Sobre racismo, “Dentro da Minha Pele” é selecionado para festival da Holanda

Documentário que escancara o racismo no Brasil, produzido por Toni Venturi e Val Gomes, terá estreia no International Documentary Filmfestival Amsterdam

Jornal GGN – O documentário que escancara o racismo estrutural no Brasil, “Dentro da Minha Pele”, produzido pelos cineastas Toni Venturi e Val Gomes, foi selecionado para o Festival de Documentários da Holanda (IDFA), um dos mais importantes do mundo.

O documentário conta a história de 9 pessoas, incluindo pessoas comuns, personalidades e intelectuais, narrando a sua perspectiva e cotidiano, em diferentes situações e níveis de racismo, dos mais explícitos aos velados. Por estas narrativas, o filme constroe ao espectador a visão de racismo que o país carrega ainda hoje.

Ao programa Cai na Roda, do GGN, a cineasta e cientista social Val Gomes lembrou que “o projeto de Brasil é sustentado na eugenia e no ’embranquecimento’, que é criar políticas para favorecer a imigração europeia para branquear a pele da população. Com isso, imaginavam que em 100 anos não existiria mais negro”, e que estas marcas são visíveis ainda nos tempos de hoje.

Relembre:

O filme terá a estreia internacional no dia 24 de novembro no International Documentary Filmfestival Amsterdam (IDFA) e é um dos 18 selecionados para o Frontlight do festival.

 


“Dentro da Minha Pele” no IDFA 2020: Mais informações aqui.

FICHA TÉCNICA
“Dentro da Minha Pele” (86 minutos)
Direção Toni Venturi, Codireção Val Gomes
Intelectuais: Cida Bento (psicóloga), Cidinha da Silva (escritora), Joice Berth (arquiteta), Jessé Souza (sociólogo), José Fernando de Azevedo (diretor teatral), Lia Schucman (psicóloga), Salloma Salomão (historiador e músico), Sueli Carneiro (filósofa)
Artistas: Dona Anicide Toledo e Batuque Guaia de Capivari, Bia Ferreira e Doralyce, Chico César, Luedji Luna, Thaíde, Valéria Barcellos.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome