Em Diadema, um sábado de arte pela educação

Foto: Divulgação

Jornal GGN  – A nova sede do Instituto Matéria Rima, a B.A.S.E, será inaugurada ao som de diferentes músicos e com arte ao ar livre neste sábado, 2 de setembro. A festa contará com discotecagem, batalhas de dança e rima, atividades para as crianças, graffiti ao vivo de Binho Ribeiro e Alexandre Keto, além de música com 11 artistas. O evento, que pretende transformar a B.A.S.E numa obra de arte a céu aberto, acontece a partir das 10h, em Diadema, São Paulo. 
 
A B.A.S.E foi toda pintada por artistas que atuam no Instituto, como Jamil Santos, Eric Reis e Daniel Damatta, e também pelo coletivo Cheira Tinta Crew. O Instituto Matéria Rima, por meio do Programa Cidade na Escola, da Secretaria de Educação de Diadema-SP, promove para cerca de 1000 alunos, de 16 escolas municipais da cidade, um projeto de educação integral, baseado em oficinas culturais.

 
O trabalho com as oficinas é feito após a identificação da dificuldade a ser superada pelo aluno, seja comportamental, de matemática, linguagem, ciências ou de outras áreas. A partir disso, os temas são desenvolvidos junto com elementos da cultura hip-hop, como rima, discotecagem, dança e grafitti. As atividades são oferecidas no contra-turno das aulas, alimentando o horário integral nas escolas.
 
Além das oficinas, o Instituto Matéria Rima promove ações em sua sede, estendendo as vivências socioeducativas, sobretudo às crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Na nova B.A.S.E serão atendidas cerca de 200 crianças – quando na sede anterior eram atendidas apenas 30. O projeto também tem o objetivo de elevar a autoestima das crianças e adolescentes, a habilidade de trabalhar em grupo e aprender com os seus erros, além de aproximar as famílias do ambiente educativo. 
 
“A ideia é criar uma escola que efetivamente desperte o interesse das crianças e adolescentes”, disse Jodson do Nascimento Silva, ou Joul, fundador e coordenador do Matéria Rima. “Antigamente Diadema era conhecida pela violência. Estamos conseguindo mudar essa imagem a partir da educação”, completou. Joul, quando teve a ideia de criar o Matéria Rima era um jovem e inquieto aluno de Diadema, que não se sentia parte da escola. 
 
O Matéria Rima, criado em 2002, nasceu como um grupo de hip hop. Em 2014, o projeto  institucionalizou-se e passou a chamar Instituto Cultural e Educacional Matéria Rima. Além do trabalho nas escolas, o instituto realiza palestras e apresentações artísticas em praças e palcos do Brasil e de países como Senegal, Alemanha e França. Em 2015, o Matéria Rima em parceria com a escola parceira Sagrado Coração de Jesus ganhou o Prêmio regional e nacional Itaú-Unicef “Educação Integral: Aprendizagem que Transforma.”
 
Foto: Divulgação
 
Participações confirmadas:
 
Dj hum – (Pioneiro Cultura Hip Hop Brasil)
 
VH Lá viela – (São Paulo)
 
Loud Pack Zack (San Diego)
 
Mc Kunumi (Tribo Krukutu Parelheiros)
 
Sasquat (Matéria Rima)
 
Nicolas Mc – (Matéria Rima)
 
Joul – (Matérias Rima)
 
Thulla Mello
 
Karen Dias
 
Simone Essi
 
Thyao Mac
 
Grafiti: Binho Ribeiro e Alexandre Keto
 
Djs: Meio Kilo – Cusco – Adilson Cardoso –  (Matéria Rima) –  DJ Davi
Frias e Dj Baroni
 
Assine
 
Serviço
 
Festa de inauguração da nova sede do Instituto Matéria Rima
 
Local:  B.A.S.E
 
Endereço: Rua Guarani, 115, Conceição, Diadema -SP
 
Quando: sábado, 2 de setembro, a partir das 10h 
 
Programação gratuita. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Educação e Arte

    Simples a revolução.

    Nem só o moro quer aparecer na foto, o gorila faz o mesmo que ele e o prefake, João o trabalhador.

    Educação (promoção de valores) e Arte (o cultivo do belo) fazem a revolução que remove o couro do macaco.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome