O déficit recorde em conta corrente

Da Agência Brasil

BC prevê déficit recorde em conta-corrente de US$ 60 bilhões em 2011

Kelly Oliveira/Repórter da Agência Brasil, 11:06-21/09/2010

Brasília – A projeção do Banco Central (BC) para o déficit de conta-corrente, registro das transações de compra e venda de mercadorias e serviços com o exterior, permaneceu em US$ 49 bilhões este ano. Para 2011, a expectativa do BC é de déficit recorde de US$ 60 bilhões.

De janeiro a agosto deste ano, o déficit em transações correntes está em US$ 31,122 bilhões, contra US$ 9,609 bilhões registrados em igual período de 2009.

O BC também alterou a estimativa para o superávit comercial, que subiu de US$ 13 bilhões para US$ 15 bilhões. A instituição aumentou a projeção para as exportações de US$ 185 bilhões para US$ 192 bilhões. No caso das importações, a estimativa subiu de US$ 172 bilhões para US$ 177 bilhões.
Para 2011, a previsão para o superávit comercial ficou em US$ 11 bilhões, com exportações de US$ 230 bilhões e importações de US$ 219 bilhões.

Para o déficit na conta de serviços e renda (remessas de lucros e dividendos, pagamentos de juros, viagens internacionais e outros), a estimativa subiu de US$ 65,5 bilhões para US$ 67,5 bilhões. A projeção referente a remessas de lucros e dividendos permaneceu em US$ 32 bilhões para este ano e para 2011 é de US$ 36 bilhões.

No caso da conta de viagens internacionais, o saldo (de gastos de brasileiros no exterior e receitas de estrangeiros no Brasil) deve ficar negativo em US$ 10 bilhões este ano, contra US$ 8 bilhões previstos anteriormente. Para 2011, a estimativa para essa conta é de US$ 11,5 bilhões.

Leia também:  Corte de verbas do MEC pode afetar 175 mil alunos

Edição: Juliana Andrade 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome