O prejuízo causado pelo desemprego na Europa

Por Marco Antonio L.

Do Opera Mundi

Desemprego de jovens custa mais de R$ 400 bilhões por ano à União Europeia

Mais de 14 milhões de europeus com 15 a 29 anos também não estudam, diz pesquisa

Vitor Sion

O desemprego de 14 milhões de pessoas entre 15 e 29 anos causa um prejuízo de R$ 404,6 bilhões (153 bilhões de euros) por ano à União Europeia. A informação é da Eurofound, agência de pesquisas do bloco.

Além do falta de emprego, o estudo concluiu que esses europeus também não estudam, o que representa o risco de serem parte de uma “geração perdida”.

Bulgária, Itália, Irlanda e Espanha são os países que apresentam a maior parcela de jovens nessa situação, com índices acima de 21%. A taxa mais baia é encontrada na Holanda, onde apenas 5,5% das pessoas entre 15 e 29 anos não estudam e estão desempregadas.O relatório com os dados do estudo alerta que os riscos de uma geração perdida não são apenas econômicos, pois pode levar também à alienação política.

Em entrevista ao Guardian, o chefe da OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico) para a análise de políticas de emprego, Stefano Scarpetta, afirmou que “a Europa está falhando em seu contrato de bem-estar social”.

“Não estamos dando opção nem oportunidade para quem investiu em seu capital humano. Se isso não mudar, as tensões políticas e sociais devem crescer em breve”, disse Scarpetta. O estudo será apresentado na íntegra nesta segunda-feira durante uma reunião da União Europeia no Chipre.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome