Inflação cai em quatro de sete capitais, diz FGV

Do Guia Financeiro

IPC-S cai em quatro das sete capitais na última apuração de junho

Recife tem a maior retração semanal, enquanto São Paulo continua a apresentar a maior deflação

Os preços ao consumidor medidos pelo IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor – Semanal) da Fundação Getúlio Vargas apresentaram decréscimo em suas taxas de variação em quatro das sete capitais estudadas no fechamento do mês de junho. No período, o índice apresentou deflação de -0,21,%, taxa 0,02 ponto percentual menor do que a vista na apuração anterior.

Durante a semana, a queda mais significativa foi registrada em Recife, com redução de -0,26%. Em seguida, aparecem Belo Horizonte (-0,11%), Rio de Janeiro (-0,05%) e Brasília (-0,04%). Em contrapartida, Salvador (0,06%), São Paulo (0,02%) e Porto Alegre (0,01%) tiveram aceleração.

Com o resultado, Salvador passa a ser a capital com a maior taxa de inflação do país, no valor de 0,26%, sendo acompanhada por Brasília (-0,24%) e Belo Horizonte (-0,15%). Em sentido contrário, São Paulo continua a ter a maior queda nos preços, com variação de -0,48%, vindo em seguida Recife (-0,38%), Porto Alegre (-0,19%) e Rio de Janeiro (-0,09%).

Evandro Furoni

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora