Foto desagrada PMs e é retirado de exposição

Sugerido por Adamastor

Do Photo Channel

Foto é retirada de expo após supostas ameaças

por 

13226576

Uma fotografia que fazia parte de uma exposição em São Paulo foi retirada depois que alguns policiais militares estiveram no local questionando a obra, informou a reportagem do UOL.

De autoria do fotógrafo Antônio Brasiliano, a imagem que não agradou aos PMs é de 2005 e mostra a ação de reintegração de posse do edifício Prestes Maia, na capital paulista. Na foto há um grafite em primeiro plano, com desenhos de ratos, e no fundo a tropa em formação. Ela foi exposta no muro de entrada do centro cultural Espaço Cult, na Vila Madalena, e fazia parte da mostra 4 Retratos, que envolve também trabalhos de Thelma e Marcos Vilas Boas, Julio Kohl e Marcelo Naddeo, inaugurada dia 3 de julho. Era para ficar no local até o dia 24, mas foi retirada nesta quarta-feira (14).

“A PM abordou frequentadores, proprietários e vizinhos do espaço questionando sobre o conteúdo da obra. Não estava presente, mas é óbvio que existiram bons motivos para que a fotografia fosse retirada antes do término da exposição. Com tantos casos de abuso de autoridade e violência policial, as pessoas se intimidam e têm medo de represálias”, disse Brasiliano à reportagem, que ouviu da assessoria da PM não haver nenhuma denúncia a respeito. “Não há nenhum posicionamento da PM para que policiais censurem ou proíbam a exposição de uma obra. Isso não é permitido”, informou a assessoria, que à Folha classificou o incidente como uma possível “ação individual de alguns soldados”,

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador