Educação – E se fosse seu filho?

A Procuradora Regional da República, Eugênia Gonzaga, que tem um filho com Síndrome de Down, fala sobre os impactos desse decreto como instrumento de maior exclusão das crianças portadoras de deficiência.

de O Planeta Azul

Educação – E se fosse seu filho?

A inclusão de estudantes portadores de deficiência é um desafio que escolas, pais e as próprias crianças enfrentam diariamente. Além de espaço adequado e profissionais capacitados, é necessário levar em conta que esses estudantes têm direito à educação como qualquer outro. Agora, a polêmica está instalada. Um decreto presidencial institui a Política Nacional de Educação Especial (PNEE), que flexibiliza a obrigatoriedade da inclusão de crianças portadoras de deficiência nas escolas, o que pode gerar uma exclusão ainda maior dessa parcela infantil. Educadores dizem que a nova medida é um passo atrás nas conquistas que pautam a inclusão. A Procuradora Regional da República, Eugênia Gonzaga, que tem um filho com Síndrome de Down, fala sobre os impactos desse decreto como instrumento de maior exclusão das crianças portadoras de deficiência.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome