Mansueto, secretário do Tesouro Nacional, pediu demissão, diz CNN

O futuro ex-secretário já havia manifestado intenção de deixar o governo desde o ano passado.

O secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, durante entrevista coletiva para comentar o Resultado Primário do Governo Central de janeiro.

Jornal GGN – Mansueto Almeida, secretário do Tesouro Nacional, deve deixar o governo Bolsonaro em breve. O CNN apurou o fato com fonte da equipe econômica. Segundo a fonte, Mansueto pediu demissão a Paulo Guedes três semanas atrás e avisou que deverá ir para a iniciativa privada.

O futuro ex-secretário já havia manifestado intenção de deixar o governo desde o ano passado. Em dezembro, Guedes chegou a anunciar que o colocaria para comandar o futuro Conselho Fiscal da República, que iria ser criado, após a aprovação de um novo pacto federativo pelo Congresso.

A pandemia jogou a discussão do pacto federativo para a frente e Mansueto decidiu deixar o governo. Segundo fontes do Ministério da Economia, o secretário pediu celeridade para deixar o cargo, pois terá que cumprir quarentena antes de assumir um cargo na iniciativa privada.

Segundo apurou a CNN, Guedes deve assinar a exoneração de Mansueto nos próximos dias. O chefe da equipe econômica já estaria, inclusive, examinando nomes dos possíveis substitutos.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora