu?

      Sr/a  EJ

      “incrível mesmo é a Presidenta Dilma ter cedido um avião da FAB”…

      V. conferiu essa informação de que a presidenta Dilma em pessoa cedeu a aeronave?

      Está certo que no governo dela ela é responsável pelo que ocorre. Mas consta que hoje o lixo do planalto foi colocado para fora em recipiente inadequado e fora do horário recomendado pelo ministério da coleta de lixo e inserviveis.

      Pela mesma lógica a culpa, neste caso, também é da Diuma.

      • Claro


        Claro que ela não cedeu pessolmente, Emerson57, mas  dias antes já se sabia que um avião da FAB levaria a comitiva, que ia à Venezuela com o objetivo explícito de criar um caso diplomático (interferência indevida). Quando afirmei Dilma, leia-se o seu governo. Reconheço que se ela determinasse a não cessão também os que pretendiam criar o caso de qualquer maneira já o teriam criado antes da viagem.

      • Correção

        Respondi-lhe ontem mesmo, Emerson57. Como o comentário não foi publicado, respondo-lhe novamente. Você tem toda a razão no que se refere ao avião. Leia-se governo Dilma em lugar de Presidenta Dilma. Nem mesmo sei se o Executivo teria poder para negar a aeronave, mesmo considerando os Princípios Fundamentais da nossa Constituição que, no seu Artigo 4º, diz:” A República Federativa do Brasil rege-se nas suas relações internacionais pelos seguintes princípios:

        III – autodeterminação dos povos;

        IV – não intervenção; “

        Mas a cessão pura e simples, com a naturalidade que a mídia (não há comunicação no governo) nos passou, foi demais.

    • Perdi, hoje, todas as minhas esperanças

      Depois que os congressistas do PT e do PSOL apoiaram reclamação contra a Venezuela, entrando no golpe louco do PSDB, acabou.

      Definitivamente, o povo brasileiro está totalmente perdido.

      Perdi, hoje, totalmente minhas esperanças de um País soberano e líder na América do Sul.

       

       

  18. Aécio – senador de Sucupira

    Aécio – o senador de Sucupira, aliado do Prefeito Odorico Paraguaçu, procura um cadáver para inaugurar o cemitério da cidade.

  19. Pra fugir do mico, alegam que
    Pra fugir do mico, alegam que Maduro mandou explodir pontes, colocou taxinhas na estrada pra furar o pneu e encheu o carro deles de pulgas. Ja aqui no Brasil, a sabotagem ficou por conta dos governistas, que encomendaram macumba da braba pra dar tudo errado. Afffff.

  20. aecio em caracas

    Na inauguração da copa, a elite pagando ingressos exorbitantes mandou a presidente tomar no cu em rede mundial. 

    Ai Aecio adorou e calou.

    Hoje, vinte gatos pingados na Venezuela mandam eles voltarem com o rabo entre as pernas ( o que me parece mais do que justo) e eles  reclamam da Dilma. Querem fazer crer que o mico é culpa da Dilma, e não deles.

    Moro prende e tortura no PR.

    Aí Aecio se cala.

    Vai a Venezuela mostrar  indignação contra a prisão de insufladores  de violencia em manifestações.  

  21. Dúvida

    Que ingrupino, alvejado e aócio são sem noção todos sabemos.

    Mas alguem sabe o que o caixa de campanha de ÇERRA45 vice fegacê….viiiiiiiiiiiixe! em 2038, sr. aloisyo trezentão estava fazendo nesta excursão?

    E porque requisitaram avião da FAB quando seria mais fácil pegar emprestado o helicóptero do pórrela?

  22. Coxinhas

    Os Venezuelanos fizeram muito pouco a esses coxinhas. Deveriam  ter feito a eles o mesmo que induzem a população brasileira a fazer a sua lider máxima, aquela que não está nos 12% da populção odiosa ao PT (pesquisa essa que o PIG fez questão de desconhecer). Aluisio 300 mil, energumenos estavam dentro da van. Contudo,  Play boy do Leblon, não podemos deixar passar despercebido, as recepcionistas que os receberam no aeroporto fazem jus às misses venezuelanas. Que tal!

  23. Pode ser impressão minha mas…

    As manobras mental e moral que os antipetistas estão tendo que fazer para admitirem essa turma – Aloysio Nunes, Aécio Neves, Cunha Lima e cia. ltda. – ainda vai causar danos colaterais em todos os aspectos de suas vidas (profissional, de afetos, acadêmica etc.).

     

    Creio que Aécio está na vibe de aprontação de moleque, querendo ver o ciro pegar fogo, como se não tivesse mais nada a perder. Já Nunes está nitidamente com importantes problemas mentais. Ou seja, Neves, Cunha Lima etc. devem dar gargalhadas quando pensam no que estão “causando” enquanto Nunes não: Nunes apenas viaja nas ondas do medo e da raiva e talvez até se leve a sério… Mas como disse, o problema está, a meu ver, no prejuízo mental e moral que estão causando aos seus seguidores.

  24. Foi tão sério e o clima tão

    Foi tão sério e o clima tão tenso que em todas as fotos e vídeos os tais senadores estavam sempre sorrindo. E acho que ainda continuam rindo ao saber que a Dilma está levando a sério tais senadores. 

  25. Quando o nosso país estava

    Quando o nosso país estava entregue a uma ditadura militar o que faziam Agripino e Caiado?

  26.  
    São muito canalhas estes

     

    São muito canalhas estes indivíduos. É absolutamente impossível alguém apresentar registro, seja impresso, em vídeo, ou gravado em áudio, de alguma declaração desses senhores em defesa dos direitos humanos, uma vez sequer.

    Agripino Maia, Túmulo Caiado, Aécio da Cunha, Petecão, Blairo empreiteiro e boiadeiro Magi. Coadjuvado por mais um 1/4 de dúzia de insignificantes senadores de 1/2 pataca. Esta foi a comitiva de paspalhos golpistas que foram a Caracas enchovalhar o Senado do Brasil. 

    Imagine que notórios reacionários, em boa parte, serviçais ativos dos ditadores de 64. Ora, travestem-se de defensores dos Direitos Humanos, e, na maior cara de pau embarcam em festeira romaria patrioteira. Vejam só o cinismo da propositura, levar solidariedade ao golpista e criminoso, para eles, um democrata preso político, e, aproveitando a farsa, pretendem implantar uma democracia à moda das plantadas no Iraque pelos yanques.

    Só gargalhando muito, com as patacoadas desses idiotas reaças.

    Orlando

  27. Todo mundo sabe que em tais

    Todo mundo sabe que em tais hora a única cooisa certa é que todos os presos levaram uma dose de pancada extra. De fato, nos tempos da ditadura, que estava preso achava que tais manifestações eram obras de canalhas só para que apanhassem mais

     

  28. Nossa oposição está
    Nossa oposição está politicamente desacreditada. Porém como compositores carnavalescos, até que têm coisas interessantes: “O samba da Paulista”, “A marchinha de Brasilia”, “O frevo de Caracas”, e ” O choro dos incompetentes”.

  29. O governo da Venezuela

    O governo da Venezuela desmentiu a versão dos patetas, esta no portal de noticias da Folha hoje.

  30. Mentiras, mentiras e mentiras

     

    Primeiro, mentem sobre a autorização do governo Venezuelano, dizem que foi negada: não foi

    Segundo, mentem sobre a agressão à van com pedras: não provam, apesar de acompanhados de uma equipe de reportagem.

    Terceiro, dizem que o governo da Venezuela é responsável pelos ataques, quando, na verdade, estavam sendo protegidos por policiais, sendo escoltados, ao que parece.

    Quarto: alegam que o embaixador os “abandonou”, quando ele estava em outro carro, próximo.

    Quinto: dizem que o engarrafamento de duas grandes vias foi ” criado” para impedir o avanço da “comitiva” pelo governo, quando, na verdade,  houve um acidente e manutenção em uma das pistas. A pretensão  de que tal “comitiva” merecesse tal providência é simplesmente ridículo, porque parar  o trânsito por horas, se havia vias alternativas para se chegar à Caracas.

    Provocaram um incidente com um país com os quais temos ótimas relações, culpam até a presidenta de ter responsabilidades no ocorrido e ainda saem como heróis?

    Ninguém vai pedir a quebra de decoro parlamentar por tantas mentiras facilmente constatáveis?

    É a treva total!

  31. Nova versão tucanalha:patetas

    Nova versão tucanalha:patetas ameaçados por mil pitbulls, cada um com seu soldado bolivariano.

  32. MIQUEIROS, BUNDÕES E

    MIQUEIROS, BUNDÕES E FANFARRÕES!!!

    As nossas custas fica muito fácil essa” FARRA DOS CORNOS”

    Valeu VENEZUELANOS!!!

    VER ESSA GANG TUCANALHA,  ENCURRALADA NO ÔNIBUS SE BORRANDO DE MEDO E O AÉCIO  MENTIR EM CASTELHANO BEM FAJUTO, NÃO TEM PREÇO!!!

    E pensar que esse TROLHA queria ser presidente do BRASIL, pode???

  33. Alternativa de voto?

    Não tive em 2014, tanto em nível estadual quanto federal e continuo não tendo, embora não tenha anulado o voto!

    Escolhi a que achava menos pior e errei feio!

    Onde estão as novas lideranças politicas que já deveriam ter despontado?

    Nosso único e atual lider no momento está no Paraná fazendo um grande estrago!

    Apenas 2 anos – DOIS ANOS (2012, 2013) – período que as esquerdas progressistas ficaram soltas (Lula não pode controlar e Dilma solenemente se omitiu) foram suficientes pra levar o Brasil pra merda que está – Congratulações!

  34. .

    Triste, muito triste!

     

    Até quando o povo brasileiro ficará refém de uma mídia bandida, que atenta contra seu povo, os interesses emancipatórios do país… Somos carneiros, bois ao matadouro, aceitando passivamente a história sendo narrada a mercê dos interesses de grupos que acredito piamente serem máfias/bandidos.

    • Uma nova “bolinha de papel”.

      Lá vem eles de novo intentando empurrar pelas nossas calejadas goelas mais uma encenação do tipo “bolinha de papel”.

  35. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome