4 comentários

  1. SOLEDAD

    Retornei para
    SOLEDAD

    Retornei para cumprimentá-la, principalmente pela excelência de sua maravilhosa sensibilidade.

    O espetáculo é lindo.

    Quase sai dançando com a Cidinha Dix.

    Um uhhhhhhhhhhh de grande admiração por você.

  2. Veja a manchete:

    “Homem tem
    Veja a manchete:

    “Homem tem rosto arrancado durante tortura em Curitiba”

    http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u500466.shtml

    Antes de tentar encarar ou ignorar este assunto com o devido asco e aversão que ele nos trás e merece, não seria melhor refletirmos e tentar entendermos ele ?

    A matéria fala dum crime aonde a vítima foi torturada, tipo como com o mostrado nos filmes “jogos mortais”

    Quem já não viu ou ouviu falar de assassinos, de outros crimes, tentando imitar de outros filmes?

    Será que seria censura proibirmos ou INIBIRMOS, dificultando mesmo, a exibição destas películas?

    Como prova da influência das diversas mídias, nem precisa ir muito longe, lembrarmos de que quando determinado fato bizarro ocorre, logo depois aparece outro “maluco” a imitá-lo

    -foi assim com a mulher que CAPOU O marido

    -outro com as queimação de traficantes e inimigos em “micro-ondas” de pneu aceso

    -outro ainda sobre um que colou a vítima com super-cola

    -outra que matou na escola, no shopping

    -outro que jogou o desafeto pela janela

    -que manteve em cárcere a família

    …exemplos não faltam

    Você sabia que ha alguns anos “cebolinha” tinha sito proibido no Japão por atentar contra os valores daquela Nação?

    Já ouviu dizer que na CHINA, filmes que exploram o mundo dos MALUCO e desmiolados constantemente são colocados de lado?

    Sabia que na própria China evita-se dar trela a muita IGNORÂNCIA e superstição, inclusive aumentando a proibição da exibição de filmes de FANTASMAS pela televisão?

    Pois é …censura das autoridades ou coibir o exibicionismo perverso de cineastas desconexos?

    Pra chegarmos a um veredicto perfeito acho que deveríamos discutir estes acontecimentos mais de perto

    Será tão difícil assim estabelecermos regras democráticas pra este tema, inclusive prevendo-se de suas “revisões” (ou ratificações) de tempos em tempos

    Penso que não devemos dar chance a toda maluquez só porque esta numa NOVELA ou numa película. Se sem amarras MÍNIMAS de valores, daqui a pouco correríamos o risco de ver filmes de pedófilas na telinha, não? Duvida?

    Pois é., melhor pensar enquanto não somos meio BILHÂO

    e desde já adianto …sou pela CENSURA destes filmes que retratam GRACIOSA e freneticamente estes comportamentos, no mínimo, digamos, “exóticos”, e muitos até desprovidos de nexo

    …e claro, uma censura determinada por uma junta, e não por um MALUCO encastelado em suas próprias neuras e crenças

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome