Dólar atinge maior valorização em mais de dois anos


Fotos Públicas
 
Jornal GGN – É o sexto dia que o dólar fecha em alta, um aumento que vem ocorrendo há quatro semanas, dia a dia mais caro para o mercado e para o turismo de brasileiros no exterior. O resultado da moeda se aproximando dos R$ 3,80 nesta sexta-feira (18) ocorre mesmo após o anúncio do Banco Central de manter a taxa básica de juros em 6,5% ao ano.
 
O valor da moeda é o maior desde março de 2016, quando o dólar alcançou os R$ 3,7916. A moeda dos Estados Unidos subiu 1,04%, sendo vendida a R$ 3,7409. A Bolsa também registrou a queda de 0,65%. 
 
O cenário não era esperado, porque o Banco Central já havia reagido à valorização da moeda americana, paralisando as operações do Tesouro Direto durante seis horas. O aumento teria sido provocado pela diferença entre os juros dos Estados Unidos e do Brasil.
 
Com o cenário de aumento do dólar pelo sexto dia seguido, a sexta-feira foi marcada por forte turbulência nos mercados, que acompanharam a valorização diante das moedas de países emergentes. 
 
Já o dólar turismo era negociado antes a R$ 3,90, atingindo R$ 3,94 na manhã de sexta. O resultado foi de acúmula de uma alta que avançou 6,8% no mês de maio até esta semana. E o quadro para o ano tampouco é diferente: o acumulado tem valorização de 12,9% até agora.
 
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

2 comentários

  1. O Brasil tem mais comércio em dólar ou em euro?

    O euro deu um salto grande. Foi a R$ 4,60 (com IOF vai a R$ 5,00). Quem foi morar na Europa e manda renda daqui ou aumenta o gasto, ou diminui as compras por lá.

  2. não é uma valorização do

    não é uma valorização do dólar, é uma desvalorização do real..

    .. para perceber isso, veja os gráficos de cotação do ouro..

    .. há uma estabilidade mundial, todas as moedas estão mais ou menos estáveis..

    .. o problema é aqui na América Latina (e em outros periféricos)..

    O real desvalorizou e concomitantemente houve um aumento do título americano que sinaliza alta de juros e consequentemente queda das bolsas nas periferias..

    .. por isso tivemos o soluço na semana passada..

    .. mas quem tá alavancado no real já tá perdendo dinheiro a meses..

    Apesar do colchão de 380 bi de dólares que Lula e Dilma deixaram, acho que vamos seguir mais ou menos o mesmo script da Argentina..

    .. com o agravante de ruptura social.. vai ficar uma beleza..

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome