Coronavírus: Brasil tem 941 mortos e 17.857 casos confirmados

Em 24h, o Brasil teve um aumento de 141 mortes e de quase 2 mil casos novos em apenas um dia por coronavírus

Os três países da América Latina lideram o ranking de casos do coronavírus - Reprodução do Centro de Ciência e Engenharia de Sistemas (CSSE)

Jornal GGN – Em 24h, o Brasil teve um aumento de 141 mortes por coronavírus. De acordo com os dados atualizados divulgados pelo Ministério da Saúde, até a data de hoje o país registra 941 mortes e 17.857 casos confirmados oficialmente.

O que significa um aumento de quase 2 mil casos novos em apenas um dia, em comparação aos números de ontem (08). Assim, a curva de contágio no Brasil vai subindo de maneira vertiginosa, com uma taxa de letalidade, o cálculo que se faz entre os números de vítimas fatais pela quantidade de contagiados, de 5,3%.

O estado de São Paulo segue liderando o número de mortes, com 496, segundo dados oficiais, seguidos do Rio de Janeiro com 122, Pernambuco com 56, Ceará com 55, Amazonas com 40, Paraná com 22 mortes, Bahia com 19, Santa Catarina com 17, Minas Gerais com 15, Distrito Federal com 13, Maranhão e Rio Grande do Sul com 12, Rio Grande do Norte com 11, Pará, Goiás e Paraíba com 7, Piauí e Espírito Santo com 6, Sergipe com 4, Alagoas com 3, Acre, Amapá, Mata Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia com 2, e Roraima com 1 caso de morte.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Coronavírus: Documentos da Abin contrariam Bolsonaro

1 comentário

  1. Ou seja, amanhã ou depois estaremos com 20 mil casos e mais de mil mortos
    Taxas crescendo.
    Podendo acontecer uma explosão nos números, na hora que começarmos a ter condições de testar tanto os novos casos quanto os óbitos, sem origem testada ou necropsia/autópsia.
    Repetindo à exaustão: somos presididos” por um adolinquente que fica discutindo uma duvidosa aposta “cloroquinica” em vez de providenciar recursos federais de certeira eficácia, como leitos, testes, respiradores, máscaras, MÉDICOS e enfermeiros.
    Vejamos o caso de 2 países europeus importantes: Inglaterra (UK) e Alemanha:
    Inglaterra tem METADE dos casos da Alemanha.
    No entanto Alemanha não tem nem metade dos mortos quantitativamente.
    A taxa de letalidade da Alemanha é quase 1/5 da britânica.
    Será por uso de cloroquina?
    NÃO! CAPACIDADE do SISTEMA DE SAÙDE!
    Alemanha está entre os 4 melhores países do mundo em leitos per capita (Japão em 1o.e Coreia Sul em 2o.). Tem também a maior qtde. de “ventiladores”, atrás somente do Japão!
    Já UK está num lamentável 35o.lugar em leitos e uma fração da Alemanha em ‘ventiladores”.
    Sintomaticamente, A maior ‘potência”, USA, está em um vergonhoso 32o. lugar, embora com mais ventiladores.
    Obviamente estes números estão mudando aos milhares nestes meses (incluindo os EPI’s), mas mostram o “pré-paro” destes países para a crise e explicam bastante a enorme diferença entre 2 países semelhantes.
    Enquanto isso, dentre 184 países em pandemia, a grande discussão aqui é a … cloroquina..

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome