Primeira crise à vista no Congresso: a aliança PSL-Maia

De um observador da cena política de Brasília

O acordo surpreendente de Rodrigo Maia com o PSL, na realidade é uma aliança formal do DEM com Bolsonaro. Nessas condições tanto faz o presidente da Câmara ser Rodrigo Maia ou Joyce Hasselman.

Se eleito, o Maia vai estar atrelado ao Planalto a quem entregará as duas principais Comissões da Câmara, a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e a de Finanças. Na prática, o Planalto controlará a Câmara. Com isso o Centrão e as esquerdas ficam neutralizadas e não terão nenhum incentivo para votar no Maia, que até esse acordo era visto como uma barreira ao Planalto e não como aliado dele. 

Na minha percepção o Congresso, por instinto de sobrevivência, não vai se entregar assim facilmente ao bolsonarismo.

Poderá haver suas consequências:

  1. Maia vai ter como certos os votos do PSL e do DEM, insuficientes para 
    elege-lo.
  2. Essa aliança deve ter desdobramentos e favorece a eleição de Renan no Senado.

     

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Privatização: o que significa vender empresas estratégicas para a soberania nacional?

5 comentários

  1. “Botafogo”……E assim vao
    “Botafogo”…

    …E assim vao cooptando um por um, como fizeram com o Eduardo Cunha. Vamos ver ate onde isso vai dar. A tatica é conbecida por todos lá.

    Faltou falar se o time entra desfalcado ou nao da midia.

  2. o imprescindível aí me parece

    o imprescindível aí me parece é garanir uma oposição programática que atenda a necessidade de manter as políticas de inclusão social, por exemplo….

  3. A rigor, as oposições já

    A rigor, as oposições já lançaram o Marcelo Freixo como candidato à presidência da Câmara; se tiver todos os 140+ votos do bloco, basta o Centrão lançar um candidato que seja que o Botafogo terá, no mínimo, que enfrentar um segundo turno – e o nome de chuveiro ter que explicar pro chefe porque o plano infalível deu chabu.

  4. Mas ao que parece Maia vai

    Mas ao que parece Maia vai ser candidato único praticamente. Existe um pequeno grupo articulando uma candidatura de Freixo mas é só para cumprir tabela. Que outro grupo tem realmente chances de emplacar um presidente do congresso ?

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome