Mudanças no governo não afetam política econômica, diz Paulo Guedes

Em entrevista, ministro da Economia diz que governo está passando por uma “reorganização” que não afeta o coração da política econômica

Ministro da Economia, Paulo Guedes FOTO: EDU ANDRADE/Ascom/ME (via fotospublicas.com)

Jornal GGN – As diversas mudanças realizadas no primeiro escalão do governo Bolsonaro não parecem ter abalado o ministro da Economia, Paulo Guedes, que considerou as alterações um movimento político necessário que não chega a alterar o coração da política monetária do governo.

Em entrevista ao jornal Correio Braziliense, Guedes declarou que a essência da política econômica não sofreu alterações. “Está havendo uma reorganização interna — o presidente ainda não decidiu, não bateu o martelo — sem nenhuma ameaça ao coração da política econômica”, pontuou.

Segundo o ministro da Economia, “a população escolheu essa aliança entre liberais e conservadores. Esse programa tem que seguir. Qualquer política que pudesse desviar nosso programa, o presidente sempre disse: ‘Não vamos ceder’. Sempre houve pressões políticas, e o presidente nunca cedeu no coração da política econômica”.

A nova configuração do governo Bolsonaro alocou Onyx Lorenzoni no Ministério do Emprego, enquanto a Secretaria-Geral da Presidência será ocupada pelo general Luiz Eduardo Ramos, que deixa a Casa Civil para dar lugar ao senador Ciro Nogueira (PP-PI).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome