Benefícios fiscais para mais ricos nos EUA

Do Terra

Tesouro dos EUA rejeita reduções fiscais para mais ricos

SÃO PAULO, 4 de agosto de 2010 – O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Timothy Geithner, descartou categoricamente nesta quarta-feira a ampliação do dispositivo que concede reduções fiscais à faixa mais rica da população, aprovado durante o governo precedente.

“Pedir aos que ganham mais em nossa sociedade para que renunciem à manutenção das reduções de impostos é uma das medidas que devem permitir o retorno à responsabilidade orçamentária em Washington”, disse Geithner em discurso na capital americana.

EmWEm Washington, se debate intensamente a questão das reduções de impostos para a faixa mais rica da população concedidas pelo presidente George W. Bush (2001-2009). As reduções devem expirar no final do exercício fiscal 2010-2011, que tem início no dia 1 de outubro, e o governo já anunciou que não irá renová-las.Mas os republicanos, visando as eleições de novembro, fazem uma intensa campanha para manter as reduções de impostos para os mais ricos. Geithner defende as reduções para a classe média adotadas pelo governo de Barack Obama em 2009.Em sua opinião, manter as reduções para os mais ricos “será um erro que custará US$ 700 bilhões” no momento em que o país tem um déficit de US$ 1,47 trilhão.(Redação com AFP – Agência IN) 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome