Gustavo Franco e as importações

No lançamento de seu último livro, ontem em São Paulo, o ex-presidente do Banco Central Gustavo Franco, fez duas declarações no mínimo polêmicas -apesar do livro abordar temas não tem polêmicos.

1. Para combater a apreciação do real, o Brasil tem que aumentar as importações. Em 1994, Gustavo não apenas afirmou, como praticou. Com o real apreciado, abriu indiscriminadamente as importações. Arrebentou com a indústria brasileira e o real continuou apreciado.

2. Diz que, com a atual chuva de dólares, não há muito o que o Banco Central fazer para evitar a apreciação do real. Em recente polêmica com Marcos Garcia, da PUC-Rio, Gustavo diz exatamente o contrário: que acadêmicos costumam subestimar o poder de fogo do BC.

Gustavo é valente, inteligente. Sö que todo pensamento dele tem que passar por um viés ideológico fatal.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome