Deus acima de todos?, por Janderson Lacerda

Pode ser que o Deus proferido por Bolsonaro seja Zeus, o deus dos deuses! Pensando bem: é pouco provável, também, já que Zeus era muito mais divertido – com todo respeito!

Deus acima de todos?

por Janderson Lacerda

O slogan adotado pelo presidente Jair Messias Bolsonaro, “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos” parece não fazer sentido quando nos deparamos com o Capitão batendo continência à bandeira dos Estados Unidos da América. Mas, e Deus? Qual Deus está acima de todos? Ou melhor: a qual Deus o presidente e seus seguidores se referem?

Será o Deus dos Cristãos? Talvez não, pois o princípio do cristianismo é amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo. Não me sinto amado por alguém que nega a pandemia de coronavírus e zomba dos mortos que sequer foram velados por seus familiares.

Será então o Deus do Islamismo? Impossível! Isto porque um dos fundamentos do Islã é a caridade. Ou seja, doar aos mais necessitados. Mas, o que vivenciamos no Brasil é o oposto disso, afinal o governo retira dos mais pobres para dar aos mais ricos. Redução de salários para, supostamente, manter empregos tudo bem! Mas e taxar as grandes fortunas? Ah, isso é um pecado capital!

Pode ser que o Deus proferido por Bolsonaro seja Zeus, o deus dos deuses! Pensando bem: é pouco provável, também, já que Zeus era muito mais divertido – com todo respeito! Além disso, o deus dos deuses era apreciador da lei, da ordem e da justiça.

Na verdade, o Deus que está acima de todos no governo do Capitão presidente é o Mercado! O Mercado é a entidade que deve ser cultuada e a quem o governo deve servir! Bolsonaro é, literalmente, o Messias e tem Paulo Guedes como discípulo e propagador das “Boas Novas”, além do gado – de corte – que marcha em pastos de capim-colonião a espera da morte e sem direito a vida eterna.

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome