Facebook ajuda Brasil na inclusão digital, enquanto Folha destaca barreiras ao plano

https://www.youtube.com/watch?v=KS36K49EUfs width:700 height:394]

Jornal GGN – A presidenta Dilma Rousseff anunciou nesta sexta-feira (10) uma parceria com a rede social Facebook para levar a internet a populações pobres ou em áreas isoladas a fim de facilitar o acesso digital a serviços sociais, como educação e saúde. O anúncio foi feito durante a VII Cúpula das Américas, no Panamá, na presença de Mark Zuckerberg.

“É muito importante essa parceria que nós, hoje, estamos encaminhando – significa basicamente garantir o acesso a serviços os mais variados via internet”, disse Dilma. A presidenta citou como modelo a ser seguido a parceria que já existe entre o Facebook e a Associação de Moradores de Heliópolis, uma comunidade da zona sul de São Paulo.

Os detalhes da parceria serão informados em junho, quando Zuckenberg virá ao Brasil. “Nós, a partir de agora, vamos fazer estudos em comum até que, quando chegar em junho, nós possamos desenhar um projeto comum cujo objetivo fundamental é a inclusão digital. Mas não é a inclusão digital pela inclusão digital. É a inclusão digital porque ela pode garantir acesso à educação, acesso à saúde, à cultura, à tecnologia. Enfim, olhar [essa rede social como um instrumento”, avaliou a presidenta.

Em Heliópolis, o Facebook instalou um laboratório com 15 computadores de última geração, com acesso à internet,  para oferecer cursos para empreendedores e usuários da plataforma. Apesar da comunidade ter 5 mil comerciantes, 80% deles não têm página na internet, nem sabem como usá-la para aumentar o volume de seus negócios. (Leia mais aqui).

No Facebook, o fundador da rede social escreveu que está ansioso com a nova parceria, e sugeriu que a atenção em Heliópolis – onde vivem 200 mil pessoas – deve aumentar. “Nós vamos entregar rápido wi-fi gratuito para todos nesta comunidade para que eles possam acessar serviços básicos de internet em seus celulares – incluindo serviços gratuitos em torno da saúde, emprego, educação e comunicação.”

Segundo Zuckenberg, a parceria seguirá esse mesmo modelo de oferecer o sinal de internet às populações mais carentes ou isoladas, e o governo brasileiro disponibilizaria os serviços sociais.

“Vocês sabem que nós temos áreas que são áreas de difícil acesso. A Amazônia toda, é uma. Tem áreas também no Centro-Oeste que esses problemas existem. Existem áreas no Nordeste. Enfim, todas as regiões no Brasil. Então, é muito importante essa parceria que nós, hoje, estamos encaminhando e que significa, basicamente, garantir o acesso à serviços, os mais variados, via internet”, acrescentou Dilma

Banda Larga Para Todos

A Folha de S. Paulo publicou neste domindo uma reportagem sinalizando que, “em meio ao ajuste fiscal”, Dilma quer cumprir uma promessa de campanha e lançar o Banda Larga Para Todos ainda esse semestre. Segundo apurou o jornal, o governo pretende investir R$ 50 bilhões para levar internet de alto nível (25 Mbps, conexão praticada pela Coréia do Sul) a 63 milhões de domicílios espalhados pelo Brasil.

O projeto seria uma PPP (parceria público-privada) e as teles entrariam, portanto, com R$ 35 bilhões em investimentos. Os outros R$ 15 bilhões seriam do Distel (Fundo de Fiscalização das Telecomunicações).

A Folha estacou que as teles enxergam dificuldades nesse plano – embora ele esteja em fase de desenvolvimento – pois teriam de aumentar os investimentos para oferecer conexão de 25 Mbps com rede de fibra ótica. A saída seria estabelecer a meta de atingir 10 Mbps e usar fios de cobre. 

O Plano Nacional de Banda Larga foi lançado em 2010 por Dilma. Segundo a Folha, o projeto do governo, àquela época, chegou “apenas” à casa de 2,6 milhões de pessoas. As teles atendem sozinhas 22 milhões de pessoas.

Não ficou claro se a parceria com o Facebook pode alterar as tratativas com as teles brasileiras em torno do Banda Larga Para Todos.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

13 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Zé Horacio Phipps

- 2015-04-12 02:51:50

BOA Mario...

....é exatamente isso..

(oxalá que continue e AUMENTE)

 

Roberto L.

- 2015-04-12 01:19:28

CB, isso é algo que ocorre
CB, isso é algo que ocorre por culpa da própria esquerda que fica em guetos, no conforto, "debatendo" entre si com medo do povo. Em 2014 fiz uma campanha por iniciativa própria chamando o povo a ir as Páginas de jornais, páginas políticas etc conseguir votos. Uma minoria foi atrás, a maioria ficou no mundinho alienado comendo brioches e trocando figurinhas. Há uma militância de direita, paga ou não (eu acho que uma parte é paga, pela intensidade e forma de se comunicar, o que tem opinião é diferente do robô que só repete e ataca a esmo) que já descobriu a pólvora e infesta as páginas pra fazer política etc (mesmo que de forma cretina na maioria das vezes), mas a esquerda (generalizando, não são todos, mas boa parte) só fica no seu mundinho colorido reproduzindo histeria, pânico e trocando figurinhas, com uma petulância fora do comum pois considero que pessoas que levam tudo o que a gente diz na brincadeira, é petulância misturada com ignorância também por nem tentar entender como funciona o meio de comunicação. E não adianta chamar muito a atenção deles (quem sabe alguém com mais peso, nome, consiga), se vc alerta eles relutam a agir porque adoram seguir "gurus" como em seita e não sou adepto de seitas, tampouco religioso. A direita nesse ponto não está errada, ela age politicamente, a esquerda é que está dormindo em berço explêndido por arrogância de alguns e peleguismo de outros (tem muito pelego).

Roberto L.

- 2015-04-12 01:12:34

A matéria foi mais sobre o
A matéria foi mais sobre o que a Falha quer que seja do que comentar o óbvio: o PIG será liquidado. Existe duas formas de derrota, a com dignidade e a sem, parece que o PIG vai pela segunda, mas não tem pra onde correr. O curioso é ver essa mídia venal endeusar os EUA por décadas e ser destruída pelo próprio Tio Sam. E mesmo sendo liquidada pelos EUA (os Estados Unidos já notaram que não precisam mais da Globo e cia pra fazer propaganda direta no país) a mídia continua na vassalagem ao Tio Sam. Falha, prepare-se, o futuro chegou e nele não tem espaço pra jornal que age como partido político e sim fazendo jornalismo.

Fabio SP

- 2015-04-11 23:40:20

Feissebuque já era... o

Feissebuque já era... o paragolê agora é o zap-zap!!!

anarquista sério

- 2015-04-11 22:09:47

Pela primera vez eu vi o

Pela primera vez eu vi o simpático desingonçado 

Mark Zuckerberg de terno e gravata.

 

    Que fique registrado.Porque essa vestimenta é rara.

José Robson

- 2015-04-11 17:00:00

***

Será que o povo do face vai dizer que isso é "bolsa-face"?

rdmaestri

- 2015-04-11 15:24:08

Há exatamente 39 anos conhecia algo semelhante com rádio!

A transmissão de sinais junto a rede elétrica é algo já conhecida há muito tempo, em 1976 trabalhei numa empresa que se ligava um rádio na rede geral, este transmitia para a linha e em cada tomada se colocava um receptor com um alto-falante e se ouvia o rádio.

Logo a transmissão de sinais via cabos de energia elétrica é anterior a própria Internet, logo não há nada de revolucionário no princípio, este tipo de transmissão se chama Broadband over power lines (BPL).

Já há inclusive normas internacioanis definindo padrões de transmissão de sinais, e tanto na Europa como nos USA já existe este serviço tanto para TV como para a Internet, agora porque não vai adiante no Brasil, não sei porque, provavelmente são os Lobbies das TVs e Telefônicas que dificultam.

 

Free Walker

- 2015-04-11 14:26:26

Esse é o democrata CB, ele

Esse é o democrata CB, ele que Internet grátis apenas para pessoas politizadas. É a sanha autoritária mostrando as garras.

 

alessandroduarte

- 2015-04-11 13:59:14

A propósito, o que aconteceu

A propósito, o que aconteceu com internet via rede elétrica?

 

[video:https://www.youtube.com/watch?v=8kJ_eNVGcYk]

alessandroduarte

- 2015-04-11 13:52:20

Essa notícia é denorex:

Essa notícia é denorex: parece boa, mas não é

CB

- 2015-04-11 11:47:08

E será preciso esclarecer que

E será preciso esclarecer que irá se beneficiar desta internet grátis sobre a quantidade de mentiras que os empregados digitais da direita espalham diariamente contra o governo e o PT, caso contrário teremos uma verdadeira rede globo digital manipulando gente despolitizada.

Fábio de Oliveira Ribeiro

- 2015-04-11 11:34:40

Here is Brazil, "mano"
Here is Brazil, "mano" Zuckerberg! So... do not use "NSA facebook backdoors" or other "bullshit NSA privacy" to fuck Brazilians. We like our privacy, we have laws to defend it. If do not fuck us you can enjoy Brazilian beachs and make money here.

Mário Mendonça

- 2015-04-11 11:32:04

Nassif A lei de meios começou

Nassif

A lei de meios começou faz tempo, pena que poucos perceberam.

Tai um dos motivos da raiva do PIG. (google, faceboock, twiter, netflix).

Já estamos quase pautando a grande mídia. Até 2018, ou ela se enquadra ou morre.

Viva Zé Dirceu, quando ousou mencionar as famosas frases:

- Massificação da informação

- Computador de $100.

Sua revolução começa a ser implementada.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador