GGN

Carlinhos Bala e eu, por Rui Daher

Rui e Carlinhos Bala

Carlinhos Bala e eu, por Rui Daher

José Carlos da Silva nasceu em Recife, a 17 de setembro de 1979. Ficou conhecido por ser o fenomenal ponteiro e meia-atacante Carlinhos Bala.

Segundo Wikipédia, teve vários apelidos, alguns por ele mesmo criados: Ballack (famoso meia alemão), Rei de Pernambuco, Espoleta, Pistola, sempre precedidos de Carlinhos. O Bala foi o que perdurou.

Conheci-o, sábado passado, na final da Copa TV Grande Rio de Futsal (Globo), em Petrolina, Pernambuco.

Tem longa história no futebol brasileiro, sobretudo nos Nordeste e Norte. Começou, profissionalmente, em 1999, no Santa Cruz, e passou por duas vezes no MEU Náutico.

Entre 2002 e 2004, jogou no Beira-Mar, de Aveiro, Portugal. Penitencio-me por não ter mencionado que também de Aveiro era o Serafim, dono do “Dominó de Botequim”.

Foi, ainda, do Cruzeiro, Atlético Goianiense, Fortaleza, América de Pernambuco, CRB de Maceió, Fast Clube de Manaus, Nacional do Amazonas, Altos do Piauí, entre outros. Hoje em dia, está no Clube Atlético Taboão da Serra, que disputa a série A-3 do Paulista.

Desde a estreia profissional e até hoje participou de 607 partidas da minha paixão futebol e anotou (aposto que os aficionados gostaram) quase 200 gols.

Seu maior feito e tormento adversário, o que faz este texto ser dedicado ao amigo Fernando Juncal, foi ter marcado um dos gols que deu o título da Copa do Brasil 2008 ao Sport (2 x 0), justamente contra o “Timão”, de Mano Menezes, na Ilha do Retiro.

Místico, irrequieto, desafiador de disciplinas, alegre, diz que a virada aos 3 a 1 do Morumbi veio de uma premonição divina quando se dirigia para treinar.

Para mim, assim como estar entre amigos da região do Vale do São Francisco, conhecer Carlinhos Bala foi motivo de honra e glória. Obrigado!

https://www.youtube.com/watch?v=kUjls3dZW9c]

[video:https://www.youtube.com/watch?v=bFGrVk6tQE4

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Sair da versão mobile