Kalecky e Robinson

Dois economistas disputaram a herança de John Maynard Keynes: Michal Kalecky (com quem Ignacy Sachs trabalhou) e Joan Robinson. A diferença entre ambos é que Kalecky nunca aceitou a experiência maoísta, do “grande salto”, e Robinseon era fascinada por ela. Tiveram uma discussão forte em Varsóvia, sobre o modelo maoísta.
Em geral se atribui a Kalecky certa simpatia pelo maoísmo por ter se demitido em 1954 do cargo de responsável pelo Relatório da Economia Mundial nas Nações Unidas, por ter sido censurado um capítulo sobre a China. A razão do pedido de demissão foi a censura prévia, não a China, explica Ignacy.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora