Considerações sobre a cruz planetária de 07 de agosto

http://marcelodalla.blogspot.com/2010/07/mais-cons

Inspirado pelos textos que tenho lido sobre a grande cruz planetária que se forma no céu do dia 7 de agosto, decidi pesquisar e refletir um pouco mais sobre essa configuração. Quanto mais estudo e pesquiso, mais tomo consciência deste grande momento para a humanidade.

O céu indica um agravamento em situações que vem se deteriorando e chegam ao limite. O cenário mundial pode realmente ser redefinido nos próximos meses. Na madrugada do dia 6 para o dia 7 de agosto a Lua domiciliada em Câncer forma oposição a Plutão, num dos braços da cruz. No outro braço da cruz temos Júpiter e Urano em Áries, opostos a Saturno, Marte e Vênus em Libra (que acaba de ingressar em seu signo também). E essa é uma combinação pra lá de explosiva. Marte e Plutão são planetas violentos e quando se ligam de forma tensa indicam que algo se irromperá. Os ânimos estarão exaltados. Podemos esperar eventos mundiais intensos e impetuosos. Urano também está na jogada, indicando panes, apagões, dificuldades ligadas à tecnologia e à energia.

O que vinha se arrastando de forma precária ou caótica tende a se romper, estourar. A tensão entre Júpiter e Plutão indica ainda que manobras ilegais podem vir à público. Pessoas de caráter duvidoso que estão no poder podem ser desmascaradas. Saturno em oposição a Urano e Júpiter representa as velhas estruturas estagnadas que devem ser deixadas pra traz. São velhas instituições e sistemas obsoletos (como o financeiro, por exemplo) que estão em cheque. A estabilidade geral está comprometida, circunstâncias forçarão decisões. Plutão, por si só, está em Capricórnio pela primeira vez desde que foi descoberto. Capricórnio é a força estrutural máxima que existe na Terra. Plutão neste signo irá confrontar e destruir radialmente os velhos elementos que atravancam a evolução do planeta.

Todos estes planetas estão em signos cardinais, signos  de ímpeto e propulsão. Podemos esperar mudanças rápidas e vertiginosas, uma verdadeira revolução mundial. Para enfrentá-las é preciso que estejamos alinhados com forças espirituais. Todas essas forças arquetípicas são necessárias para impulsionar as pessoas a escolher a iluminação em vez do materialismo. Para promover o grande despertar coletivo que tanto desejamos.

Bárbara Hand Clow em seu livro “O Código Maia <http://www.madras.com.br/Default.aspx?cd_produto=1387> ” (Ed. Madras) diz: “Urano e Plutão estavam juntos na década de 60, o que trouxe à tona a iluminação. Com Urano chegando ao seu primeiro quadrante com Plutão, não há dúvida de que a iluminação irá arrebatar nosso planeta”. Vale lembrar que em 2011, Netuno, que representa a espiritualidade máxima, ingressará em Peixes e completará sua órbita solar desde quando foi visto pela primeira vez. Mas e individualmente, o que podemos esperar? A meu ver, Plutão representa o poder interior, o Divino Poder, a vitória da Vontade Maior contra os desejos inferiores do ego. Na medida em que não o cultivamos, esse poder se transfere para algo externo. Plutão nos mostra compulsões, vícios, ciúme, manipulações, hábitos destrutivos, sexualidade distorcida. Os planetas que formam aspectos com Plutão ativam essas questões.

E como já havia dito anteriormente no artigo sobre o eclipse do dia 26 de junho, aspectos negativos do ego que tenhamos ignorado (nossas sombras) podem vir à tona em forma de crises para que sejam solucionados de vez.   Esta é uma grande oportunidade de limpeza, vamos aproveitá-la! Devemos perceber o que em nós está difícil de ser deixado pra trás. Quais são os velhos comportamentos que atravancam nossa caminhada? Eis a chance de crescer, de nos tornarmos adultos espirituais, de desenvolver nosso poder interior. Terapias vibracionais, meditação, florais e profissionais competentes estão ao nosso dispor para ajudar.  

Conselhos práticos para o período: – Não se deixar atingir por provocações, evitar disputas – Cultivar paz, compreensão, tolerância, paciência – Tomar cuidado com sobrecargas elétricas – Evitar locais e situações arriscadas, não abusar da “sorte” – Evitar pressa, correria, velocidade – Redobrar o cuidado no trânsito  

A chegada de Vênus no signo de Libra nos mostra o caminho da diplomacia. Há sempre um caminho de entendimento para posições antagônicas. Nestes mesmos dias, Mercúrio se harmoniza com o Nodos Lunares e favorece o diálogo. A comunicação ganha força. É necessário mesmo que as notícias e as informações se espalhem, cheguem aos ouvidos de quem for preciso.   Que venham as mudanças!!! No fim das contas, tenho toda a certeza de que o saldo será positivo.  

“Devemos nos tornar a mudança que queremos para o mundo” – Gandhi.
REDE AQUARIANA – Seção Brasil

Luiz Alfredo Moroni

TFA

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome