Mandetta diz esperar que agora Bolsonaro “faça as reflexões necessárias”

"A gente torce pela recuperação pronta, pelo restabelecimento da saúde, e que ele tenha sintomas leves, mas, ao mesmo tempo, reflita"

Luiz Henrique Mandetta e Jair Bolsonaro (Foto: Isac Nóbrega/PR)

Jornal GGN – O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou que torce para a recuperação do presidente Jair Bolsonaro por Covid-19, mas espera “que faça as reflexões necessárias” sobre a pandemia no Brasil.

“A gente torce pela recuperação pronta, pelo restabelecimento da saúde. E a gente quer que ele tenha sintomas leves, atravesse isso de uma maneira bem tranquila — mas, ao mesmo tempo, reflita em todas as pessoas que não têm todo o acesso, a ressonância magnética no primeiro dia, médico privado, reserva de leito de CTI”, afirmou, em entrevista à Globonews.

“A taxa de ocupação de CTI em Brasília parece que se aproxima perigosamente da lotação. Enfim, que faça as reflexões necessárias para que a gente possa prevenir outros casos”, continuou.

Questionado como o ex-ministro enxergava o contágio do presidente, Mandetta respondeu que via “com o mesmo grau de preocupação que a gente vê dos milhares de brasileiros que terão seu diagnóstico hoje, mais uma confirmação de que a doença está com circulação extremante ativa”.

“Acho que o Distrito Federal, aí em Brasília, quem estava se expondo muito tem alta chance de contrair, porque (o vírus) está com alta circulação”, seguiu.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Bolsonaro diz que ‘não dá’ para manter auxílio emergencial por muito tempo

1 comentário

  1. Mandetta conviveu tempo suficiente com bolsonaro pra saber que ele é espetaqueiro e inimigo da verdade. Se ele acreditou que o bozo está doente de covid, em breve terá que rever os seus conceitos. Bozo é doente da cabeça.
    Ele precisava é de um motivo para abrir a boca.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome