MP dos Portos é aprovada na Câmara e segue para o Senado

MP dos Portos é aprovada na Câmara e segue para o Senado

Da Redação GGN

Em sessão reiniciada às 7h, depois de 19 horas de funcionamento ininterrupto da sessão anterior, seguidas de três horas de paralisação por falta de quórum, o plenário da Câmara aprovou às 9h40 a Medida Provisória dos Portos (MP 595/12).

Durante a madrugada, a bancada governista conseguiu votar todos os pedidos de destaque ao texto principal da MP, que é o relatório da Comissão Mista apresentado pelo relator, o senador Eduardo Braga (PMDB-AM). O que está foi aprovado nesta última votação foi o próprio relatório.

O prazo final para a votação da nova lei dos portos no Senado é hoje. A partir da meia noite desta quinta-feira (16) vence o prazo de validade da medida provisória. Se o Senado não conseguir concluir a votação nesse prazo, encerra-se a discussão da matéria no Congresso e voltam a valer as regras antigas. Por isso os parlamentares que se opõem à matéria jogaram todos os esforços na obstrução da sessão da Câmara: bastava que não jogassem a bola para ganhar o jogo. O trabalho de obstrução teve como principal executor Eduardo Cunha, o líder do PMDB na Câmara, maior partido da base aliada do governo.

O Senado já tem uma sessão marcada para as 11 horas, com a promessa de que não haverá, naquela casa, dissidências tão grandes dentro da base aliada para concluir a votação.

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador