Coronavírus: França inicia flexibilização gradual das restrições de bloqueio

A progressão de uma fase para a próxima dependerá das taxas de transmissão do coronavírus permanecerem em uma trajetória descendente

Jornal GGN – O presidente francês Emmanuel Macron anunciou o início de uma flexibilização gradual das restrições de bloqueio. A progressão de uma fase para a próxima dependerá das taxas de transmissão do coronavírus permanecerem em uma trajetória descendente, disse ele.

Eis os detalhes do plano:

Primeira fase – a partir de 28 de novembro

O bloqueio permanecerá em vigor, mas as pessoas poderão se exercitar ao ar livre por três horas por dia, contra uma hora no momento, e dentro de um raio de 20 km de suas casas, contra o raio de 1 km permitido agora.

Lojas que vendem produtos não essenciais, como roupas, sapatos e brinquedos, poderão reabrir

Os serviços religiosos internos serão reiniciados, mas o número de fiéis será limitado a 30 pessoas.

Fase dois – a partir de 15 de dezembro

O bloqueio será levantado

Haverá um toque de recolher entre 21h e 7h diariamente

Cinemas e teatros poderão reabrir

Fase três – a partir de 20 de janeiro

Bares, restaurantes e cafés podem reabrir

As universidades podem retomar o ensino presencial

As academias podem reabrir.

Com informações do The Guardian.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  CoronaVac tem eficácia global de 50,38%, anuncia Butantan

1 comentário

  1. Aqui no RJ, com taxa de transmissão de 1,30, nosso governador substituto anuncia aumento de leitos aqui e ali, mas descarta restrições.
    Provavelmente nosso gov substituto tá com medo de bozo enviar a pf ameaçando inclusive sua (do gov) esposa.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome