Sarau das Pretas integra programação do Sesc pompeia

Em defesa das lutas e direito da mulher, o Sarau das Pretas, levanta discursões sobre o feminismo

Jornal GGN – O Sesc Pompéia, em São Paulo, pela comemoração do Dia Internacional da Mulher, fez uma programação especial. No dia 12, sábado próximo, apresentará o “Sarau das Pretas”, às 19 hs.  O evento em defesa das lutas e direitos da mulher, reúne jovens negras que revelam, por meio da literatura, as realidades de viver o feminino e o feminismo.

As artistas são atuantes no cenário cultural paulista. Débora Garcia Elizandra Souza, Luz Ribeiro Jô Freitas e Thayaneddy Alves expõem, durante a conversa aberta, suas experiências e trabalhos literários.

Sobre as participantes

Elizandra Souza criou um fanzine de poesias, começou a frequentar a Cooperifa no ano de 2004 e participou de um jornal experimental como o objetivo de dar voz à periferia –  o “Becos e Vielas”. É jornalista responsável pela Agenda Cultural da Periferia, de organização não-governamental Ação Educativa. 

 
Débora Garcia atua na Associação Cultural Literatura no Brasil desde 2009, na cidade de Suzano, São Paulo. É poetisa, cantora, atriz, gestora cultural e assistente social formada pela Universidade Estadual Paulista – UNESP. Publicou seus textos em diversas antologias voltadas à literatura negra e periférica.
 
Luz Ribeiro é pedagoga, educadora física, aspirante a atriz, performer, slammer e poeta; autora do livro “Eterno contínuo” lançado em 2013 no Sarau Sobrenome Liberdade. 
 
Jô Freitas é atriz, arte-educadora, agente cultural periférica, performer. É idealizadora do Pretas Peri, projeto que leva através do sarau e debates a resistência cultural periférica para escolas, ruas e equipamentos públicos o poder da poesia.
 
Thayaneddy Alves é escritora e poetisa. Seu primeiro livro “Em Reticências”, foi lançado no Pracarau Capão Redondo, no início de 2016.  Como ativista cultural é articuladora do Sarau da Ponte Pra Cá e militante da cultura afro.

Serviço

Dia 12 de março, sábado, 19h. Livre. Grátis

SESC Pompeia – Rua Clélia, 93. Local: Área de Convivência

Não tem estacionamento. 

Atualizado em 24 de maio.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Sobre a Materia Sarau das Pretas

    Sou a poetisa escritora e  produtora cultural mencionada a cima na matera, Ha um equivoco quando dizem que lanco o livro no Sarau samba Original. Na verdade tambem o faço la, porem o 1 lancamento do meu livro se da no dia 25 de janeiro de 2016 no Pracarau Capao Redondo, o mesmo foi terreiro de minha primeiras e envergonhadas apresentações.

     

    Grata

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome