“Mais uma que Jair Bolsonaro ganha”, diz presidente sobre suspensão da CoronaVac

"Morte, invalidez, anomalia. Esta é a vacina que o Dória queria obrigar a todos os paulistanos tomá-la. Mais uma que Jair Bolsonaro ganha"

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Jornal GGN – O presidente Jair Bolsonaro comemorou que a Anvisa suspendeu a vacina chinesa CoronaVac e disse que a notícia é “mais uma” que ele “ganha”.

A declaração foi dada em uma publicação em suas redes sociais, em que ele comenta a pergunta de um usuário do Twitter, que havia questionado que “se a ciência disser que o Coronavac é seguro e vai imunizar a população, o Brasil também vai comprar e produzir a vacina?”.

“Morte, invalidez, anomalia. Esta é a vacina que o Dória queria obrigar a todos os paulistanos tomá-la. O Presidente disse que a vacina jamais poderia ser obrigatória. Mais uma que Jair Bolsonaro ganha”, foi a resposta publicada pela conta do presidente brasileiro.

Nesta terça (10), a Anvisa afirmou em coletiva de imprensa que não havia sido informada sobre o suicídio ser a causa da morte do voluntário que usou a vacina. Ainda assim, suspendeu a produção pelo Instituto Butantan, em parceria com a farmacêutica chinesa.

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora