“Um funcionário substituível para vocês, mas para mim não”, protesta mulher de trabalhador desaparecido

O protesto foi registrado pelas câmeras de TV: “Se o meu marido não tem valor pra vocês, tem pra mim (…) Ele é um simples funcionário de vocês, substituível, mas pra mim não é.” 
 
Imagem/Reprodução
 
Jornal GGN – O drama de uma mulher para saber notícias do seu marido, trabalhador da Vale S.A, desaparecido desde sexta-feira (25), após o rompimento da barragem B1 do complexo Mina Corrégo de Feijão. 
 
“É meu esposo! Eu quero ele dentro da minha casa, assim como ele saiu de lá!”, exigiu a dona de casa. As imagens foram captadas pela TV Band. Ela se dirige para a Vale e as operadoras que atuavam em Brumadinho, aproveitando o acesso que teve às câmeras para nos fazer vislumbrar a sua dor. 
 
 
“Se o meu marido não tem valor pra vocês, tem pra mim. Ele é meu esposo, pai da minha filha, filho da minha sogra! Ele é um simples funcionário de vocês, substituível, mas pra mim não é.”  Veja a seguir o vídeo na íntegra:
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  25 anos do Massacre de Corumbiara (RO), por Josep Iborra Plans

4 comentários

  1. BRUMADINHO

    O Brasil está se tornando um imenso, infinito Brumadinho, a população sendo tragada pela lama da roubalheira, das milícias, do salário míinimo que vai ser reajustado pela inflação, pelas casas legislativas nababescas….

  2. Um Pais Chamado Brumado

    Nassif: a indignação fica maior quando, diante de tamanha tragédia, o governo daBala faz propaganda políticasocial. Não tem respeito nem pela tragédia das pessoas. É o caso do alarde que está fazendo da chegada dos NaziSionistas, que estão ocupando o noticiário, para comunicar o desembarque de toneladas de material (sabe lá Deus prá quê) e mais de 100 soldados especializados e massacres de palestino. Já estão em MG. Os daEstrelaAmarela de SP, RJ e MG dizem estudam mandar alguns trocados. Como não dão ponto sem nó, acho que pagaremos caro, além da mudança da Capital, por essa “vaquinha”. Penso até que as despesas do passeio dos milicos, inclusive combustível do avião, sairão da conta da Petrobras. É bom ficar de olho, se isto não for “sigilo de Estado”, como determinarou os VerdeSauvas. Como já dito, parece que Brumado é mostra ensaiada do destino do Pais.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome