Bolsonaro é fruto do “cansaço democrático”, criticou chefe econômico da União Europeia

“Aqueles que têm a democracia no coração deveriam refletir, de modo a organizar um contra-ataque”, alertou
 

Foto: Reuters
 
Jornal GGN – O comissário para Assuntos Econômicos e Financeiros da União Europeia, Pierre Moscovici, afirmou que a eleição de Jair Bolsonaro no Brasil é uma ameaça democrática e chamou as democracias a despertar. 
 
“É um fenómeno que está talvez ligado a uma forma de cansaço democrático, sobre a qual aqueles que têm a democracia no coração deveriam refletir, de modo a organizar um contra-ataque”, afirmou Moscovici, durante uma entrevista à televisão do Parlamento Francês, Public Sénat.
 
A declaração do chefe da pasta de economia da União Europeia recebeu destaque a nível mundial porque demonstra que, após se apresentar como a salvação para a crise econômica brasileira, o novo presidente terá dificuldades de dialogar com o bloco econômico europeu.
 
“Bolsonaro é evidentemente um populista de extrema-direita”, afirmou Pierre Moscovici. “Atrás dele, vemos a sombra dos militares que durante muito tempo estiveram no poder no Brasil, constituindo uma ditadura terrível. Ele próprio é um antigo militar. Isso é muito evidente”, acrescentou
 
Abaixo, a declaração de Pierre Moscovici:
 
 
Na entrevista ao canal de televisão europeu, o comissário reconheceu que a eleição de Bolsonaro é uma tendência de recuo das democracias liberais em todo o mundo, fruto das crises econômicas que deixarem sequelas graves em diversos países, principalmente com “desigualdades impressionantes”.
 
Para isso, o comissário da União Europeu conclamou as nações a reagir, para que outros países não repitam o que ocorreu no Brasil: “Temos de arregaçar as mandas e atacar as desigualdades”, afirmou.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

2 comentários

    • Há pelo menos 3 dias o Blog está sendo hackeado

      Nao é só vc. A Lourdes Nassif me respondeu, há 3 dias atrás, que estavam tomando providências, mas até agora nao conseguiram reverter isso.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome