Senado não cogita excludente de ilicitude, mas corteja Moro tentando acelerar votação

De acordo com os senadores mais chegados a Moro, o acordo de não-inclusão do item pode levar a uma rápida aprovação do pacote

Foto Senado Federal

Jornal GGN – Os senadores não estão cogitando incluir o excludente de ilicitude em pacote de Moro, mesmo os líderes do bloco “Muda, Senado”, conhecidos lavajatistas e apoiadores do hoje ministro. O entendimento geral é que a inclusão não prosperará. As informações são da coluna Painel, da Folha.

De acordo com os senadores mais chegados a Moro, o acordo de não-inclusão do item pode levar a uma rápida aprovação do pacote, sem mudanças, conforme veio da Câmara dos Deputados. Mesmo sem o item tão cobiçado por Moro, a rápida aprovação seria como um ‘agrado’ a ele.

Por outro lado, aliados de Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente do Senado, acham que dificilmente o pacote de Moro será aprovado ainda este ano pela Casa.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Moro vira professor de centro universitário em Brasília

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome