Com delação da Odebrecht, Lava Jato vai dizer que Mantega e Palocci eram homens de Lula

Jornal GGN – Começam a se firmar na grande mídia os indícios de como a Lava Jato pretende usar a delação do grupo Odebrecht para fechar o cerco ao ex-presidente Lula. Segundo informações da coluna Mônica Bergamo, a força-tarefa pretende jogar concreto nas supostas relações promíscuas entre Marcelo Odebrecht, dois ex-ministros da Fazenda, o “caixa mãe” do PT e Lula.

Nos relatos feitos à Lava Jato, afirma Bergamo, Marcelo Odebrecht foi apontado como a figura que “cuidava apenas das contas de propina da empreiteira no plano nacional”. Casos que envolvessem governadores e prefeitos eram administrados por outros executivos.

O “interlocutor” de Marcelo Odebrecht com o governo petista era, no início, o ex-ministro Antonio Palocci, depois substituído por Guido Mantega. Essa suposta conexão era uma afirmativa esperada, uma vez que a própria Folha revelou que os procuradores da Lava Jato teriam exigido que Odebrecht apontasse crimes de Mantega e Palocci para conseguir fechar o acordo de cooperação.

A ideia é dizer que Lula, de fato, não recebeu vantagens indevidas diretamente, ou seja, não há rastros de dinheiro sendo desviado de esquemas na Petrobras e chegando nas contas bancárias do ex-presidente.

A operação vai dizer que Palocci e Mantega supriam as necessidades de PT e Lula com uma conta mãe onde a Odebrecht depositava a propina. E a prova de que Marcelo Odebrecht precisava de “interlocutores” para chegar a Lula era que ambos “não se gostavam”. O ex-presidente teria relação melhor com Emílio Odebrecht.

“A delação deve revelar que, além da já célebre reforma no sítio de Atibaia, outros benefícios a terceiros pagos pela empreiteira, sem contar doações para campanhas, foram atribuídos a Lula.”

Palocci e Mantega negam as acusações.

“E Marcelo Odebrecht ficará dez anos sem ver a cara da rua nos finais de semana e em feriados. Mesmo quando passar para o regime semiaberto de prisão, e depois para o aberto, ele não poderá sair de casa nessas datas”, informou a colunista, nesta terça (6).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

31 comentários

  1. “”A delação deve revelar que,

    “”A delação deve revelar que, além da já célebre reforma no sítio de Atibaia, outros benefícios a terceiros pagos pela empreiteira, sem contar doações para campanhas, foram atribuídos a Lula.””:

    Nao que “interesse” muito a esse ponto, mas…  isso ja foi desmentido N vezes…

    • E tem mais. Considerando que

      E tem mais. Considerando que o Marcelo Odebrecht na condição de delator não foi tão favorecido como os outros delatores, parece que as informações tiradas dele à forceps contra o Lula foram bem chinfrins.

      • É isso !

        Exatamente. Lembre-se que eles não aceitaram a delação inicial da Odebrecht por várias vezes por não implicar o Lula. Ademais, é uma crueldade o que estão fazendo com o Mantega também.  

  2. Estes procuradorecos e

    Estes procuradorecos e juizecos me fazem rir …..

     

    Então “eles não se gostavam” e mesmo assim Marcelo Odebrecht preferiu ser condenado a incriminar alguém que não gostava???

    Mãe me salva, os procuradorecos envangêlicos acreditam que somos todos igujais a eles e que todos temos apenas dois neurônios mancos, para acreditar  nestas coisas.

    Que ralhos de merda de concurso público é este que pessoas tão incapacitadas mentalmente, intelectualmente e eticamente, tão tendenciosos e imparciais, tão comprometidos e hipócritas conseguem uma nomeação em um cargo tão importante e tão sério e com tanta responsabilidade envolvida.

    Façam-me o favor …

     

  3. Reitero a pergunta: eles eram ponte ou eram muro?

    Palocci e Mantega eram a ponte que ligava Lula aos empresários ou era muro que separava Lula dos empresários?

    Parece que o Jateiro Moro vai ter que recuar ao ao domínio do Fateiro Barbosa. Como estamos em tempos estranhos (que ninguém me disse que haveria), é fácil que, mais uma vez, o dispositivo constitucional segundo o qual nenhuma pena passará da pessoa do condenado, pode ser estuprado mais uma vez por quem deveria cumprir e fazer cumprir as leis.

  4. será a milésima acusação. 999 cauran.

    Qualquer nova acusação contra o LULA não tem a menor validade. Só servirá para deixar claro que as outras 999 eram desporvidas de seriedade.

    Lula há muito já está totalmente inocentado.

  5. Em resumo: NÃO ACHARAM NADA CONTRA LULA.

    Prezados,

    Se houvesse algo de realmente comprometedor contra Lula e algum de seus ministros, com um mínimo de provas dignas de apreço, estejam certos de que já teria sido vazado ao PIG/PPV e estampado manchetes garrafais. Se nem Mônica Bérgamo e sua coluna de fofocas revelou qualquer coisa que possa indicar a participação de Lula em qualque ilicitude, é porque a coisa está ficando feia para os golpistas, desesperados que estão por condenar e prender Lula.

    Sérgio Moro, que já exala odor de carniça e fossa séptica, após ser demolido e surrado por Lindbergh e Farias e Gilmar Mendes (com que intenção deste não se sabe e nenhum analista ousou escrver sobre esse enigma da esfinge, em que o tucano mais poderoso do Brasil detonou o também tucanoe aliado, o juizeco de 1ª instância da guantánamo paranaense), fará o possível e o impossível para condenar e encarcerar Lula. Mesmo com as manifestações fascistas, apoiadas e encabeçadas pela ORCRIM da Fraude a Jato e pelo PIG/PPV, com apoio tácito do STF, o juizeco paranaense JAMAIS será o super-herói da numerosa malta que o bajulava, até a última quinta-feira.

    Sugiro ao GGN explorar jornalìsticamente a participação de sérgio moro num evento ocorrido num bar, onde uma banda cantava uma música bajulando o juizeco, incitando-o a perseguir parlamentares, estimulando a violência contra estes.

    • Ora, a intenção do mais

      Ora, a intenção do mais tucano dos juizes é detonar o Moro, porque atingiu o objetivo principal, feriu de morte o PT, e para justificar ao mundo, a continuidade da Lava Jato, esta teria que pegar todos os envolvidos, e cá entre nós se para o PT foi preciso inventar e dar vida a teses obscuras, imagina contra aqueles em que abundam provas até em obras literárias.

      Resumindo a corrupção começa e acaba no PT, e os coxinhas vão pra galera.

  6. E tucanos, nada! que

    E tucanos, nada! que vergonha. Impressiona para uns dominio do fato para outros nem mesmo extratos e money são sufiecientes…. o caos a vista…

    • judiciário parciall e partidário

      Para uns, cadeia sem delito nem prova, porque a literatura permite.
      Para outro$, delito e prova sem cadeia, porque não vem ao caso.

      E enquanto houver gloebbels e PiG, boa parte da população vai seguir às cegas, votando e manifestando-se contra seus próprios interesses.

  7. Com a delação da odebrecht

    Com a delação da odebrecht dirão que o Paloci e o Mantega eram homens do lula, assim como disseram o o Lula era o chefe supremo da corrupção no país, como disseram que o Lula era dono do ap triplex, assim como disseram que o Lula era dono do sítio, assim como disseram que o Lulinha era o homem mais rico do brasil assim como disseram… disseram… disseram…

    e vão continuar dizendo. O problema e provarem e convenceram a Onu que a prova é válida.

  8. O enredo dessa mal ajambrada

    O enredo dessa mal ajambrada novela está sendo escrito por fogo amigo e aproveitado e alimentada pela oposição, é por isso que não tem nexo algum. Só vai adiante porque padecemos nós brasileiros do mal da hipocrisia! Libertem o país da hipocrisia e seremos uma nação, onde teorias como a do domínio do fato não passarão! Permaneçamos hipócritas e, muito em breve, o exército tomará conta disso aqui outra vez e não por golpe, mas por necessidade! Que pena!

  9. Eu tenho a impressão….

    Eu tenho a impressão de que a mulher do Moro não é séria, embora pareça, mas há evidências de que não é. Mas não tenho muita convicção e tampouco nenhuma prova. 

  10. Sem querer aqui comparar Lula

    Sem querer aqui comparar Lula com Kadafi mas uma coisa é certa: tal como na Líbia, este processo visando como único objetivo destruir Lula a qualquer custo, agravará a tensão nas ruas…,..quem viver verá: por enquanto a direita, amparada pela globo-moro-mercado, canta de galo no terreiro com seu arremedo de juiz a tiracolo,..,,,sim, mas até quando heim…

  11. Os vermes se contorcem.

    Quanto mais os vermes pulsam e se contorcem em busca de algum material orgânico em decomposição, mais acabam revelando as abissais diferenças entre eles, nematóides, e o grande estadista que pretendem inculpar. Criaturas desprezíveis.

  12. Lula e o pequeno mar de lama de Curitiba (o MP de lá)

    Tudo bem, esta é “a versão da hora”. Cada vez mais é menos crivel as “ilações” e cada vez mais é maior a forçação de barra de promotores, juízes e delegados enchafurnados na lama fétida da 4ª vara de Curitiba. Acho que tentarão até a pena de morte – custe o que custar; haja o indíco que houver (ou não), seja lá que provas forem. Mas agora, depois destes anos e o “tudo isto que vemos aqui”, pergunto: o espaçõ para isto não ficou reduzido; diminuto?

    Não se trata de montar uma versão coerente para uma história fajuta. Trata-se de TODA equipe passar um recibo de imbecil a mesma; e depois quere-lo passar adiante (“para nós”) como se completamente idiota a história não fosse; ou fossemos nós idiotas. 

  13. Lula e o pequeno mar de lama de Curitiba (o MP de lá)

    Tudo bem, esta é “a versão da hora”. Cada vez mais é menos crivel as “ilações” e cada vez mais é maior a forçação de barra de promotores, juízes e delegados enchafurnados na lama fétida da 4ª vara de Curitiba. Acho que tentarão até a pena de morte – custe o que custar; haja o indíco que houver (ou não), seja lá que provas forem. Mas agora, depois destes anos e o “tudo isto que vemos aqui”, pergunto: o espaçõ para isto não ficou reduzido; diminuto?

    Não se trata de montar uma versão coerente para uma história fajuta. Trata-se de TODA equipe passar um recibo de imbecil a mesma; e depois quere-lo passar adiante (“para nós”) como se completamente idiota a história não fosse; ou fossemos nós idiotas. 

  14. Nassif;
    Foi somente aparecer

    Nassif;

    Foi somente aparecer uma manifestação dos coxinhas e do pig, como a de domingo, que a porta voz da lava jato, sai por aí inventando emntiras.

    O chefe dos procuradores da lava jato, o tal do dalagnol,  tem pacto com o capeta, disto eu não tenho dúvida nenhuma. A alma dele está vendida e entregue ao coisa ruim, mas ele continua travestido de  cordeiro.

    Este hipócrita vai arder no fogo do inferno ainda aqui na terra.

    Genaro

     

  15. Destruidores de famílias e de reputações

    Igualmente execrável é aquele caso do executivo da OAS (se não me engano), Coutinho de Sá, que ficou encarcerado 9 meses, tendo como consequência o fim do seu casamento, a perda do emprego e a longa separação da filha pequena, transtorno depressivo que requereu tratamento, além das ameaças de um réles carcereiro que dizia que ele nunca mais veria a filha. Depois o pior, condenação a ONZE ANOS de prisão pelo juizeco da Guantánam brasileira que estorque delações torturando psicologicamente os delatores. Pois bem, depois de todas essas crueldades o cidadão é ABSOLVIDO POR UNANIMIDADE JÁ NA 2ª INSTÂNCIA. Qualquer indenização monetária (que será paga por nós) a esta vítima da quadrilha de Curitiba não terá o poder de reconstruir sua vida.

    Quantas vidas mais este juizeco da república de Curitiba precisará destruir, famílias, empregos e tudo o mais para que uma instância superior tome alguma iniciativa (se a globo deixar, claro)? Esse indivíduo precisava sofrer uma sindicância administrativa e ser demitido a bem do serviço público, sem prejuízo das ações judiciais de suas vítimas.

    É preciso também, na minha visão de leigo, que destas indenizações por erro judiciário, alguma coisa tem que sair do bolso dos responsáveis, nem que seja um salário mínimo, ao invés de ficar nas costas dos contribuintes. Deveria haver uma lei responsabilizando o autor do erro, principalmente quando há flagrante má-fé na condenação. No caso do sr. Coutinho de Sá, por exemplo, parece que o juizinho ficou putinho com linha de defesa de seus advogados que não aceitaram ficar submetidos ao humor desse doente mental e resistiram bravamente.

  16. Não entendi

     Desculpem mas eu não entendi, porque  insistem em dizer informações da Mônica Bérgamo. Todos sabemos que não existe informação mas sim criação  de notícias e ou reafirmação de um projeto. A notícia plantada apenas é a semente do balão de ensaio.    O que se pode dizer é que alguém mandou esta mulher que se diz jornalista a dar mais uma destas notícias. Gostaria muito que alguém tivesse a paciência  de contar o número de notícias do mesmo naipe, gerado por colunistas que um dia foram jornalistas. Ela junto com Josias e Clovis Rossi continuam na mesma senda. Um dia chegam à categoria de  Kataguri.

    Sim talvez devamos prestar atenção, pois preferem que ela dê este tipo de notícia, afinal, quem sabe alguém ainda acredite na sua credibilidade. Ela intermedeia frases como

    …jogar concreto nas supostas relações promíscuas entre Marcelo Odebrecht, dois ex-ministros da Fazenda, o “caixa mãe” do PT e Lula….

    e vai desfiando em seus artigos as suposições que sempre atacam  quem eles querem atacar. Este é um tipo de jornalismo, que visa criar um fato judicial.  E de suposição em suposição alguém enche o papo.

     

  17. E.Ts.

    Corre o boato, atribuído à mesma jornalista, que os ETs só vieram para a terra participar de uma concorrência no governo do Presidente Lula. Tenha a santa paciência!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome