Ao César negro seu legado infame na Líbia, por Fábio de Oliveira Ribeiro

Ao César negro seu legado infame na Líbia

por Fábio de Oliveira Ribeiro

O renascimento da escravidão na Líbia é um dos fatos mais grotescos de que se teve notícia desde a explosão da Bomba Atômica em Hiroshima e das carnificinas praticadas pelo US Army na Coréia do Norte e no Vietnã. Ninguém em sã consciência pode deixar de aponta o dedo para os EUA e dizer: eu acuso.

Este será sem dúvida o legado mais infame da administração do sorridente Barack Obama, o presidente negro cuja Secretária de Estado instigou a França a intervir militarmente na Líbia.

O resultado aí está: o ressurgimento da escravidão, que alimenta a esperança dos racistas europeus, norte-americanos e brasileiros de poder fazer o mesmo na Europa, nos EUA e no Brasil. 

Hillary Clinton, política que sempre se apoiou em eleitores norte-americanos negros e comemorou a morte de Kadafi diante das câmeras de TV, também merece as honras deste feito.

https://www.youtube.com/watch?v=Fgcd1ghag5Y]

A Líbia não era um paraíso sob o comando de Kadafi. Todavia, ninguém pode negar a verdade factual: quando ele governava aquele país os negros líbios não eram tratados de maneira tão brutal, desumana, vil, racista e monstruosa quanto eles tem sido tratados após a vitória da democracia norte-americana naquele país. A

Onde estão os negros norte-americanos ricos e influentes neste momento? Protestando nas ruas contra a escravização de seus irmãos africanos ou sentados confortavelmente em suas casas assistindo os filmes em que o racismo é derrotado pelo “American way of life”? Onde está Morgan Freeman, príncipe dos atores negros norte-americanos que atacou a Rússia e defendeu a superioridade moral dos EUA?

[video:https://www.youtube.com/watch?v=V2av__s-598

Não se enganem meus caros, o Tio Sam não vai assumir a culpa pelo resultado de suas ações na Líbia. Muito pelo contrário, em dois ou três anos o mercado será inundado por filmes “made in USA” retratando a saga dos heróis norte-americanos que correm risco de vida para salvar negros líbios escravizados. 

Nenhuma novidade. A única coisa que o império racista dos olhos azuis consegue produzir é desgraças inenarráveis e filmes para convencer os norte-americanos de que a América sempre faz o oposto do que realmente fez. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

34 comentários

  1. Estamos horrorizados?
    O

    Estamos horrorizados?

    O Brasil foi o maior importador de escravos e último a libertá-los!

    Por isso somos a nação com maior números de negros fora da áfrica!

    O sadismo que ocorreu aqui faz com que estas imagens sejam como contos de fadas!

    Hoje ainda queremos “acabar” com direitos trabalhistas, previdenciários!

  2. Entendo sua revolta

    Caro Fábio, entendo sua revolta e de forma alguma podemos reduzir os erros e desatinos cometidos por Obama.

    Porém, para o grau de sofisticação de análise política que costumamos adotar (ou ao menos tentamos) aqui no blog do Nassif, é preciso apontar que a culpada é Hillary Clinton, não Barack Obama, pois está mais do que claro que no seu primeiro mandato, Clinton teve total autonomia (que provavelmente nenhum outro Secretário de Estado teve até onde vai meu parco conhecimento) para gerir sua pasta.

      • Lula/Dilma nomearam (INSIRA AQUI UM PEMEDEBISTA), portanto…

        Veja que dessa forma descemos o debate para o nível de caixa de comentários de portal.

        Obama teve que nomear Clinton da mesma forma que Lula/Dilma tiveram que nomear um sem fim de membros do PMDB em seus gabinetes.

        Não se iluda, lá é exatamente como aqui.

        • Veja a  que nível chegamos. O

          Veja a  que nível chegamos. O cara diz que lá nos EUA é igual aqui no Brasil como se nós brasileiros tivéssemos derrubado um governo gringo. 

          • Caro Fábio

            Estou tentando enriquecer o debate com um ponto de vista diferente e você está me tratando quase com deselegância.

    • .. vítima ou algoz..

      .. é, aí fica difícil dizer até que ponto Obama é vítima do “estado profundo” (do qual Hillary é legítima representante), a exemplo do que acontece neste momento com o Trump.. eu não gosto Trump, mas pelo menos ele eu vejo espernear.. já o Obama me pareceu tranquilão jogando bomba na cabeça da galera.. ganhou até um nobel da paz.. na boa..

      • Jogar pra galera ou agir

        Mas então, a função dele era jogar pra galera ou fazer acontecer?

        Perceba que no segundo mandato, sem Clinton, o nível de violência caiu muito e até o acordo com o Irã saiu.

        Houve inúmeros ataques com drones? Sim, terríveis! Mas compare com o ataque militar tradicional pra ver como – na lógica maldita da violência imperial – foi um mal menor. É só ver o Iemen sob os ataques de drones dos EUA de Obama vs o Iemen sob ataques de guerra convencional da Arábia Saudita do príncipe golpista.

        Tudo isso não significa que eu veja Obama como um anjinho. O golpe no Brasil eu credito todinho na conta dele.

  3. Pode colocar na conta do

    Pode colocar na conta do Sarkozy e do Cameron também. A primeira vez que tive noticia dessa aberração foi no inicio deste ano através da corajosa reportagem fotografica de um fotografo mexicano, que conseguiu entrar na Libia e se introduzir nos locais onde muitos africanos estão presos à espera de serem vendidos, como escravos. O que me mais chamou atenção à época é que apesar das denuncias fartas em fotos do fotografo mexicano, a imprensa, em geral, calou-se. So agora, depois da reportagem da tevê americana é que toda a grande imprensa, oh que surpresa, fala no assunto.

    • Bem lembrado.

      Bem lembrado. Todavia, Sarkozy e do Cameron eram apenas cachorrinhos de estimação a serviço do império gringo dos olhos azuis. Sarkozy, aliás, ficou sem bombas e combustível de aviação e teve que ser abastecido pelo patrão gringo. 

  4. Big Data Brother, 34 Anos Depois

    Tem o fato e a versão.

    O fato não tem dono, apenas responsáveis e participantes, com o dono da versão decidindo se haverá e como, divulgação.

    A versão tem dono que pode transformar o fato em pós-verdade e desinformação, para divulgação.

    Se há escravos braçais como dantes, pior são os escravos da desinformação como nunca antes, revelados. 

    Quem diria, o grande irmão está sobre nós.

    O que fazer?

    PS: O autor do texto é o exemplo vivo e recente desse “novo tempo de escravidão”, controlada por grilhões imateriais. 

        • Você está traficando algo

          Você está traficando algo muito pior: o veneno que produz ópio no Afeganistão, escravos na Líbia e revogação de direitos no Brasil. Suponho que você tem sido bem remunerado pelo seu patrão gringo.

    • Qual fato ou versão lhe agrada mais?

      És do MBL? Um fascistinha qualquer? Bem, não interessa, vou te perguntar: Você acha a escravidão mental mais desumana que expropriação(escravidão) do corpo? Consegues, minimamente, hierarquizá-las? A qual delas já te submeteste e, por isso, pode mensurá-las?

  5. Quem deveria ser julgado é a OTAN.

    É importante destacar que dentro da permanente intervenção europeia derrubando presidentes indigestos às forças imperialista o caso da OTAN derrubando Kadafi foi mais um.

    A agricultura africana é morta através da introdução não só de produtos subsidiados europeus como da introdução de amplas plantations para satisfazer o mercado internacional, e esta morte cria vagas de africanos que tentam entrar na Europa.

    As imagens da tal reportagem foram feitas a mais se seis meses, porém estão sendo lançadas somente agora. A pergunta é, por que?

    • A OTAN é um inseto gringo

      A OTAN é um inseto gringo alimentado há décadas na Europa. Os europeus coitados não conseguem mais se livrar daquela praga.

  6. Racismo

    Amigos,

    Pra minimizar o racismo só atitudes políticas pragmáticas e inteligentes!

    Tenho defendido uma política de radicalização, não violenta, chamaria uma política de redução de danos, pois as discriminações nunca serão acabadas!

    Nesta semana da “CONSCIÊNCIA NEGRA”, estou convocando os negros e pardos a tomarem uma posição objetiva!

    A igualdade na política decisória de governo!

    Convido todos a entrarem nesta luta!

    Participem e divulguem.

    “A Consciência Negra está em saber a força da cor da pele!

    Da pele que acumula energia!

    Os negros e pardos são 78 milhões de eleitores, 55% do eleitorado, no Brasil!

    Negros, pensem nisto!

    Os negros têm que tomar um partido!

    Têm que escolher e votar em candidatos negros!

    Com isto transformarão o perfil do Congresso!

    Em todos os níveis, dos governantes!

    Tomem esta decisão, 2018 vem aí!

    Coragem, gente!

    Esta é a maior Consciência Negra!”

    • Como todo nóia de direita

      Como todo nóia de direita você prefere culpar as vítimas da interferência gringa a admitir que foram os gringos que fizeram mais está merda. Você recebe mesada em dólar para lustra as botas do Tio Sam?

  7. Ensaio sobre a Bestialidade Humana

    Elas derrubam e envenenam plantas e árvores, maltratam e assassinam animais doceis e indefesos, lesam, roubam, se apropriam do que não lhes pertence, têm “orgasmos múltiplos” diante de dinheiro fácil, carros novos, bens materiais e tudo o que lhes traga status e preencha seu vazio existencial.

    Elas conjugam o verbo “Ter”, não o verbo “Ser”.

    “Compro, logo, existo…”

    E não se importam nem um pouco se para conseguir essas futilidades mundanas e passageiras tenham que pisotear quem estiver pela frente, formar quadrilha e passar a ser membro do mundo do crime.

    A estupidez humana é mesmo infinita.

    http://serpsicopata.blogspot.com.br/2013/02/ensaio-sobre-bestialidade-humana.html 

  8. Faltou acrescentar

    Mais vítimas recentes do toque de Midas ao contrário dos EUA – tudo o que tocam, sempre ajudados pela Europa, vira merda:

    – Síria (via ISIS, sócios dos americanos)

    – Iraque (Bush pai e Bush filho, apoiados na mentira das armas químicas)

    – Ucrânia (promovendo um governo abertamente fascista)

    – Brasil (via Moro e PGR, MBLs da vida e outras ONGs, Globo, banca, evangélicos)

  9. O FATO é que a Líbia foi

    O FATO é que a Líbia foi destruída sob o comando do país que ostenta a “estátua da liberdade”. . Toda a tragédia subsequente entra sim, na conta do império norte americano e na dos antigos impérios da Europa. Os fatos e as “versões” estão manchados de sangue. 

  10. Itália e união européia  –

    Itália e união européia  – mani pulite de pilatos.

    Brasil  e eua    –     pilatos lavando a jato.

    LatimInglêsGrego—————Detectar idiomaAfricânerAlbanêsAlemãoAmáricoÁrabeArmênioAzerbaijanoBascoBengaliBielorrussoBirmanêsBósnioBúlgaroCanarêsCatalãoCazaqueCebuanoChinês (simplificado)Chinês (tradicional)CingalêsCoreanoCórsicoCroataCurdoDinamarquêsEslovacoEslovenoEspanholEsperantoEstonianoFilipinoFinlandêsFrancêsFrísio ocidentalGaélico escocêsGalegoGalêsGeorgianoGregoGuzerateHaitianoHauçáHavaianoHebraicoHíndiHmongHolandêsHúngaroIboIídicheIndonésioInglêsIorubáIrlandêsIslandêsItalianoJaponêsJavanêsKhmerLaosianoLatimLetãoLituanoLuxemburguêsMacedônioMalaialaMalaioMalgaxeMaltêsMaoriMarataMongolNepaliNianjaNorueguêsPanjabiPashtoPersaPolonêsPortuguêsQuirguizRomenoRussoSamoanoSérvioShonaSindiSomaliSoto do sulSuaíliSuecoSundanêsTailandêsTajiqueTâmilTchecoTeluguTurcoUcranianoUrduUsbequeVietnamitaXosaZuluPortuguês 
    mani pulite
    LatimInglêsGrego—————Detectar idiomaAfricânerAlbanêsAlemãoAmáricoÁrabeArmênioAzerbaijanoBascoBengaliBielorrussoBirmanêsBósnioBúlgaroCanarêsCatalãoCazaqueCebuanoChinês (simplificado)Chinês (tradicional)CingalêsCoreanoCórsicoCroataCurdoDinamarquêsEslovacoEslovenoEspanholEsperantoEstonianoFilipinoFinlandêsFrancêsFrísio ocidentalGaélico escocêsGalegoGalêsGeorgianoGregoGuzerateHaitianoHauçáHavaianoHebraicoHíndiHmongHolandêsHúngaroIboIídicheIndonésioInglêsIorubáIrlandêsIslandêsItalianoJaponêsJavanêsKhmerLaosianoLatimLetãoLituanoLuxemburguêsMacedônioMalaialaMalaioMalgaxeMaltêsMaoriMarataMongolNepaliNianjaNorueguêsPanjabiPashtoPersaPolonêsPortuguêsQuirguizRomenoRussoSamoanoSérvioShonaSindiSomaliSoto do sulSuaíliSuecoSundanêsTailandêsTajiqueTâmilTchecoTeluguTurcoUcranianoUrduUsbequeVietnamitaXosaZuluPortuguês 
    mani pulitemani
    LatimInglêsGrego—————Detectar idiomaAfricânerAlbanêsAlemãoAmáricoÁrabeArmênioAzerbaijanoBascoBengaliBielorrussoBirmanêsBósnioBúlgaroCanarêsCatalãoCazaqueCebuanoChinês (simplificado)Chinês (tradicional)CingalêsCoreanoCórsicoCroataCurdoDinamarquêsEslovacoEslovenoEspanholEsperantoEstonianoFilipinoFinlandêsFrancêsFrísio ocidentalGaélico escocêsGalegoGalêsGeorgianoGregoGuzerateHaitianoHauçáHavaianoHebraicoHíndiHmongHolandêsHúngaroIboIídicheIndonésioInglêsIorubáIrlandêsIslandêsItalianoJaponêsJavanêsKhmerLaosianoLatimLetãoLituanoLuxemburguêsMacedônioMalaialaMalaioMalgaxeMaltêsMaoriMarataMongolNepaliNianjaNorueguêsPanjabiPashtoPersaPolonêsPortuguêsQuirguizRomenoRussoSamoanoSérvioShonaSindiSomaliSoto do sulSuaíliSuecoSundanêsTailandêsTajiqueTâmilTchecoTeluguTurcoUcranianoUrduUsbequeVietnamitaXosaZuluPortuguês 
    mani pulite
    LatimInglêsGrego—————Detectar idiomaAfricânerAlbanêsAlemãoAmáricoÁrabeArmênioAzerbaijanoBascoBengaliBielorrussoBirmanêsBósnioBúlgaroCanarêsCatalãoCazaqueCebuanoChinês (simplificado)Chinês (tradicional)CingalêsCoreanoCórsicoCroataCurdoDinamarquêsEslovacoEslovenoEspanholEsperantoEstonianoFilipinoFinlandêsFrancêsFrísio ocidentalGaélico escocêsGalegoGalêsGeorgianoGregoGuzerateHaitianoHauçáHavaianoHebraicoHíndiHmongHolandêsHúngaroIboIídicheIndonésioInglêsIorubáIrlandêsIslandêsItalianoJaponêsJavanêsKhmerLaosianoLatimLetãoLituanoLuxemburguêsMacedônioMalaialaMalaioMalgaxeMaltêsMaoriMarataMongolNepaliNianjaNorueguêsPanjabiPashtoPersaPolonêsPortuguêsQuirguizRomenoRussoSamoanoSérvioShonaSindiSomaliSoto do sulSuaíliSuecoSundanêsTailandêsTajiqueTâmilTchecoTeluguTurcoUcranianoUrduUsbequeVietnamitaXosaZuluPortuguês 
    mani pulite
    LatimInglêsGrego—————Detectar idiomaAfricânerAlbanêsAlemãoAmáricoÁrabeArmênioAzerbaijanoBascoBengaliBielorrussoBirmanêsBósnioBúlgaroCanarêsCatalãoCazaqueCebuanoChinês (simplificado)Chinês (tradicional)CingalêsCoreanoCórsicoCroataCurdoDinamarquêsEslovacoEslovenoEspanholEsperantoEstonianoFilipinoFinlandêsFrancêsFrísio ocidentalGaélico escocêsGalegoGalêsGeorgianoGregoGuzerateHaitianoHauçáHavaianoHebraicoHíndiHmongHolandêsHúngaroIboIídicheIndonésioInglêsIorubáIrlandêsIslandêsItalianoJaponêsJavanêsKhmerLaosianoLatimLetãoLituanoLuxemburguêsMacedônioMalaialaMalaioMalgaxeMaltêsMaoriMarataMongolNepaliNianjaNorueguêsPanjabiPashtoPersaPolonêsPortuguêsQuirguizRomenoRussoSamoanoSérvioShonaSindiSomaliSoto do sulSuaíliSuecoSundanêsTailandêsTajiqueTâmilTchecoTeluguTurcoUcranianoUrduUsbequeVietnamitaXosaZuluPortuguês 
    mani pulite

     

  11. A luta contra escravidão não

    A luta contra escravidão não autoriza a utilização de fotos falsas. Os 3 homens pendurados de cabeça para baixo são ladrões que foram pegos roubando, de acordo com o site nigeriano Tori.Uma das muitas fotos mostrando o aglomerado de homens pertence, na verdade, a uma denúncia das péssimas condições das prisões de Senegal, de acordo com postagem do Vipeoplesem 2014. Este é um site de jornalismo e opinião, o cuidado com a verdade é obrigação.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome