Álcool e mercado de capitais

Do Guia Financeiro, da Agência Dinheiro Vivo (www.dinheirovivo.com.br):

O grupo pernambucano Tavares de Melo é mais uma empresa do setor sucroalcooleiro que pretende abrir capital em breve e utilizar os recursos captados na oferta pública primária para financiar o seu crescimento. Os investimentos no plano de expansão, a maior parte concentrada fora do Nordeste, devem atingir R$ 600 milhões. Outra do setor que anunciou recentemente o mesmo objetivo foi a Santa Elisa, localizada em Sertãozinho (SP).

Algumas das usinas incluídas no plano são as de Maracaju, Passatempo e Sidrolândia, todas no Mato Grosso do Sul. Na primeira, o processamento passará das atuais 1,8 milhão de toneladas para 3,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por safra. Na terra natal, no entanto, os aportes não vão cessar, mas estarão focados, por enquanto, no aumento de produtividade das unidades de Giasa, na Paraíba, e de Estivas, no Rio Grande do Norte.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora