“Lula livre”, pede Renan Calheiros, em vídeo nas redes sociais


Foto: AFP
 
Jornal GGN – “Você pode gostar ou não gostar de Lula, pode concordar ou não concordar com as suas ideias. Mas você sabe, agora, finalmente estão surgindo as provas”, disse o senador Renan Calheiros (MDB), em vídeo publicado nas redes sociais, criticando a perseguição judicial contra o ex-presidente Lula.
 
“Denunciaram Lula sem provas. Foram além, condenaram o Lula sumariamente sem provas. Foram além do além e condenaram Lula em Segunda Instância sem provas. Como se não bastasse, fizeram tudo para prender Lula sem provas”, introduziu Renan.
 
Em seguida, o parlamentar mostrou indignação com o “ato de insubordinação” ao não cumprir a ordem de liberdade do ex-presidente determinada pelo desembargador de plantão. “O Supremo tem maioria a favor da soltura do Lula, mas o tema não é apreciado pela Corte. Isso tem prova. Lula é condenado por ser dono de um apartamento que pertence à empresa e não a ele. Isso tem prova”, seguiu.
 
“São inacreditáveis os caminhos tomados. Quando as provas inocentam, prende-se. Quando as provas condenam, absolve-se. São sinais trocados de uma época bipolar. Lula livre”, concluiu Renan Calheiros.
 
Assista ao vídeo:
 
https://www.youtube.com/watch?v=cRXGOF3kZBw width:700 height:394
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora