Coronavírus: 92 mil pessoas vindas de países-foco chegaram ao Brasil em fevereiro

Registro se refere apenas à última semana do mês; maioria veio dos Estados Unidos, atual centro da pandemia - e quase 7 mil vieram da Itália

Foto: Reprodução

Jornal GGN – Na semana em que o Brasil registrou seu primeiro caso de Covid-19, mais de 90 mil pessoas desembarcaram vindas de países com transmissão local do coronavírus reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Dados da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), 91.932 pessoas chegaram no Brasil entre 23 de fevereiro e 1º de março, vindas de países como Itália, Espanha, Estados Unidos, China, Reino Unido, Alemanha, França e Emirados Árabes.

Segundo informações do jornal Folha de São Paulo, os países citados são aqueles em que, de acordo com os critérios da OMS (Organização Mundial da Saúde), o vírus já estava em circulação, enquanto em outros locais os doentes tinham sido contaminados em viagens ao exterior. Não se pode dizer quantos dos viajantes registrados são brasileiros e nem quantos são turistas.

A maior parte dos passageiros veio dos Estados Unidos. Foram 49,8 mil, 54% do total que desembarcou vindo dos países analisados – sendo que 11 mil (22%) saíram dos aeroportos de Nova York, onde a epidemia se concentrou no país.

Da Itália, vieram quase 7.000 pessoas (7% do total). O primeiro paciente com Covid-19 no Brasil contraiu a doença justamente na Itália: um homem de São Paulo, de 61 anos, que esteve no país de 9 e 21 de fevereiro.

Enquanto as pessoas voltavam de viagem após o feriado de Carnaval, o número de casos registrados no mundo ainda era tímido, mas a escalada da epidemia nos dias seguintes mostra que o vírus circulava de forma mais generalizada do que se acreditava. E isso pode ser explicado pelo período de incubação da doença, que varia de dois a 14 dias.

O Brasil só decidiu pela restrição da entrada de estrangeiros nos aeroportos em 19 de março.

4 comentários

  1. E o bem informado general que cuida do serviço de investigação (o mesmo que permitiu a entrada de uma mala com 40 kg de cocaína), não só estava por fora dos acontecimentos, como foi junto no passeio presidencial a Miami e retornaram todos no voo dos infectados. Contribuindo para a criação do foco em Brasília.

  2. Nassif, e o mais recente escândalo de corrupção dos tucanos paulistas com a Ecovias?? Não tô vendo ninguém falar nada!!! Os caras confessaram que pagaram propina durante 18 anos nos governos tucanos. Se comprometeram perante a Justiça em devolver mais de meio bilhão de dinheiro roubado.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome