FHC confirma a Moro que recebeu doações de empresas para manter acervo

O ex-presidente tucano também afirmou não ser “um constrangimento” ser contratado por empreiteiras para dar palestras
 
 
Foto: Reprodução
 
Jornal GGN – O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso prestou depoimento como testemunha de defesa do ex-presidente Lula sobre a ação que investiga o suposto pagamento de propina como reforma no sítio de Atibaia pela OAS. Ao juiz Sérgio Moro, FHC confirmou que recebeu doações de empresas privadas para auxiliar na manutenção e armazenamento do acervo presidencial.
 
“Isso está tudo registrado. E no meu caso, falamos em Fundação, porque o promotor da Fundação é que controla. (…) Está tudo registrado, a receita, a reserva, com toda a clareza necessária”, disse o ex-presidente FHC.
 
Sobre as palestras remuneradas, das quais o ex-presidente confirmou também realizar, o advogado Cristiano Zanin Martins questionou a opinião de FHC sobre o que ele achava ser contratado por empreiteiras. “Não vejo constrangimento”, disse.
 
“Eu não me recordo de alguma empreiteira ter me contratado para fazer palestra, mas eu tenho feito para, não sei quem, para muita gente no Brasil, no exterior, toda a parte. Com uma condição, elas são públicas. Eu vou lá, faço a palestra, digo o que eu penso, as vezes é debate. Não vejo constrangimento se for [de empreiteiras que contratarem], a menos que seja fora da lei. Tudo o que for dentro da lei e que obedeça o que for requerido”, manifestou.
 
A acusação que recai contra Lula na ação sobre o sítio Santa Bárbara, em Atibaia, de propiedade do ex-prefeito de Campinas, Fernando Bittar, e Jonas Suassuna, é que Lula teria recebido a reforma em um espaço do terreno para armazenar o acervo presidencial como forma de pagamento de propina calculada pelos procuradores em R$ 1 milhão da OAS, Odebrecht e Schahin.
 
“Eu vou dizer o que eu acho, as pessoas podem perguntar depois o que quiserem, tudo bem. Também lá no Instituto eu tenho uma coisa que se chama ‘Diálogo com o Presidente’, já falei com mais de 6 ou 7 mil jovens. Então é assim, palestra é a mesma coisa, então tem o mercado”, completou sobre ter público para ser contratado por prestar palestras.
 
Acompanhe o trecho do depoimento:
 
https://www.youtube.com/watch?v=Dl2BwKd_Ua4
 
 
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

5 comentários

  1. Por onde anda Ulisses ?A
    Por onde anda Ulisses ?

    A democracia brasileira está derrotada, no chão, humilhada e,tragicamente, pelo próprio modus operandi dos golpistas, que resolveram criminalizar a política ao queimarem pontes que poderiam facilitar a retomada do dialogo, verdade é que hoje faltam-nos personagens moderadores que viabilizariam um necessario e urgente armistício.

    Fato, o Brasil não ganha com o que está acontecendo, praticamente nenhum dos brasileiros também.

    Muito mais do que discussões INFANTIS de parvos ideológicos que se digladiam por idéias de homens seculares como Marx e A.Smith, gente que SEQUER conheceu a lâmpada elétrica, a realidade é que estamos perdendo um tempo importante pra nossas próprias vidas e pros que virão depois de nós.

    Canais precisam ser escavados, trilhas abertas, negociações, concessões e flexibilizações precisam ser feitas.

    O BRASIL não vai ser pacificado se as eleições forem tocadas somente com estes personagens menores, isso enquanto o maior dos nossos líderes vivos se encontrar preso e tolhido no direito de pleitear junto a sociedade a sua canditatura a presidência.

    Por onde anda Ulisses ? Aonde se encontram os homens e mulheres de boa vontade ?

    Alguém sabe me dizer ?

  2. Não me cansarei

    Vem notícia., vai notícia, vem comentários, vai comentários etc. etc. etc., mas a pergunta que ninguém consegue responder é como esse juiz marca bosta, de primeira instância, da província de Curitiba (com todo o respeito à cidade, mas politicamente é zero à esquerda), formado numa universidade de 5ª categoria, tem todo esse poder?

    Aonde está a lógica nesse caso?

    Quem lhes dá retaguarda e poder para fazer o que quiser?

    A não ser aquilo que eu advogo: o Departamento de Estado dos EUA.

    Quando as esquerdas vão começar a se preparar para o pior?

    Só um aviso: se a direita não tiver candidato competitivo que pelo menos faça alguma cócegas no candidato da esquerda, não haverá eleição. Ou então um candidato da direita que fique mais ou menos pareado com o da esquerda, haverá eleição.

    E esse será o panorama ideal para os golpistas, porque ai terão todas as condições de fraudarem as urnas, e darão “legitimidade” ao pleito”, vencendo as eleições “democraticamente”.

    Esse é o pior dos mundos para as esquerdas.

  3. Otários estendendo a fraude fascista rotulada de Redemocracia

    Caro ‘THC’, nós sabemos que doações feitas de forma AntiCapitalista, como ensinado pelo guru Sartre. Um dinheirinho em Fundos de Investimento em Paraisos Fiscais, juntamente com Parente, administrando Ações das Privatarias da Petrobrás, praticadas em seu Governo para manter os Combustíveis com preços na Estratrosfera? Coisinha inocnte !! AntiCapitalista, é claro !! Ah! A Filha do Serra tem os mesmo Fundos nos mesmos Paraisos Fiscais em Contas Milionárias?! Mundinho pequeno, este !!!  Mas entendemos a mensagem óh! Intelectual, óh! Filósofo da Grande Sociologia AntiCapitsalista Tupiniquim: “Uma coisa é uma coisa. E outra coisa é outra coisa. E a “pura’ não está barata, não é mesmo Aécio Neves? E um País inteiro de Iludidos e Otários embarcou mais 40 anos nesta fantasia fascista implantada e perpetuada a partir de 1930. A Familia do Caudilho explica nossa Aberração. O Brasil é muito raso.   

  4. Da Nobreza do Príncipe

    Nassif: temos que respeitar as proporções. Quem é NoveDedos? (versão tucanídica-demoníaca). Tem palacete em Paris? Mora em zona nobilíssima da maior capital do Pais (apartamento adquirido com auxílio de uma certa colônia estrangeira que domina as cercanias)? É protegido pelos da caserna? Tem amicíssimos no Çu-premu? Essa de que o Povo o quer, o Príncipe de Paris se lixa. Ele da povalha, não que nem o voto. Dai seu bando político exigir eleição indireta, pelo Congresso, onde, segundo um parlamentar da Casa, 80% é bandido fichado.

    Já o Principe de Paris, este sim é bem apessoado. Fala inúmeras línguas (serviria para porteiro de hotel), principalmente a daquelas instituições financeiras que cuidam de suas aplicações. Com DezDedos pode reter maior numerário.

    E não pense você que ele é caradepau. Recebeu, recebe e receberá dindim por detro, por fora, por cima, por baixo (dos panos) e pelos lados.

    Agora, trace o perfil do SapoBarbudo (versão caserna). Não passa de um OperárioNordestino (versão FIESP/elite), um MelianteMetalúrgico (versão Judiciário), pois tão logo subiu a rampa teve o despautério de transformar o MeuPalaceteMinhaMordomia num reles MinhaCasaMinhaVida, pra dar habitação prá pobre. Bastava consturir pontes. E não contente, acabou com o BolsaExtorção, no valor mensal de $10 mil/mes. Em seu lugar botou um tal da de BolsaFamilia, de R$ 184,00/mes. Trocou caviar por sardinha. Não deu outra, pegou logo de cara 12 anos (parece propaganda de Whisky). Deveria ser perpétua, prá aprender onde seu lugar.

    Por isto é que cada coisa tem de ser tratada distintamente. A nobreza do Príncipe lei faculta a Lei praticar ilícitos e, havendo necessidade, até roubar. De raça superior, goza previlêgios. Já o outro, res do chão, tem mais é que pegar perpetua.

  5. email de pedido de doação por fhc

    É bem fácil de saber se a ação de pedido de doação feita por fhc, em email ao marcelo odebrecht, foi legal ou não.

    Se a conta citada por fhc no email for pessoal é crime, se for da campanha ‘pode ser’ grana legal. Daí ele realmente não tem nada com o depósito. Só com o pedido.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome