Home Editoria Justiça Indiciamento da Zelotes contra Lula e ex-ministros do PT alarma por acusação sem provas

Indiciamento da Zelotes contra Lula e ex-ministros do PT alarma por acusação sem provas

22
Indiciamento da Zelotes contra Lula e ex-ministros do PT alarma por acusação sem provas

Foto: Wilson Dias / ABr
 
Jornal GGN – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi indiciado pela Polícia Federal no andamento das investigações da Operação Zelotes. O documento não tem validade em processos penais e tem peso, apenas, como ferramenta de investigação da PF. Em resposta, a defesa de Lula disse que “repudia toda e qualquer ilação sobre seu envolvimento em atos ilícitos a respeito da edição da MP 471, alvo da Operação”.
 
Em nota emitida logo após as publicações noticiosas de que Lula estava sendo alvo de mais um indiciamento, como se o mesmo equivocadamente valesse de forma acusatória no andamento do processo na Justiça, os advogados Cristiano Zanin Martins e Roberto Teixeira alertaramn que nem sequer tomaram conhecimento do indiciamento. 
 
“Desconhecemos o documento emitido hoje pela Polícia Federal, mas reforçamos que Lula foi submetido, nos últimos dois anos, a verdadeira devassa e nenhuma prova foi encontrada, simplesmente porque não houve de sua parte qualquer ato de corrupção, ao contrário do que tem afirmado seus acusadores”, afirmou a defesa em comunicado.
 
Sem significar culpa ou condenação, mas a imputação do ex-presidente no inquérito policial, os delegados que investigam acreditam haver indícios suficientes de autoria de Lula no suposto crime de corrupção passiva.
 
A investigação apura a venda de uma medida provisória, a 471, estendendo incentivos fiscais a montadoras e fabricantes de veículos nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, como forma de interesse. Segundo o documento da PF, não apenas Lula, como também outras 12 pessoas, incluindo ex-ministros do governo do ex-presidente e empresários, foram apontados como alvos do inquérito.
 
O relatório da Polícia Federal segue agora para o Ministério Público, que analisa se há a necessidade de mais diligências para incrementar na investigação e, somente então, verificar se é o caso de apresentar uma denúncia oficial à Justiça. A tese dos delegados é que lobistas que representavam as montadoras repassaram propina na quantia de cerca de R$ 6 milhões ao PT para que a Medida Provisória fosse publicada.
 
Dessa forma, também foi indiciado Gilberto Carvalho, ex-ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência do governo de Dilma Rousseff. Em nota, Gilberto disse estar absolutamente indignado com a suposta acusação da Polícia Federal e que recebeu a notícia com surpresa.
 
“Tive a honra de servir por oito anos ao Presidente Lula e acompanhar seu zelo em fazer crescer nossa economia, a distribuição da renda e o estímulo à produção automobilística. As medidas provisórias de estímulo à descentralização da produção visavam unicamente a estes objetivos, de fazer o desenvolvimento se espalhar por regiões como o Nordeste e o Centro Oeste”, disse.
 
Os advogados de Lula lembraram que o ex-presidente vem sendo alvo de ataques, que consideram “perseguição política por meio de procedimentos jurídicos”. “Essa onda de ataques só serve para reforçar que nosso cliente é vítima de perseguição política por meio de procedimentos jurídicos, pratica reconhecida internacionalmente como lawfare, e que atenta contra o Estado Democrático de Direito”, manifestaram.
 
“Só a decisão premeditada de fazer valer tudo nessa guerra jurídica e política pode ter levado membros da PF a tomar esta iniciativa. Só o ódio que cega pode ter levado funcionários públicos que deveriam zelar pela respeitabilidade de sua Instituição a praticar tamanho absurdo”, afirmou Gilberto Carvalho.
 
O ex-ministro indicou que os próprios delegados da PF sabiam disso e que “leram” em seus “olhos” e em sua “emoção indignada esta verdade”. “Se agentes bandidos e parlamentares que apoiaram o golpe se envolveram em negociatas com as empresas, que sejam eles punidos, e não nós que só fizemos lutar por este País. Não é justo que sejamos perseguidos por um ódio que não cultivamos, pelo simples fato de contradizermos interesses de um projeto que agora destrói o País”, acrescentou.
 
Gilberto ressaltou, também, que ele não pode ser condenado somente “porque um lobista anotou meu nome para uma reunião que nunca existiu” e disse esperar que o Ministério Público analise com cuidado o inquérito “infundado” e “não aceite mais esta demonstração clara de perseguição política por parte de membros de um órgão do Estado brasileiro”.
 
A Operação Zelotes iniciou apurando os desvios no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), órgão vinculado ao Ministério da Fazenda e que julga recursos referentes a impostos e multas de contribuintes a nível administrativo. Processos desdobrados da Zelotes apontam que grandes executivos, incluindo o próprio presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, são réus por terem participado de um esquema envolvendo o pagamento de propina a conselheiros para manipulares os resultados dos julgamentos.
 
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

22 COMMENTS

  1. O mundo endoidou.
    Lá nos

    O mundo endoidou.

    Lá nos “states” já estão insinuando que o tal “wannacry” é obra da Coréia do Norta, comandada, imagino, por um gênio nessa “arte”.

    Por aqui, seguindo a antiga lógica de que “o que é bom pros EUA é bom para o Brasil”, a Zelotes mirou em peixes graúdos, depois deu meia volta e apontou pros suspeitos de sempre.

    Será que o Lula, a Dilma e demais suspeitos não ajudaram os russos a interferir no resultado da eleição que deu a vitória ao Trump?

    Pode ser outro filão a explorar.

  2. Por que não pegam o Zé Eduardo Cardoso?

    Engraçado que o único Ministro que ninguém dessas corporações fala nada é do ex da Justiça. Isso porque foi o que mais tempo ficou no cargo na história!

    Deve ser a paga pelo serviço de alguém que, além de ter garantido que tudo estava bem o tempo todo, ainda arrumou uma incubadora para os ovos da serpente. Ingenuidade e inércia em política levam a isso.

    Pra mostrar que não tem como transigir com essa direitona. Tem que levar sempre no limite para eles não terem como revidar, porque eles não seguem as regras quando podem ganhar o jogo.

    • Assim como Tancredo ministro

      Assim como Tancredo ministro da justiça de Vargas. O PIG sempre o tratou a pão de ló. Até o escolheu para ser o primeiro Presidente pós ditadura com o aval dos militares. Eles sabiam que com ele lá podiam ficar tranquilos. E olha só quem é o netinho do vovô.

    • A questão….

      que não quer calar…………me faz lembrar desta noticia do 19/10/2016 :

      Justiça tenta bloquear R$ 221 mi de Cunha, mas encontra contas zeradas

      Um pedido de bloqueio de R$ 221 milhões feito em uma ação que corre em paralelo às investigações da Operação Lava Jato encontrou quatro contas do ex-deputado Eduardo Cunha com saldo zero.

      Me pergunto como um sujeito “manjado” como Cunha, ja em cana na epoca, consegue fazer  221 milhões “desaparecerem”……..

  3. Comentário.

    Na Líbia, no Iraque, os Estados Unidos armaram grupos rebeldes (ê,essa linguagem dúbia) pra minar governos (Iraque é um caso em separado, Saddam foi um bom empregado dos Estados Unidos, eliminado num sistema jurídico falso e em queima de arquivo… opa!) e fizeram os países o inferno em vida.

    No Brasil, o sistema judiciário procura minar a oposição a um golpe, perpetrado por um informante norte-americano alçado a presidente. O sistema parlamentar faz a outra parte do jogo legal, eliminando legislação protetiva.

    Bom, no campo econômico, o maior vendilhão é parente de alguém, mas não é meu.

    Até o termo BRICS sumiu da imprensa. Já reparou?

  4. José Dirceu foi condenado

    José Dirceu foi condenado porque não provou sua inocência.

    Rafael Braga Vieira foi condenado por portar substancias explosivas que, segundo o Laudo Técnico, não poderiam ser utilizadas para construir explosivos.

    As provas contra Aécio Neves, José Serra e Michel Temer são contundentes, mas não resultam em processo, condenação ou prisão.

    Alguém ainda acredita que o MP e o Judiciário estão preocupados com provas?

    Sobre as provas vide:  https://jornalggn.com.br/blog/fabio-de-oliveira-ribeiro/as-provas-ora-as-provas-disse-o-justiceiro-vestido-de-juiz

  5. Caramba, por qual motivo

    Caramba, por qual motivo ninguém se preocupou em verificar o vídeo que está rodando, dando conta da contradição ocorrida na delação “premiada” da monica e de seu marido. Procurei verificar se realmente procedia tal contradição e, pude constatar que efetivamente, enquanto a monica diz que ficaram sabendo do mandado de prisão através da Presidenta Dilma; seu marido nega ter tido conhecimento através de alguém do governo, alegando ter tido ciência através da tv, ainda, na República Dominicana. É só verificar no you tube a contradição.

    Outra coisa,  algumas mídias chamaram a atençaõ, através de “especialistas” , no sentido de que LULA mentia, pois à toda hora “mexia no bigode ou mexia nos papéis” e, não atentaram para as várias, mas várias vezes em que o Santana também procedeu quase da mesma maneira, ou seja, algum tipo de tique quando está mentindo. É só observar as várias vezes em que mexe “no nariz” a cada vez que tem que acusar os ex presidentes de algo. Se vale para um, tem que valer para todos.   

    Se tivermos o cuidado de assistir com atenção os depoimentos do santana e da mulher, acho que podemos descobrir muito mais. O problema é ninguém, nem o mp o judiciário (fachin) atentar para esses fatos, que não podem passar despercebidos. Ou a delação é verdadeira ou é isso que estamos vendo e, segundo o “judiciário” o delator não pode “mentir”. SQN.

  6. Sugestão de charge tendo em vista que o tiro do Fachin culatrou

    Dilma entra em contato via email com a Monica Moura e lhe diz:

    “Olha, Mônica, foi visto um mandado de prisão contra vocês em cima da mesa de alguém da Polícia Federal. Em sendo assim, me informe um telefone ‘seguro’ que eu preciso passar essa informação privilegiada a vocês com urgência mas não pode ser por email, tem que ser por um telefone.

    Qualquer semelhança entre essas comunicações entre a Dilma e a Monica Moura e o Militar que, falando de um problema civil, afirmou: “Ora, isso pode ser resolvido por qualquer criança de três anos!” E depois de um momento de embaraço, acrescentou: “Tragam-me uma criança de três anos!”

    Latuff, cadê você, Rapaz?

  7. Precisam mudar o nome para Operação dos Fariseus…

    E pensar que em seus primórdios a tal de Operação Zélotes encontrou os roubos de:

     Afiliada da Globo”…instituições financeiras, como grandes bancos, empresas do ramo automobilístico, da indústria, Afiliada da Globo da siderurgia e da agricultura, além de dez integrantes do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) – Conselho de Contribuintes da Receita, vinculado ao Ministério da Fazenda – e escritórios de advocacia e de contabilidade. …”  –  https://jornalggn.com.br/fora-pauta/a-operacao-zelotes-parte-i 

    Vão ser MENTIROSOS, LADRÕES  assim no “RAIO” QUE OS LEVE.

    • zelotes ou saduceus?

      Os saduceus eram piores que os zelotes e que os fariseus. Eram eles que faziam o conchavo com o império romano. A história vai se repetir: nção sobrará um saduceu para contar a história!

  8. Todas as nossas polícias são

    Todas as nossas polícias são subordinadas a grã Irmandade. O Brasil é réfem. E ponto final

  9. Aos inocentes imputa-se

    Aos inocentes imputa-se crimes, aos culpados dá-se o perdão, nem Maquiavel previu isso.

    Por minutos peguei a UOL no pulo, rsrsrsr

    Site da UOL, no dia 16 de maio de 2017, as 09h03minh estas duas matérias estavam no mesmo nível da diagramação e mostrava visualmente a diferença de tratamento dada para Lula e a que é dada para temer, as 09h06min a diagramação foi mudada, com o claro objetivo que o leitor não percebesse isso, (ver fotos), além desta manipulação, há outra mais grave, é o texto das duas matérias que tratam de coisas aparentemente similares, é uma das coisas mais terríveis que já vi em minha vida, fiz uma análise tomando algumas noticias do próprio site e de outros para explicar a primeira matéria que fala sobre o Lula (MP 471) e a seguir um resumo, depois fiz o mesmo com a segunda matéria a que fala sobre o temer (com proposital t minúsculo), é clara a manipulação e a desinformação é gigantesca, é um crime violento e cruel contra a Democracia, contra a justiça, contra o Jornalismo, contra a imprensa, contra a informação e por consequência, contra cada um de nós.

    segunda-feira, 16 de maio de 2017 (09h03min h), ao abrir o site UOL dei de cara com estas duas matérias uma ao lado da outra: 1) PF indicia Lula por beneficiar montadoras. Lula estaria envolvido em “venda” de Medida Provisória.

     2) Por apoio à reforma Temer dá desconto a empresas.

    Printei para colocar a matéria em discussão na rede tendo em vista a diferença de tratamento que o referido site dá à lula e a temer o golpista, 3 minutos depois de salvar, voltei ao site da UOL para retornar a leitura das matérias, mas vi que elas tinham mudado de lugar e a chamada da matéria que fala sobre Lula também havia ocorrido, na mudança eles colocaram um novo Titulo:

    1)Lula é indiciado por participação na venda da MP. (e a matéria foi deslocada e colocada mais abaixo da matéria que fala sobre temer):

    2)Por apoio à reforma Temer dá desconto às montadoras. (foi mantida a chamada original)

     

    Na primeira foto do site fica claro que o site diferencia e dá destaque na chamada, ex- presidente Lula estaria envolvido em “venda” de medida provisória.

    O site não cita o numero da Medida Provisória que é a MP 471 e nem que se trata de uma reedição MEDIDA PROVISÓRIA Nº 1.916, que foi transformada na * LEI Nº 9.826, DE 23/08/1999 pelo governo do Fernando Henrique Cardoso (DO-U, DE 23/08/1999) e que ela dispõe sobre incentivos fiscais para desenvolvimento regional, altera a legislação do Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI, e dá outras providências.

    Para esclarecer: Na MP 471 O Governo do PT estende o prazo de aproveitamento fiscal

    Das montadoras.

    § 2º O crédito presumido corresponderá a trinta e dois por cento do valor do IPI incidente nas saídas, do estabelecimento industrial, dos produtos referidos no caput, nacionais ou importados diretamente pelo beneficiário.

    Lei => § 3º O crédito presumido poderá ser aproveitado em relação às saídas ocorridas até 31 de dezembro de 2010.

    MP 471 => § 3º O crédito presumido poderá ser aproveitado em relação às saídas ocorridas até 31 de dezembro de 2015.

    A matéria da UOL, não conta também que esta lei foi feita para prejudicar o Estado do Rio Grande do Sul quer tinha elegido como governador Olívio Dutra pelo Partido dos trabalhadores e que já tinha assinado com a referida empresa acordo para a instalação da nova Fábrica da FORD e mais ainda,  a instalação da planta fabril já havia começado e a referida empresa foi condenada a ressarcir o Estado do Rio Grande do Sul pelo Tribunal de justiça do RGS.

    A UOL não pode alegar desconhecer estes fatos, visto que é matéria publicada em seu Site de Notícias em 29 de maio de 2013. ****, a matéria de hoje passa longe de citar o papel de Fernando Henrique Cardoso do PSDB e dos seus asseclas do Partido da Frente Liberal, antigo PFL e hoje denominado Partido dos Democratas (DEM) que fizeram todas as articulações possíveis para prejudicar o Governo de Olívio Dutra e o RGS.*** Em defesa de seu aliado no Estado da Bahia governador César Borges do PFL.

    A matéria não cita também que o mesmo César Borges foi o relator da MP 471 no SENADO FEDERAL EM 2009, e que na época era Senador pelo Partido da República que se aliou ao governo Lula e que foi um dos principais articuladores para que MP 471 fosse editada com a alteração da data para o vencimento do crédito presumido de 31 de dezembro de 2010 para 31 de dezembro de 2015.

    A matéria (1) não fala que a MP beneficiou toda a Região Nordeste e Centro-Oeste e que ela não seria aproveitada apenas pela referida montadora, e que ela incentivou que centenas de empresas se instalassem nestas regiões, incentivando o desenvolvimento industrial e econômico, reduzindo desigualdades.

    O que a matéria tenta é implicar o ex-presidente Lula na Operação Zelotes na qual ele sequer foi citado e que nada tem a ver o ele.

    A Operação Zelotes aponta que as quadrilhas, formadas por conselheiros, ex-conselheiros e servidores públicos e investiga falcatruas dentro do CARF (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais) da Receita Federal e os principais implicados nestas falcatruas são, segundo as investigações apontada pela FSPUOL, Entre 74 empresários, companhias e entidades investigadas estão nomes como Petrobras, Embraer, TIM e o Partido Progressista (PP). Cada um é acusado de ter diferentes níveis de envolvimento no esquema.

    Em 12 dos processos, a polícia encontrou “elementos consideráveis de irregularidades”. Estão nesse grupo Gerdau e RBS; as companhias Cimento Penha, J.G. Rodrigues, Café Irmãos Júlio, Mundial-Eberle; as empresas do setor automotivo Ford e Mitsubishi, além de instituições financeiras Santander, Safra, Bradesco e Boston Negócios.

    Entre os conselheiros citados está Maurício Rebelo de Albuquerque Silva, pai de Eduardo da Fonte (PE), líder do PP na Câmara. *** ***:  

    O Itaú Unibanco.

    Ex-conselheiro do Carf Edison Pereira Rodrigues.

    Os conselheiros que participaram do julgamento dos processos, José Ricardo da Silva, Valmir Sandri e Valmar Fonseca Menezes.

    O Bank of America, que também foi alvo de buscas.

    A siderúrgica Gerdau.

    Banco Bradesco, o presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, e outros três altos funcionários do banco tornaram-se réus em um dos processos.

    Banco Safra.

    Oito pessoas investigadas pela Zelotes já foram condenadas à prisão, incluindo o ex-conselheiro José Ricardo, que pegou 11 anos, e o advogado Mauro Marcondes, com pena de 11 anos e oito meses.

    O ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Augusto Nardes, relator da reprovação das contas da presidente Dilma Rousseff, e outro investigado de peso da Zelotes.* *** ***

     

    Lula não tem nada a ver com a Operação Zelotes, mas a matéria tenta imputar a ele crimes cometidos por outros, é um contra senso geral, principalmente por que o Banco Itaú indicou o atual Presidente do Banco Central e teve dividas perdoados junto ao fisco no valor de 25 bilhões de reais e sabem onde se deu tal fato? No CARF. ** *** ***

     

    Resumo da matéria 1) Matéria destinada a enredar, a mentir, a validar o famoso e ridículo organograma do promotor Deltan Dallagnol, são tantas as mentiras desta matéria, que é um horror vê-la publicada.

     

    Análise Resumo da matéria 2, sobre temer

    ) Ela se destina mostrar como serão perdoados 23 bilhões de reais aos sonegadores, como se fosse uma ação positiva do governo.

    Aos inocentes imputa-se crimes, aos culpados dá-se o perdão, nem Maquiavel previu isso.

     

    1) https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-brasil/2017/05/15/lula-e-indiciado-pela-pf-por-corrupcao-passiva-defesa-nega-qualquer-ato-ilicito.htm

     

    2) http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/05/1884348-para-aprovar-reforma-governo-cede-em-novo-programa-para-devedores.shtml

     

    *http://www.legiscenter.com.br/minha_conta/bj_plus/direito_tributario/atos_legais_federais/leis/1999/23b9826_dou081999.htm

     

    ** https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2013/05/29/por-nao-instalar-fabrica-no-rs-ford-tera-de-pagar-r-162-mi-ao-estado.htm

     

    *** http://www1.folha.uol.com.br/fsp/dinheiro/fi16069910.htm

     

    **** http://www.politicareal.com.br/noticias/nordestinas/15336/bahia-senador-apresenta-relatorio-da-mp-da-ford

     

    ***** http://www.politicareal.com.br/noticias/nordestinas/15336/bahia-senador-apresenta-relatorio-da-mp-da-ford

     

    *** *** http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2015/04/1611246-entenda-a-operacao-zelotes-da-policia-federal.shtml

     

    * *** ***  http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2016/12/1837389-pf-deflagra-8-fase-da-operacao-zelotes.shtml

     

    ** *** ***   https://oglobo.globo.com/economia/carf-decide-favor-do-itau-em-processo-de-25-bi-de-impostos-21186804

     

     

    Esmael Leite da silva

     São Bernardo do Campo, 16 de maio de 2017, 09p8minh

     

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Sair da versão mobile