Coronavírus: Alemanha adota bloqueio parcial após aumento de casos

As medidas foram confirmadas após conversas de Merkel com os líderes regionais e serão aplicáveis em todo o país.

Foto Deutsche Welle

Jornal GGN – A chanceler alemã, Angela Merkel, confirmou que a Alemanha entrará em um bloqueio parcial a partir de 2 de novembro. As medidas foram confirmadas após conversas de Merkel com os líderes regionais e serão aplicáveis em todo o país. Após duas semanas as medidas serão revistas.

“Essas são medidas duras”, disse Merkel a repórteres. Ela relatou ainda que o número de pacientes em unidades de terapia intensiva dobrou nos últimos dez dias e que o sistema de atendimento atingirá sua capacidade se a pandemia continuar crescendo no ritmo atual.

As empresas afetadas pelo bloqueio receberão apoio financeiro de até € 10 bilhões.

Ela acrescentou que o país chegou a um ponto em que 75% das infecções não são rastreáveis.

Com informações da Reuters.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A “modernização das relações de trabalho”, a informalidade e a pandemia, por Adalberto Cardoso e Thiago Brandão Peres

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome