Aras evita defender STF em embate com Bolsonaro

Procurador-geral se reuniu com presidente do STF, mas encontro não foi suficiente para que um acordo fosse fechado

Jornal GGN – O procurador-geral da República, Augusto Aras, se reuniu nesta sexta-feira com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, em meio aos ataques que o presidente Jair Bolsonaro tem feito aos integrantes a corte.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, o encontro durou cerca de 50 minutos, e Aras não se alinhou na defesa da Corte e da urna eletrônica – tanto que as notas divulgadas por ambos não mencionaram os ataques feitos pelo presidente ou as ofensas feitas aos ministros Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso.

Enquanto a PGR afirmou que as duas autoridades renovaram o compromisso de seguir com o diálogo “para aperfeiçoar o sistema de Justiça a serviço da democracia e da República”, o STF deixou claro que o “contexto atual” levou ao convite de Fux a Aras, mas as tensões geradas por Bolsonaro não foram mencionadas.

Contudo, existe uma desconfiança em torno da postura de Augusto Aras, que sucessivamente tem se alinhado a Bolsonaro e evitado comprar brigas com o presidente.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome