Painel internacional

BCs da Europa restringem venda de ouro

O Banco Central Europeu, o Banco Nacional da Suíça e o Riksbank (banco central) da Suécia anunciaram na sexta-feira um novo acordo para limitar as vendas de ouro entre bancos centrais durante os próximos cinco anos. Em uma declaração conjunta também assinada pelos 16 bancos centrais da zona do euro, as instituições concordaram em limitar as vendas totais de ouro para 400 toneladas métricas por ano, com vendas totais ao longo do período de cinco anos limitados a 2.000 toneladas métricas. “O ouro permanece um elemento importante das reservas monetárias mundiais”, disseram os bancos centrais. O plano tem efeito a partir de 27 de setembro, imediatamente após a expiração de um acordo de cinco anos já existente.

Clique aqui


Para OCDE, economias mais ricas se recuperam

The Wall Street Journal

Existem fortes indícios de que as principais economias do mundo estão emergindo da recessão e a caminho da recuperação, de acordo com números divulgados sexta-feira pela OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico). O indicador antecedente de atividade econômica dos 30 membros do renomado instituto de pesquisa, com sede em Paris, subiu de 94,5 para 95,7 em maio, quarto mês seguido de aumento. A OCDE disse que os indicadores “apontam para sinais mais fortes de melhoria nas perspectivas econômicas”.

Clique aqui


Economia italiana segue em queda

BBC NEWS

A economia da Itália mergulhou 0,5% no segundo trimestre de 2009, uma contração menor do que o esperado, mostraram dados oficiais. Esta é a quinta queda consecutiva trimestral do PIB da Itália, e se compara com a contração recorde de 2,7% do primeiro trimestre do ano. Os números suscitaram esperanças de que a recessão na Itália, a terceira maior economia da zona do euro, pode estar se suavizando. Comparado com o mesmo trimestre de um ano atrás, o PIB caiu 6%. A Itália é o primeiro país da eurozona a publicar dados do segundo trimestre, com os números do resto do bloco esperados para as próximas semanas.

Clique aqui


O aumento da insolvência britânica

BBC NEWS

O número de pessoas declaradas insolventes atingiu um novo recorde na Inglaterra e País de Gales. Houve 33.073 falências pessoais no segundo trimestre de 2009, disse o Serviço de Insolvência do governo. Foi um aumento de 9% sobre os primeiros três meses do ano, e 27% acima do que no mesmo período do ano passado. Já o número de empresas que vão quebrar na Inglaterra e no País de Gales continuou a diminuir, descendo para 14% sobre o trimestre anterior, mas ainda 23% superior a um ano atrás. “Em geral os níveis [de insolvência pessoal] continuarão a aumentar por todo 2009, com um nível recorde de 140.000 ou mais esperado até o final do ano”, previu Mark Areias, perito em insolvência da Tenon Recovery.

Clique aqui


Ford deve vender a Volvo no final do ano

A montadora norte-americana Ford deve concluir a venda de sua unidade sueca Volvo até o final do ano, disse o Secretário de Estado do Ministério da Indústria sueco, Joeran Haegglund. O governo está em conversas com a Ford, disse hoje Haegglund por telefone. A Ford não tem a mesma pressa de alienar a unidade do que a General Motors (GM), que está em processo de venda da Saab, afirmou Haegglund. Tanto a Ford, única montadora a recusar ajuda federal, como a GM, estão alienando suas unidades suecas para se focar em menos marcas, em meio à pior recessão desde a Grande Depressão. A GM também está vendendo a filial alemã Opel e as marcas Hummer e Saturno, ao mesmo tempo em que os fabricantes enxugam operações para encerrar US$ 88 bilhões em perdas acumuladas desde 2004. O licenciamento de carros novos da Saab na Europa afundou 63% em junho, enquanto as vendas de autos da Volvo caíram 14%.

Clique aqui


Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome