A “Retrospectiva do Futuro”: para não restar dúvidas do retrocesso em marcha

Enviado por Almeida

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A suspeitíssima operação da Polícia Federal na Saúde, por Raquel Torres

5 comentários

  1. Muito capacitados!

    Segundo nosso representante em Davos, este é o primeiro governo a ter um ministério capacitado.Não explicou capacitado para quê. Certamente não para fazer textos ou ensiná-lo a apresentá-los. 

    Quanto ao ministério, a cultura histórica do chefe e sua equipe certamente aboliu José Bonifácio, ministro do primeiro governo independente, os diversos ministérios de Pedro II, e as equipes de Getúlio, Juscelino e Lula. Mesmo no regime de 64 havia ministros competentes e eficientes na montagem da modernização conservadora. Nas ditaduras, para o bem e para o mal. Francisco Campos era muitíssimo mais competente em apoiar o direitismo do governo que o pavão Moro.

    Mas certamente nenhum ministério ou governante se arvorou o poder e o direito de mudar totalmente o sentido das palavras.

  2. Compreendo agora porque o

    Compreendo agora porque o novo diretor do SISU, que cuida das provas do Enem, declarou ao Mau Dia Brasil desta sexta-feira que as escolas brasileiras agora irão formar “cidadões” íntegros. Foi em solidariedade ao chefe (dele).

  3. o cara inverte o sentido do

    o cara inverte o sentido do tempo e ainda o chamam de asno…

    – no bozó não vai nada, cara? respeitem a inteligencia alheia….

    o retrocesso do futuro promete muito

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome