GM vai suspender contratos de 1,5 mil funcionários em São José dos Campos

gm_fabrica_sjc_divulgacao.jpg

Foto: Divulgação

Jornal GGN – Até 1,5 mil funcionários da fábrica da General Motors (GM) em São José dos Campos (SP) entrarão em sistema de layoff, com seus contratos de trabalhos suspensos temporariamente. 

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, o layoff vai durar até novembro e os salários continuarão sendo pagos, parte pela pela empresa e parte pelo governo federal. 

 
O sindicato também disse que foi acertado com a GM que os trabalhadores afetados terão seus postos de trabalho garantidos até fevereiro do ano que vem.
 
Além disso, os trabalhadores em layoff farão cursos de qualificação durante em que não estiverem trabalhando. A fábrica da GM no interior paulista produz os veículos S10 e Trailblazer e conta com cerca de 5 mil funcionários. 
 
A montadora já havia colocado 2,2 mil empregados em férias coletivas nesta mesma unidade, em fevereiro. De acordo com balanço da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), a GM vende 72,4 mil veículos entre janeiro e março deste ano, um aumento de 3,6% em relação ao mesmo período do ano passado. 
 
Assine

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora