Cunha diz à Câmara que foi Cláudia e Cláudia diz ao MPF que foi Cunha

Para esposa, Cunha era quem detinha o controle sobre a vida financeira. Para Cunha, cartão de crédito é da mulher. Processo contra peemedebista no Conselho de Ética já é o mais longo da história
 
 
Jornal GGN – No mesmo dia em que o relator do processo de cassação contra Eduardo Cunha (PMDB-RJ) expôs que o peemedebista praticou “escancarada tentativa de dissimular a existência de bens”, “omissão deliberada” e uso de “requinte e tecnicidade” para “esconder práticas ilícitas” com, inclusive, “robustez de provas”, a força-tarefa da Lava Jato divulga uma investigação de pagamento de mais de meio milhão de reais de empresa financiadora de campanha do PMDB diretamente à esposa do deputado, Cláudia Cruz.
 
As informações estavam com a equipe de investigadores há mais de um mês. Isso porque foi em abril deste ano que Cláudia prestou depoimento à equipe da Vara Federal de Curitiba, admitindo que a abertura de conta secreta no exterior em seu nome foi sugerida por Cunha e que o próprio deputado autorizava os seus gastos em lojas de luxo, sem ter conhecimento “da origem do dinheiro” e, até mesmo, não ter “ideia de quanto ganha um deputado federal”.
 
Cláudia Cruz prestou depoimento, acompanhada de seu advogado, no mesmo dia em que a filha de Cunha, Danielle Dytz da Cunha, também concedeu informações aos investigadores. Ambas são alvos da Operação Lava Jato nas mãos de Sergio Moro, porque o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, autorizou o desmembramento do inquérito contra Cunha, levando as duas investigadas à primeira instância. 
 
Os depoimentos reforçando que Cunha era quem tinha o controle sobre a vida financeira delas seria a estratégia da esposa e da filha de Cunha para terem seus casos investigados junto ao do peemedebista, no STF.
 
Um dos focos da força-tarefa em Cláudia é que os investigadores descobriram que uma empresa do grupo Libra, que opera um terminal no porto de Santos e área de influência do PMDB e do interino Michel Temer, repassou R$ 591 mil à empresa C3 Produções Artísticas e Jornalísticas, controlada por Cláudia.
 
A Libra já foi beneficiada por Eduardo Cunha no Congresso, em emenda para a medida provisória dos portos, em 2013, que permitiu ue a empresa aderisse à uma arbitragem para quitar a sua dívida com a União. 
 
Mas em resposta aos procuradores e Polícia Federal, Cláudia disse não se recordar do motivo do pagamento, que utiliza a empresa para atividades remuneradas, como a de mestre de cerimônias, e que o preço dos eventos “variava muito”. “Não se recorda a razão do pagamento de R$ 591.254,99 que a empresa C3 recebeu da Libra Terminal em abril de 2007”, publica trecho do relatório do depoimento.
 
Cláudia ainda afirmou que “nunca tomou conhecimento de nenhuma atividade empresarial desenvolvida por Eduardo Cunha no exterior”.
 
Ao contrário do que afirmou a sua própria esposa aos investigadores, o deputado peemedebista justificou ao Conselho de Ética da Câmara, onde tramita o seu processo de cassação, que apenas era “dependente” da conta de cartão de crédito de Cláudia e que, por isso, não poderia responder por possíveis atos de sua mulher.
 
“As despesas efetuada no exterior, o titular era minha esposa, todos os gastos foram feitos por conta de cartão de crédito dela. (…) Eu era apenas dependente de cartão de crédito da minha esposa. (…) A minha esposa não é deputada, não está sujeita a representação”, havia dito.
 
Na ocasião, Cunha também negou que os R$ 9 milhões bloqueados em contas na Suíça eram de sua titularidade, mas de trusts (administradoras de recursos de terceiros) a quem ele teria delegado a gestão de parte de seu patrimônio. “Se o dinheiro dessa conta compra um vinho de mil dólares, eu pergunto ao senhor, quem bebe o vinho, o senhor ou o trust?”, havia rebatido o deputado Julio Delgado (PSB-MG), um dos principais adversários de Cunha, naquela sessão.
 
Mas o deputado acusado se limitou a responder que não era titular do cartão de crédito de sua esposa.
 
Em contrapartida, Cláudia relatou aos investigadores da Lava Jato que ela “perguntou a Eduardo Cunha se poderia fazer aquisições de luxo e ele autorizava”, responsabilizando, assim, o próprio marido, na tentativa de se auto-defender. “A depoente não declarou a conta às autoridades brasileiras porque quem era responsável por isto era Eduardo Cunha”, ainda disse.
 
A denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República ao Supremo revela que Eduardo Cunha manteve gastos milionários com lojas de luxo, hotéis e restaurantes de alto padrão no exterior, entre os anos de 2012 e 2015. Cláudia e a filha reconheceram as despesas e afirmaram que não questionaram a Cunha a origem dos recursos.
 
Em resposta ao parecer pela cassação do deputado, com a leitura realizada nesta quarta-feira (01) pelo relator Marcos Rogério (DEM-RO), o peemedebista acusou o deputado de querer “holofotes” e que fez “sua pirotecnia, buscando os cinco minutos de holofote”. Cunha afirmou que “faz três dias que [Marcos Rogério] está anunciando assim”, considera um “absurdo e eivado de nulidades” no parecer que irá contestar e se disse esperançoso: “espero ver derrotado no Conselho. Caso contrário, recorrerei à CCJ e espero obter decisão favorável”, respondeu.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A cultura que faz estupradores virarem heróis, por Ricardo Mezavila

20 comentários

  1. Quanta difeerença entre o

    Quanta difeerença entre o tratamento dado pela imprensa à filha do Dirceu e a mulher e a filha do Cunha…

  2. E ela prestou depoimento?

    Isso saiu na imprensa? Onde? Quando? Como?

    Ela foi sem algemas? Sem condução coercitiva? Sem uma patrulha da PF escoltando com armas em punho?

    Como é “probo” nosso inquisidor mor… Como ele age com o mesmo peso e a mesma medida para os dois lados… que diga a tia da cunhada da irmã do Vaccari…

  3. Cláudia & filha

    De repente, ficamos sabendo que a mulher e a filha do Cunha depuseram. Para elas, não houve condução coercitiva? Não deveriam depor no mesmo momento, para que não combinassem versões? Quanta diferença de tratamento…

    • Enviesamento escancarado

      Não é nem condução coercitiva , é cana mesmo !

      Volto a recordar o que foi tão comentado à época , poucos meses atrás , com a prisão da cunhada de Vaccari baseada apenas numa foto , que depois constatou-se que não era ela . A mulher passou pelo constrangimento de alguns dias na cadeia e não era ela na foto !

      Essa bacana aí nem mesmo há dúvida : a conta é dela ! 

      REVOLTANTE  os dois pesos , as duas medisas e a diferença de tratamento por parte desse MORO .

  4. Essas duas criminosas não vão

    Essas duas criminosas não vão para cadeia em prisão preventiva. Só por que são loiras, brancas e ricas?

    Ou por que ela ja foi da globo?

  5. Escroques quando se casam são

    Escroques quando se casam são assim. Na bonança é amorzinho para cá e para lá. No sufoco, é um entregando o outro. E quero saber quando o Moro vai transformar a moça em “bela, mais ou menos recatada e do xilindró”.

  6. Bate bola entre craques da
    Bate bola entre craques da corrupção.
    Cunha diz que foi Cláudia, pois ela não pode ser cassada; por sua vez, Cláudia diz que foi Cunha porque esse não pode ser preso pelo Moro.
    O que parece ser um salve-se quem puder, é na verdade uma refinada tabelinha.
    Na “dúvida” nem o herói acossa a esposa nem o congresso cassa o marido.
    E, assim a cleptocracia nacional se sente aliviada pelo êxito dos acordos institucionais.

  7. Não foi nenhum
    1 – Nem outra… foi o mordomo ou o motorista ou o personal training de tênis ou Lula em último caso.
    2 – Moro escancaradamente é o servidor do judiciário Federal mais canalha de quem teremos notícia nesses tempos.

  8. Como em…

    Como em briga de marido e muher ninguém deve meter a colher, a justiça não vai fazer nada contra nenhum deles. É a farsa a jato.

  9. Dona Cláudia, como a outra

    Dona Cláudia, como a outra patricinha da Band que não trabalha mais lá, aquela josrnalista que criticava a Petrobrás mas que não sabia nem o preço da gasolina, é uma das jornalistas mais deinformadas da história. Não saber dos negócios inescrupulosos no marido e nem saber quanto ganha um deputado. É coisa de mulher dos anos 70 que só descobria os ganhos do marido quando este esquecia o holerith no bolso pra lavar.

     

    Agora, por outro lado, que tipo de escroque tenta se safar e não defende a esposa. Que ele tem certeza que a esposa não vai presa, isso eu não duvido. Moro não seria ousado o suficiente de prender Cláudia. Mas podia ao menos preservar a imagem da mulher. E se desse caeia mesmo, o que eu duvido muito, por que não tentar livrar a barra da mulher e filha?

     

     

  10. O Cunha e a Claúdia, juntos enamorados na dinheirama.

    E a conta foi aberta no nome da Claúdia, a conta é dela, claro.

    Mas a Claúdia diz que a conta é de Cunha. Claro, ela não trabalha.

    Se o dinheiro vem de Cunha, então a conta é de Cunha.

    Mas quem gasta o dinheiro é a Claúdia. Claro, ela é a mulher do Cunha.

    Mas Cunha disse que a conta é de Claúdia. Mas não é mesmo? 

    E de quem mais seria, se a conta está no nome da Claúdia?

    Então, já que nem Cunha e nem Cláudia, são donos da conta, a conta não existe.

    Claro que a conta não existe. Se Cunha nunca gastou esse dinheiro,

    E nem a Claúdia nunca ganhou, esse dinheiro, a Conta não existe.

    Então, caso encerrado. Vamos processar os suiços, mentirosos sem vergonha.

    • Comunhão universal
      Se tudo mais falhar Cunha vai defender que o dinheiro roubado em comunhão universal não é de um nem do outro. Nao pode ser dividido. É a lei de deus dinheiro. A familia não pode ser dissolvida e como não existe cadeia familiar ele não pode ser afastado dos seus amores: a edposa, a filha e o dinheiro, não necessariamente nessa ordem.

  11. O CUNHA JA FOI PRESO? E AMUIÉ

    O CUNHA JA FOI PRESO? E AMUIÉ DO CUNHA FAZENDO SHOP? A FILHOTA DO CUNHA CURTINDO MUITO ? ALGUÉM VAI PRO XILINDRÓ? 

  12. O CUNHA JA FOI PRESO? E AMUIÉ

    O CUNHA JA FOI PRESO? E AMUIÉ DO CUNHA FAZENDO SHOP? A FILHOTA DO CUNHA CURTINDO MUITO ? ALGUÉM VAI PRO XILINDRÓ? 

  13. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome