A censura ao desastre no Golfo do México

Do Brasilianas.org

A Primeira Emenda à Constituição dos EUA – a tal que garante a liberdade de imprensa – aparentemente está suspensa no que diz respeito ao desastre causado pela BP no Golfo do México, o qual, a julgar pelo empenho da empresa e, agora, dos próprios órgãos governamentais (Giarda Costeira) em bloquear o acesso da imprensa aos, digamos, “locais sensíveis”, está cada vez mais fora de controle. Vejam o desabafo do repórter Anderson Cooper, da CNN, ao divulgar que a Guarda Costeira está proibindo que jornalistas e fotógrafos se aproximem a menos de 65 pés (20 m) de qualquer local onde se possam observar os efeitos do desastre. Infelizmente, não está legendado, porém para os que compreendem o inglês, há a possibilidade de captioning no YouTube (clicar no botão CC na barra do vídeo).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora