Israel atinge Gaza com novos ataques aéreos e bombardeios: são 119 mortos

Centenas de famílias palestinas se abrigaram em escolas administradas pela ONU no norte de Gaza para escapar do fogo da artilharia israelense, após a noite considerada a ‘mais violenta’ na Faixa de Gaza.

Mahmud Hams - AFP

Jornal GGN – O número de mortos em Gaza sobe para 119 e Israel ameaça com ataque terrestre, acumulando tanques e tropas perto do território sitiado. Os bombardeios continuam na Faixa de Gaza. São 31 crianças mortas nesta lista de vítimas, e mais de 830 feridos desde o início das hostilidades na segunda-feira.

Centenas de famílias palestinas se abrigaram em escolas administradas pela ONU no norte de Gaza para escapar do fogo da artilharia israelense, após a noite considerada a ‘mais violenta’ na Faixa de Gaza.

Apesar dos apelos internacionais para o fim imediato de todas as hostilidades, incluindo do chefe das Nações Unidas, Antonio Guterres, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, prometeu que a ofensiva continuará “conforme necessário para restaurar a calma no estado de Israel”.

O Hamas disparou outra enxurrada de foguetes contra Israel, atingindo a cidade de Ashkelon na madrugada de sexta-feira.

Pelo menos seis israelenses e um cidadão indiano também foram mortos. O Exército israelense disse que centenas de foguetes foram disparados de Gaza para vários locais em Israel e acrescentaram reforços perto das terras do leste do território.

Enquanto isso, a violência está se formando entre colonos israelenses e cidadãos palestinos na Cisjordânia, bem como em Israel. Em outra escalada potencial, pelo menos três foguetes foram disparados do sul do Líbano em direção a Israel.

Com informações da Al Jazeera

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Vemos os endinheirados, ignorantes de direita (Israel) humilhar os palestinos lamentável e todo ocidente silencioso vemos que na direita sempre são covardes e humilham as classes mais fracas acorda povo brasileiro.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome