Humberto Costa rebate acusações de que teria recebido R$ 1 mi em propina da Petrobras

 
Jornal GGN – O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PT-PE), rebateu as acusações publicadas pelo jornal O Estado de S. Paulo, de que teria recebido R$ 1 milhão do esquema de propinas e corrupção na Petrobras para sua campanha de 2010. A denúncia teria sido feita pelo ex-diretor de Abastecimento da estatal, Paulo Roberto Costa, em depoimento à Polícia Federal. “Todas as doações de campanha que recebi na minha candidatura ao senado em 2010 foram feitas de forma legal, transparente, devidamente declaradas e registradas em minha prestação de contas à justiça eleitoral e inteiramente aprovadas, estando disponíveis a quem queira acessá-las”, disse Costa, em nota oficial.
 
No depoimento, o ex-diretor da Petrobras disse, ainda, que o dinheiro fora solicitado pelo empresário Mário Barbosa Beltrão, amigo do senador e presidente da Associação das Empresas do Estado de Pernambuco (Assimpra), e que o valor teria saido da cota de 1% do PP (Partido Progressista), sigla que teria o controle político da diretoria de Abastecimento da Petrobras. 
 
“Nego veementemente ter pedido a quem quer que seja que solicitasse qualquer doação de campanha ao sr. Paulo Roberto. Tal denúncia padece de consistência quando afirma que a suposta doação à campanha teria sido determinada pelo Partido Progressista (PP) por não haver qualquer razão que justificasse o apoio financeiro de outro partido à minha campanha”, rebateu Costa.
 
A reportagem do Estadão publicou, também, que se Paulo Roberto Costa não ajudasse seria demitido. Para este ponto, o senador caracterizou como “inverossímil”. “Como se eu, à época sem mandato e tão somente candidato a uma vaga ao Senado, tivesse poder de causar a demissão de um diretor da Petrobrás”, interpôs.
 
O petista afirmou que a denúncia de Paulo Roberto não tem “qualquer prova, não sabendo dizer a origem do dinheiro, quem fez a doação, de que maneira e quem teria recebido”.
 
O senador concluiu informando que aguarda “com absoluta tranquilidade o pronunciamento da Procuradoria-Geral da República sobre o teor de tais afirmações”, para depois tomar as devidas medidas, e adiantou a disponibilização da abertura de seus sigilos bancário, fiscal e telefônico.
 
“Sou defensor da apuração de todas as denúncias que envolvam a Petrobras ou qualquer outro órgão do Governo. Porém, entendo que isso deve ser feito com o cuidado de não macular a honra e a dignidade de pessoas idôneas. O fato de o sr. Paulo Roberto estar incluído em um processo de delação premiada não dá a todas as suas denúncias o condão de expressar a realidade dos fatos”, criticou.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

9 comentários

  1. O pior a respeito de

    O pior a respeito de VAZAMENTOS DE DELEGADOS DE MERDA da PF nos ultimos anos eh o ministro da juZtica.

    Tambem chamado de “Bolha de Agua” ou “Calo”, Cardozo so aparece depois que o trabalho ta feito.

    Deve estar ganhando muito bem…

  2. Qual é mesmo o rito dessas

    Qual é mesmo o rito dessas delações? Dizem (parece que o juiz pede) para o delator não citar nome de parlamentar, senão o STF assume o caso. Mas os jornais já divulgaram vários nomes com prerrogativa de foro e o processo continua no Paraná. Parece que há uma delação oficial, cercada de sigilo, e uma outra “delação” de uso exclusivo da imprensa, tipo vale tudo, para manter o clima de mar de lama, sem necessidade de prova e até mesmo de investigação posterior da denúncia. Sei não.  Por muito menos, o STJ anulou processos. Servindo ou não a um objetivo golpista, essa Lava Jato tá com toda pinta que vai pro ralo.

  3. A mídia golpista está indo

    A mídia golpista está indo longe demais. Ataca petistas, dando valor a depoimento viciado por questões que até o presente momento ainda não sabemos. Dá, no entanto, para perceber claramente que essa mídia criminosa tem um lado do qual não se apartará tão cedo. Há algo de muito sujo no ar que se tem respirado nos últimos dias, e é uma poluição cujo cheiro já sabemos de quem é, dos peessedebistas. Sobre esses nada é exalado. Mas estes sim, exalam de suas vidas um cheiro insuportável, tamanha corrupção em que estão entranhados. São os gases de uma podridão incomensurável. Se for aberta a porta da fossa tucana, ninguém aguentará. Alguns ficarão surpresos, outros cairão num torpor.

    Até quando o PIG continuará proferindo mentiras sobre um só lado? Haverá um limite no qual todos perceberão. O descrédito do PIG se acentua cada dia mais. Até os mais bobos estão percebendo isso.

  4. Caro Nassif e demais
    Falar

    Caro Nassif e demais

    Falar mal do PT, virou mania, igual era do Maluf. O PT não soube se defender quando isso começou, virar a mesa agora, é complicado, mas não impossível.

    Saudações

     

  5. O partido da notinhas…

    Imaginem alguém sendo esfaqueado e escrevendo: “Repudio veementemente esta forma violenta com que estou sendo tratado neste momento. Repilo de forma peremptória!” O PT virou o partido/governo das notinhas indignadas. E só. Enquanto monta o novo governo esquece que ele será uma continuidade (escolhida pelo povo) ininterrupta e que precisa seguir em frente. Mas o que vemos são notinhas e balões de ensaio. O governo precisa mostrar ação, enfrentamento político, enfim, governar. Estudar e apresentar um pacote de ações para garantir e ampliar as conquistas da Classe C. Reconquistando a Classe C, especialmente a do Centro-Sul, o apoio popular será tão forte que acaba esse golpismo que está no ar e a base política reduz as cobranças estridentes. Na série de textos abaixo há uma reflexão neste sentido. O que a Classe C precisa? Recomendo a leitura.

    http://reino-de-clio.com.br/Pensando%20BR3.html

    http://reino-de-clio.com.br/Pensando%20BR2.html

    http://reino-de-clio.com.br/Pensando%20BR.html

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome