Sala de visitas: Física ajuda a explicar desenvolvimento econômico

Nassif entrevista Paulo Gala sobre novo livro que trata de campo interdisciplinar que ajuda a entender o que determina pobreza ou riqueza das nações 

Paulo Gala lança livro que explica o que determina riqueza e pobreza das nações

 
Jornal GGN – Nesta edição especial do programa Na sala de visitas com Luis Nassif, você acompanha uma entrevista com Paulo Gala, economista da Fator Administração de Recursos FAR, e professor da Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, que acaba de lançar o livro ‘Complexidade econômica: uma nova perspectiva para entender a antiga questão da riqueza das nações’, que traz uma visão mais atual para entender o que determina o desenvolvimento em um país.
 
O trabalho se baseia na ‘Econofísica’, campo interdisciplinar que reuni teorias da física e da economia. A proposta foi gerada no final dos anos 1980, dentro do Santa Fe Institute, por William Brian Arthur, estabelecendo os primeiros passos da ciência dos sistemas de complexos.
 
O que Paulo Gala traz de diferente no seu livro é um novo paradigma das discussões produzidas pelos clássicos, como Rosestein-Rodan e Celso Furtado, que defendiam que o desenvolvimento de uma nação estaria atrelado ao conceito de troca declinante, ou seja, por suas trocas comerciais que, quando baseadas em produtos valorizados no mercada, garantiriam uma posição de ascendência econômica. 
 
Porém, ao analisar as informações disponíveis pelo Atlas da Complexidade Econômica, gigantesco banco de dados sobre o comércio mundial, com lastro de décadas de transações comerciais entre os países, Gala verificou que o que realmente está por trás da formação de riqueza em uma nação é sua estrutura produtiva. Ou seja, não é somente a balança comercial, mas sim a complexidade maior dos produtos comercializados é que garantem o desenvolvimento de uma nação. 
 
Para acessar o Atlas da complexidade: http://atlas.cid.harvard.edu/
 
Para adquirir o livro de Paulo Gala clique aqui

https://www.youtube.com/watch?v=76ypSFkS1tw&feature=youtu.be width:700

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora